Category Archives: UFC

Dana White afirma que próxima temporada do TUF poderá ser a última
   30 de maio de 2018   │     0:02  │  0

   Mandatário colocou em dúvida o futuro da atração, que revelou inúmeros talentos (Foto: Jason Silva)
Mandatário colocou em dúvida o futuro da atração, que revelou inúmeros talentos (Foto: Jason Silva)

 

A primeira temporada do The Ultimate Fighter, marcada pela luta histórica entre Forrest Griffin e Stephan Bonnar, alavancou a audiência do UFC e fez os holofotes da mídia se voltarem novamente para a organização, em 2005. Treze anos depois, porém, o reality show pode estar com os dias contados, segundo Dana White, presidente da companhia.

– Não sabemos ainda, estamos indo para a temporada mais recente do The Ultimate Fighter. Poderá ser a última, não sabemos. Lá se vão 13 anos. É incrível – declarou ao site “MMA Junkie”.

A próxima temporada do TUF – a 27ª realizada pelo Ultimate – vai reunir apenas lutadores das categorias leve e pena que estejam invictos em seus cartéis no MMA profissional. Os campeões do reality show serão conhecidos nas lutas decisivas pelo título do programa, no TUF 27 Finale, dia 6 de julho, em Las Vegas.

No dia seguinte, no UFC 226, os treinadores desta temporada estão escalados para se enfrentarem no combate principal. Campeão do peso-pesado, Stipe Miocic defenderá o cinturão contra Daniel Cormier, dono do título dos meio-pesados, que subiu de divisão para desafiar o americano de origem croata.

Blog com Combate

 

Bisping comemora derrota de Belfort: “Deus abençoe Machida”
   21 de maio de 2018   │     0:01  │  0

   Curtinhas: Bisping comemora derrota de Belfort:
Bisping na sua luta com o brasileiro Belfort, quando foi derrotado sem contestação (Foto: Divulgação)

 

Michael Bisping até hoje não engoliu o nocaute sofrido contra Vitor Belfort em 2013. Na ocasião, o brasileiro fazia terapia de reposição de testosterona (TRT), que hoje é proibido pela USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos), e o inglês atribui a isso o revés. Em seu podcast, chamado “Believe You Me”, o Conde detonou o Fenômeno ao comentar a derrota do lutador contra Lyoto Machida, no último sábado, no UFC Rio 9.

– É muito gratificante vê-lo perder. Ele construiu sua carreira sendo trapaceiro. A quantidade enorme de esteroides que ele tomou durante sua carreira é evidente. Você olha para ele no início e era muito bombado. Quando lutamos, ele estava insanamente bombado. Hoje, você olha para ele e ele parece um velho acabado. Está sendo nocauteado como um velho acabado e lutando como um velho acabado. Ele é hipócrita ao ponto de ir lá e falar sobre ser uma boa pessoa. O cara é um trapaceiro, não tem honra. Gostaria de ter sido a pessoa que o nocauteou, mas ainda assim é divertido vê-lo receber o que merece, porque ele fez isso a muita gente e causou lesões. Ele f**** meu olho. É a ele que devo culpar por aquilo. Deus abençoe Machida. Grande trabalho – disparou.

Blog com COMBATE

 

Jon Jones homenageia Belfort: ‘Nada além de respeito”
   19 de maio de 2018   │     0:03  │  0

Jon Jones (à esq.) e o brasileiro Vitor Belfort na pesagem para o UFC 152

 

Jon Jones foi mais uma importante figura do MMA a reverenciar Vítor Belfort por sua aposentadoria. Por meio de uma de suas redes sociais, o ex-campeão dos meio-pesados do UFC fez uma publicação em homenagem ao ex-lutador brasileiro.

“Aproveite sua aposentadoria, irmão, você merece. Obrigado pela luta magnífica, aprendi muito sobre eu mesmo naquela noite. Nada além de respeito por você, Vitor Belfort. PS: Eu sei que meu braço seria um trofeuzinho legal para você, talvez nós possamos fazer de novo alguma hora no futuro. Uma luta de jiu-jítsu pra caridade ou algo assim”, escreveu Jones.

A luta entre Jon Jones e Vítor Belfort foi a principal do UFC 152, no dia 22 de setembro de 2012. O americano finalizou o brasileiro no quarto round e manteve o título dos meio-pesados. O brasileiro, de 41 anos, anunciou aposentadoria no último final de semana, quando foi nocauteado por Lyoto Machida, no UFC 224.

Blog com VEJA

Dana rechaça superluta entre os campeões Johnson e Dillashaw
   29 de março de 2018   │     0:03  │  0

Resultado de imagem para Dana White,

 

Presidente do Ultimate, Dana White, (foto acima), afirmou que “Mighty Mousey” está machucado e que o confronto não vai acontecer, como os lutadores estavam planejando.

Demetrious Johnson, campeão peso-mosca, e TJ Dillashaw, dono do cinturão dos galos, estão há alguns meses negociando para uma superluta. Contudo, Dana White, presidente do Ultimate, rechaçou o confronto em entrevista ao jornal LA Times.

– A luta nunca foi concretizada. Além disso, Demetrious Johnson está machucado e fora por um tempo – disse o “Big Boss”.

Recordista em defesas de cinturão consecutivas no UFC (11), Johnson não luta desde outubro de 2017, quando finalizou Ray Borg, no UFC 215. Já Dillashaw recuperou o posto de campeão dos galos ao vencer Cody Garbrandt por nocaute técnico no histórico UFC 217, em novembro passado.

De acordo com a imprensa nos Estados Unidos, Johnson se recupera de uma lesão no ombro e planeja retornar ao octógono na International Fight Week, em julho. O Ultimate procura um desafiante para Dillashaw, mas ainda não tem nenhum nome definido.

Blog com LANCE

Werdum decepciona e é nocauteado em Londres
   17 de março de 2018   │     21:54  │  0

   Volkov x Werdum UFC Londres (Foto: Brandon Magnus/Zuffa LLC / Getty Images)
Volkov x Werdum UFC Londres (Foto: Brandon Magnus/Zuffa LLC / Getty Images)

 

No duelo entre o jiu-jítsu de Fabrício Werdum e o jogo em pé de Alexander Volkov, melhor para o russo na noite deste sábado no UFC Londres. Depois que o brasileiro conseguiu ser efetivo no chão nos dois primeiros rounds, o russo passou a dominar o combate e conseguiu o nocaute técnico aos 1m38 do quarto round.

A vitória na capital inglesa contra o ex-campeão peso-pesado (até 120kg) deixou Volkov mais perto da disputa pelo título, já que hoje ele é o oitavo do ranking. Foi a vitória de número 30 na carreira do russo, que tem ainda seis derrotas no cartel.

Fabrício Werdum, que vinha de duas vitórias seguidas, fica em situação mais complicada na divisão dos pesados para ter uma nova chance de ser campeão, o que será difícil de acontecer. Agora, o cartel do lutador gaúcho é de 23 vitórias, oito derrotas e um empate.

Blog com Combate