CSA inicia venda de ingressos para o jogo ‘fatal’
   19 de setembro de 2017   │     21:59  │  0

A diretoria do CSA inicia amanhã a venda dos ingressos para o jogo do acesso contra o Tombense, marcado para a próxima segunda-feira (25), às 20h30, no Estádio Rei Pelé, pelas quartas de finais da Série C do Campeonato Brasileiro.

Os preços variam entre R$ 25, R$ 40 e R$ 100 para as arquibancadas baixa, alta e para as cadeiras, respectivamente. Sócios adimplentes têm acesso garantido ao setor correspondente ao plano do associado.

Leia mais na edição desta quarta do seu blog preferido.

Arivaldo Maia

COMENTÁRIOS 0

Mazola Júnior comanda primeiro treino em seu retorno ao CRB
     │     19:23  │  0

Resultado de imagem para Mazola Júnior do CRB

 

Na tarde desta terça-feira (19), no CT Ninho do Galo, na Barra de São Miguel, Mazola Júnior, (foto acima), comandou o primeiro treino como novo técnico do CRB. Esta é a segunda passagem de Mazola pelo tricampeão alagoano. E o experiente treinador chega para substituir Dado Cavalcanti, demitido após a derrota fora de casa para o Brasil de Pelotas, no último sábado (19), por 2 a 1.

No primeiro dia de trabalho, o treinador de 52 anos conversou durante vinte minutos com os atletas e, depois, realizou um treino intenso com foco na posse de bola, toques de primeira e muita movimentação. Durante a atividade, os jogadores do Galo tiveram que soar a camisa, sob o olhar atento do novo professor.

Leia mais detalhes na edição desta quarta do seu blog preferido.

Arivaldo Maia com Gazetaweb

COMENTÁRIOS 0

Torcida do CSA lota aeroporto à espera de delegação azulina
     │     16:36  │  0

Área externa do aeroporto foi tomada pela torcida azulina (Foto: AILTON CRUZ)

Após derrotar o Tombense-MG por 2 a 0, na noite dessa segunda-feira, no Estádio Almeidão, a delegação do CSA desembarcou, na tarde desta terça-feira (19), em Maceió, e com direito à grande festa da torcida azulina, que lotou as dependências do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares para recepcionar atletas, dirigentes e comissão técnica como heróis.

Tudo porque o resultado obtido no interior mineiro representa um grande passo rumo à classificação para a Série B do Campeonato Brasileiro em 2018, pois, agora, o CSA pode até perder por diferença de 1 gol no jogo da volta, às 20h30 da segunda-feira (25), no Rei Pelé, para garantir sua vaga nas semifinais da Série C, além do acesso para a Segunda Divisão nacional.

A reportagem da Gazetaweb conversou com o torcedor Anilton José, de 47 anos, que foi sozinho ao aeroporto. Empolgado, o azulino disse nunca ter visto um time tão competitivo como o deste ano:

-Estou muito feliz em estar aqui. O Rafael Tenório reergueu esse time e só tem proporcionado alegrias a toda nação azulina. Se Deus quiser, vamos subir para a Série B.

O avião que trouxe os jogadores do CSA pousou em Maceió pouco depois das 16h, mas uma multidão já os esperava desde o início da tarde, quando dezenas de policiais militares foram mobilizados para garantir a segurança de torcedores, atletas, passageiros e funcionários do aeroporto.

De acordo com o comandante do BPTran, major Felipe Lins, batedores foram acionados parta a escolta do time até o CT Gustavo Paiva, no Mutange.

-Temos cerca de 50 policiais empregados nesta operação. Estamos aqui para garantir que tudo transcorra dentro da normalidade.

Blog com Gazetaweb

COMENTÁRIOS 0

Flávio Araújo vive momento especial como treinador
     │     13:46  │  0

 Flávio Araújo estreou com vitória no comando do CSA (Foto: Rafael Brito/GloboEsporte.com)

Flávio Araújo estreou com vitória no comando do CSA (Foto: Rafael Brito/GloboEsporte.com)

A estreia do técnico Flávio Araújo no CSA não poderia ser melhor. O Azulão venceu o Tombense por 2 a 0 no primeiro confronto do mata-mata da Série C e deu um passo importante para o acesso à Segundona do Brasileiro. Após a partida, o treinador comentou que a equipe jogou com inteligência e mereceu o resultado fora de casa.

– O sentimento é de merecimento. Nós merecemos a vitória, não ganhamos por acaso. Temos o sentimento de merecimento, mas temos o desafio da próxima segunda-feira que é complemento desses 180 minutos e temos que trabalhar neste sentido – disse o treinador.

Flávio Araújo, que assumiu o time depois da demissão de Ney da Matta, destacou o trabalho do seu antecessor e adotou um discurso cauteloso afirmando que o CSA venceu apenas o primeiro tempo da disputa pela vaga na Série B.

– É excelente para todo profissional do futebol assumir uma equipe que está bem na competição. O time alcançou o primeiro objetivo que era chegar no mata-mata e agora vai em busca do segundo objetivo e da meta final que é o acesso. Nós temos que continuar com os pés no chão porque não está decidido. Ter vantagem é bom, mas temos que manter a tranquilidade para a batalha final na segunda-feira.

Com a vitória, o CSA pode perder por um gol de diferença no jogo de volta que mesmo assim avança à semifinal da Série C e carimba o acesso para a Segundona. Em caso de vitória do Tombense por 2 a 0, a decisão será nos pênaltis.

Blog com Globoesporte/AL

COMENTÁRIOS 0

CSA praticamente garantido na Série B; veja os gols
     │     10:19  │  0

O CSA  começou bem a fase de quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C. Na noite de ontem na cidade mineira de Tombos (MG), no Estádio Almeidão, o time alagoano venceu a Tombense por 2 a 0 no jogo de ida, com gols de Michel e Boquita. Agora pode até perder por 1 a 0 na volta no dia 25, próxima segunda-feira, às 20h30, no estádio Rei Pelé, que mesmo assim estará na Série B de 2018.

A situação do time mineiro ficou bem mais complicada. Ele precisa vencer por 2 a 0 para levar a definição da vaga aos pênaltis ou fazer 3 a 0 para chegar às semifinais, garantindo o acesso à Série B em 2018.

INÍCIO EQUILIBRADO
O jogo em Minas Gerais começou equilibrado. Na primeira boa descida do Tombense, o atacante Keké ainda tentou cavar um pênalti ao cair dentro da área numa disputa de bola. Mas o árbitro mandou o lance seguir aos 22 minutos. Fez certo.

Mas o cenário mudou aos 34 minutos com a expulsão do volante Natan, que recebeu o segundo amarelo e depois o vermelho por faltas violentas. Se estava duro com 11, imagine com 10.

VAIAS PARA CABRAL
Para complicar, o técnico Raul Cabral completou o desastre: sacou o meia Ewerton Maradona para a entrada do volante Everton Dias. Ele tirou o ‘cérebro’ do time, além de neutralizar os dois atacantes que ficaram sem receber bola. Tanto o velocista Keké como o atacante Carlos Neto, que entrou em campo fora de ritmo.

É fácil avaliar seu erro crucial. Toda a torcida local vaiou e depois as críticas foram pesadas pela Imprensa local.

CASTIGO LÁ ATRÁS
Com um a mais o CSA passou a ganhar o campo defensivo do time da casa. Mostrou força e volume, transformando seu domínio em gol. O primeiro grande lance aconteceu aos 41 minutos.

O levantamento veio do lado direito e o atacante Michel Douglas desviou de cabeça. A bola tocou de leve na mão direita do goleiro Darley, bateu na trave, voltou nas costas do goleiro e saiu para escanteio. Um lance incrível.

Depois saiu o gol aos 44 minutos. Após uma cobrança de escanteio pelo lado esquerdo, o atacante Michel Douglas se antecipou no primeiro pau e desviou em cima do goleiro Darley. Festa da pequena torcida do Azulão que estava atrás do gol, bem perto do lance.

NA ESPERA
No segundo tempo, o CSA manteve o ritmo. Até pensou que o Tombense pudesse tentar uma loucura e se atirar ao ataque para explorar os contra-ataques.

Mas sempre quem esteve mais perto do gol foi o CSA. Aos 33 minutos, Caique chutou rasteiro e o defensor Wellington Carvalho salvou um metro na frente da linha de gol. Até então o goleiro Mota, do Azulão, continuava com o calção limpo, sem defender um chute.

Nos últimos minutos, o Tombense ainda tentou buscar o empate, mas levou o segundo gol já nos acréscimos, aos 46 minutos. O ex-corintiano Boquita recebeu a bola na frente da grande área e soltou a bomba no canto esquerdo do goleiro Darley. Fim de jogo e vaga nas mãos para os alagoanos.

A delegação do CSA retorna hoje para Alagoas e deverá ser recebida com festa no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.

Textos: Blog e Futebol Interior

COMENTÁRIOS 0