Category Archives: Geral

Andrés, Romário, Jardel e Bebeto se elegem, mas Marcelinho e Dinamite fracassam
   7 de outubro de 2014   │     0:04  │  0

O ex-presidente do Corinthians Andrés Sanchez (PT) se elegeu deputado federal pelo Estado de São Paulo, com mais de 169 mil votos. Já o ex-atacante Romário (PSB), que teve uma votação bastante expressiva (mais de 4,5 milhões de votos), foi “promovido” de deputado a senador pelo Rio de Janeiro. Seu antigo companheiro de ataque na seleção brasileira, Bebeto (SD), também teve votação suficiente e ganhou uma vaga na Assembleia Legislativa do Rio.

Ainda pelo Rio, o ex-técnico e ex-jogador Deley (PTB), conseguiu se reeleger deputado federal.

Mas eles não foram os únicos a usar a popularidade que ganharam por estarem ligados ao mundo da bola para puxar votos.

Jardel (PSD), ex-atacante do Grêmio, ganhou uma vaga na Câmara Estadual do Rio Grande do Sul. Danrlei, ex-goleiro que também fez carreira no Grêmio, se elegeu deputado federal e foi o segundo mais votado no Rio Grande do Sul.

No Paraná, o ex-árbitro Evandro Rogério Roman (PSD) se elegeu deputado federal, mas Paulo Rink (PPS), ex-atacante que concorria à mesma vaga, perdeu o pleito.

Outros candidatos também fracassaram. É o caso, por exemplo, de Marcelinho Carioca (PT) e Dinei (SD), que não conseguiram chegar à Assembleia de São Paulo. O atual presidente do Vasco, Roberto Dinamite (PMDB), também foi preterido pelos eleitores do Rio.

O mesmo destino teve Gilvan Pinho Tavares (PV), presidente do Cruzeiro, que fracassou no pleito à Câmara Federal.

Fora do futebol, Leila, ex-jogadora da seleção brasileira de vôlei, não conseguiu ser eleita deputada distrital pelo Distrito Federal.

Já o ex-ministro do Esporte Orlando Silva (PCdoB) obteve uma vaga como deputado federal pelo Estado de São Paulo.

Casa de gremista flagrada xingando Aranha é incendiada em Porto Alegre
   12 de setembro de 2014   │     17:20  │  1

A casa em que Patrícia Moreira da Silva, a torcedora do Grêmio flagrada chamando o goleiro Aranha de “macaco”, residia, na Zona Norte de Porto Alegre, foi incendiada na madrugada desta sexta-feira. Segundo o jornal “Zero Hora”, o Corpo de Bombeiros chegou ao local por volta das 4h e conseguiu controlar as chamas, que consumiam principalmente o assoalho do imóvel. O pátio da residência também foi atingido.

Patrícia, que chegou a ser acusada de morte, não mora no local desde a repercussão do fato, ocorrido no último dia 28, durante o jogo entre Grêmio e Santos, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil, na Arena do Grêmio. A mesma casa, hoje à disposição para ser alugada, já foi apedrejada. Alexandre Rossato, advogado da gremista, já prestou queixa sobre o ocorrido nesta madrugada na Polícia Civil.

– Recebemos isso (incêndio) com imensa tristeza. Estão querendo fazer justiça com as próprias mãos. Crimes estão sendo cometidos como justificativa para um crime que possa ter vindo a ser praticado pela Patrícia. É lamentável – destacou Alexandre Rossato.

 

Julgamento de Pistorius se prolongará até 16 de maio
   25 de março de 2014   │     0:02  │  0

O sul-africano Oscar Pistorius tem o julgamento mais coementado dos últimos tempos

O sul-africano Oscar Pistorius tem o julgamento mais comentado dos últimos tempos

Iniciado no dia 3 de março, o julgamento de pelo assassinato da modelo Reeva Steenkamp, ocorrido em fevereiro de 2013, está longe de acabar. O Tribunal Superior da província de Gauteng, em Pretória, comunicou que avaliação passará por um recesso de uma semana na primeira quinzena de abril e depois vai continuar até meados do mês de maio.

A pausa no julgamento de Pistorius será a partir de 7 de abril, com a retomada do julgamento sendo no dia 14 do mesmo mês. E o encerramento está previsto para 16 de maio, segundo as autoridades do Superior Tribunal da província de Gauteng. “Todas as partes” envolvidas no julgamento concordaram com o prazo ao serem consultados pelo juiz presidente Dunstan Mlambo, acrescentou o tribunal.

Pistorius é acusado de premeditar o assassinato de Reeva, ocorrido no dia 14 de fevereiro de 2013. O atleta paralímpico alega que atirou na sua namorada por engano, pois considerava se tratar de um intruso que havia invadido a sua residência.

A avaliação do caso foi paralisada na última quarta-feira e foi retomada no dia de ontem. Se for considerado culpado, Pistorius poderá até mesmo ser condenado à prisão perpétua.

Comentarista irreverente, Jorge Nunes faleceu na última sexta-feira
   2 de fevereiro de 2014   │     0:05  │  1

Comentarista da Rádio Tupi do Rio, Jorge Nunes fez história pelo seu estilo de trabalho

Comentarista da Rádio Tupi do Rio, Jorge Nunes fez história com seu estilo diferente

O rádio carioca está mais triste. No início da noite de sexta, Jorge Nunes, 63 anos, comentarista da Rádio Tupi, morreu por complicações decorrentes de uma tuberculose. Ele estava internado no hospital da Unimed, localizado na Barra da Tijuca.

Torcedor fanático do Vasco, Jorginho, como era chamado de forma carinhosa pelos seus amigos, nasceu no Sampaio, bairro da Zona Norte do Rio de Janeiro. Entre 1969 e a década de 1990, trabalhou na Light, de onde saiu para a Rádio Mauá e, em seguida, ingressou na Tropical FM. De lá, rumou para a Tupi, seu último emprego. Também assinava uma coluna no jornal O POVO e, por conta desse fato, ganhou a alcunha de “o comentarista do povo”.

Era conhecido por proferir expressões populares, tais quais “Inês é morta”, “casa da mãe Joana”, etc.. Além disso, costumava implicar e fazer piadas com certas profissões, como cientista político e pesquisador.

Em meados de 2013, afastou-se da mídia para cuidar de sua saúde. Em nota oficial, divulgada no seu site, a diretoria do Fluminense lamentou o ocorrido. O site Net Vasco também deu destaque à notícia.

Márcio Canuto continua ‘bombando’ na TV Globo-SP
   10 de novembro de 2013   │     0:10  │  1

Jô Soares conferiu recentemente o talento indiscutível do genial alagoano Márcio Canuto

Jô Soares conferiu recentemente o talento indiscutível do alagoano Márcio Canuto

Os 125 kg e 1,94 m de altura já fazem Márcio Canuto ser notado em qualquer lugar. Mas é quando ele solta a voz que se vê a fama que o precede. O tom rouco, a velocidade e, principalmente, os gritos empolgados são as características que fizeram o repórter ser conhecido na TV. E se hoje ele se dedica ao jornalismo comunitário, seu estilo único foi moldado em outra editoria: a de esportes.

Canuto já tinha todo o talento para ousar, brincar e encontrar personagens excêntricos como faz hoje, quando se embrenha nos bairros mais distantes de São Paulo para fazer seu papel de “fiscal do povo”, na TV Globo. O talentoso e divertido Jacozinho e o japonês Kazu Miura são os exemplos mais clássicos disso, com matérias que são lembradas até hoje.

O mais cômico foi Miura, um japonês que veio ao Brasil com um rico “paitrocínio”, para aprimorar seu talento no futebol. Enquanto treinava, também aproveitava para conhecer as atrações do nordeste do país. Tanto que não teve muita vergonha em dizer em uma das matérias feitas ao lado de Canuto que o que mais o surpreendeu por aqui foram os bumbuns das brasileiras.

O outro caso célebre é o de Jacozinho, um jogador que virou febre quando participou de um jogo festivo do Flamengo em 1985 e fez um golaço depois de receber passe de Maradona. Canuto aproveitou a fama e fez uma série de matérias ao lado do jogador, a ponto de se começar uma campanha para que ele jogasse na seleção brasileira.

Canuto explicou que sempre se deu bem em achar esse tipo de figuras, e que soube tirar o melhor que eles tinham a oferecer. “A força era do personagem. Eu tirava proveito disso. Era parceiro”, explica ele, que este ano completou cinco décadas de profissão, depois de começar aos 17 anos no Diário de Alagoas.

 

Blog com Maurício Dehò/UOL, São Paulo