Ge/AL monta uma possível formação CSA para o início da temporada
   10 de dezembro de 2023   │     9:00  │  0

Rogério Corrêa orienta os jogadores do CSA no CT — Foto: Augusto Oliveira/ASCOM CSA

Rogério Corrêa orienta os jogadores do CSA no CT — (Foto: Augusto Oliveira/ASCOM CSA)

Técnico Rogério Corrêa inicia trabalho de campo para estreia em 2024.

O técnico Rogério Corrêa ainda faz ajustes no time, está recebendo reforços, mas, pelo seu trabalho no Volta Redonda, é possível montar uma base para a estreia do CSA na temporada de 2024.

Ontem, o ge fez um exercício de projeção para apresentar a nova equipe à torcida.
Pela experiência, o goleiro Deivity é o mais cotado para assumir a camisa 1 da equipe. Yuri Sena tem potencial, pode acirrar a disputa nos treinos, mas de início deve ser reserva. Ex-Ituano, Deivity, porém, ainda não se apresentou para iniciar a pré-temporada e só deve começar a treinar na próxima semana.

Nas laterais, para início de trabalho, os mais cotados são Lucas Marques, de volta ao clube, e Ricardo Sena, jogador de Rogério no Volta Redonda.

Para o meio-campo, Marlon pode jogar ao lado do volante Pedro Favela numa formação mais conservadora. Gustavo Xuxa, a princípio, sai na frente para jogar na armação, mas a diretoria ainda procura um camisa 10 no mercado.

Na frente, Rogério deve usar os velocistas Douglas Skilo e Caio Vitor, ex-atletas do Volta Redonda, e o centroavante Vinícius Popó, que começou na base do Cruzeiro e fez 21 gols em 2023 por Capivariano e Operário. Bruno Santos, ex-São Bernardo, corre por fora na disputa pelo comando de ataque.

Assim, uma base para o início do ano tem: Deivity; Lucas Marques, Jean Pierre, Eduardo Biazus e Ricardo Sena; Pedro Favela, Marlon e Gustavo Xuxa; Caio Vítor, Douglas Skilo e Vinícius Popó.

O CSA estreia na próxima temporada dia 7 de janeiro, em partida eliminatória contra o Iguatu-CE, no Rei Pelé, pela pré-Copa do Nordeste.

Arivaldo Maia com Redação do ge – Alagoas