CSA tem interesse no retorno do lateral-direito Lucas Marques
   29 de novembro de 2023   │     9:00  │  0

Lucas Marques está no radar do Azulão – (Foto: A I L T O N  C R U Z)

Jogador passou pelo Azulão em 2022 e pode voltar ao clube no ano que vem.

A expectativa do torcedor azulino é que o CSA anuncie contratações ainda nesta semana. Até ontem, nenhum novo nome foi confirmado, no entanto, alguns jogadores são especulados, como o lateral-direito Lucas Marques, que jogou no time marujo no ano passado.

De acordo com informações do repórter Júnior Tenório, do Timaço na Gazeta, há interesse do Azulão no retorno do jogador. Porém, o negócio ainda não foi fechado, tampouco há a confirmação oficial pelas partes. A Gazetaweb.com também apurou que Lucas é um desejo antigo do presidente azulino, Rafael Tenório.

Aos 25 anos, Lucas Marques disputou recentemente a reta final da Série B com a camisa do Tombense. Todavia, teve pouquíssimas oportunidades e atuou em apenas uma partida pelo time mineiro, que não deve contar com o atleta, apesar do rebaixamento para a Série C.

Lucas Marques tem seus direitos federativos ligados ao Grêmio Prudente, de São Paulo, e, caso o negócio com o CSA vá para a frente, sua chegada deve ser por empréstimo, assim como foi em 2022. Só em 2023, o lateral-direito passou por três clubes diferentes. Além do Tombense, também defendeu as cores do Guarani e do Remo.

Fora o interesse que tem por Lucas, o CSA pretende anunciar três atletas mais experientes: um zagueiro, um meia e um atacante.

Como a pré-temporada azulina está prevista para começar na próxima segunda-feira, dia 4 de dezembro, há indícios de que anúncios de contratações ocorram nesta semana, pois os jogadores irão começar a chegar à capital alagoana.

Em um primeiro momento, entre os dias 4 e 6 de dezembro, os novos contratados passarão por exames clínicos, antes de iniciarem os treinamentos com bola. A estreia do CSA na próxima temporada está prevista para o dia 7 de janeiro, contra o Iguatu, na Pré-Copa do Nordeste.

Arivaldo Maia, Guilherme Nobre e Fernanda Medeiros – Redação da Gazetaweb