Cristiano Beltrão agradece apoio de presidente do CRB na Liga Forte
   2 de novembro de 2023   │     9:00  │  0

Reunião selou o acordo da Liga Forte nessa terça-feira — Foto: Christiano Beltrão/Arquivo Pessoal

Reunião selou o acordo da Liga Forte  — (Foto: Christiano Beltrão/Arquivo Pessoal)

Negociação para venda de direitos comerciais por 50 anos já foi firmada.

O CSA comemora o acordo firmado com a Liga Forte do Futebol. Presidente do Conselho Deliberativo e representante azulino na reunião, Christiano Beltrão comentou o acerto. Ele não quis revelar valores, mas o ge apurou que o clube deve receber algo em torno de R$ 6 milhões, sendo R$ 3 milhões ainda em 2023.

– Foram dois dias intensos de negociação e enfim, conseguimos bater o martelo. Aproveito para agradecer o trabalho do Mário Marroquim, pelo engajamento dele em ajudar o CSA e outros clubes. É preciso separar a rivalidade dentro de campo e fora dele para buscar o crescimento do futebol. Por tudo isso, só tenho a agradecer ao Mário. Ele foi fundamental na construção desse acordo.

Beltrão saiu satisfeito com a negociação e apontou a valorização do futebol brasileiro com o acerto da Liga.

– Sem sombra de dúvidas, é um marco para o futebol brasileiro. Com esse acordo junto à Liga Forte, haverá uma valorização ainda maior do futebol nacional e os clubes ganharão com isso. Como exemplo, digamos que um determinado clube da Série B que recebia R$ 10 milhões da CBF por ano poderá receber agora, no mínimo, R$ 20 milhões através da liga. Então, é, de verdade, uma valorização comercial muito grande para os clubes.

O presidente do conselho do CSA ainda destacou a chegada de clubes tradicionais do Brasil na Liga Forte.

– A adesão de Vasco, Botafogo e Cruzeiro também ajudou muito no fechamento do acordo com a Liga. Eles tiveram papel decisivo para essa mudança de cenário.

Arivaldo Maia com Redação do ge – Alagoas