Salah cobra ajuda humanitária em Gaza e pede fim de guerra no Oriente Médio: ‘Todas vidas são sagradas’
   22 de outubro de 2023   │     19:00  │  0

Salah não conseguiu levar o Egito para a Copa do Mundo 2022Mohamed Salah é estrela do Liverpool e da seleção egípcia – (Foto: EFE/EPA/KHALED ELFIQI)

Estrela do Liverpool e da seleção egípcia, atacante também lamentou o bombardeio ao hospital Ahli Arab, ocorrido na terça-feira, 17.

Estrela do Liverpool e da seleção do Egito, o atacante Mohamed Salah pediu nesta quarta-feira, 18, para que as autoridades internacionais ajudem a população da Faixa de Gaza.

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o jogador afirmou que a guerra no Oriente Médio “precisa acabar” e clamou por ajuda humanitária aos palestinos.

“Não é fácil falar em tempos com este. Há muita violência dentro de um contexto de muita brutalidade. Todas as vidas são sagradas e devem ser protegidas. Isto precisa de acabar. As famílias estão sendo despedaçadas.

O que está claro agora é que a ajuda humanitária deve ser autorizada a chegar a Gaza imediatamente. As pessoas lá estão em condições terríveis”, afirmou Salah, lembrando também do bombardeio ao hospital Ahli Arab, em ataque que deixou centenas de mortos.

“As cenas no hospital foram horríveis. O povo de Gaza precisa urgentemente de comida, água e suprimentos médicos. Apelo aos líderes mundiais para que evitem mais massacres de almas inocentes. A humanidade deve prevalecer”, completou o atleta de 31 anos.

Arivaldo Maia com Redação da Jovem Pan – São Paulo