Gabigol mostra abatimento com outro vice do Flamengo: ‘Não plantamos e colhemos nada’
   26 de setembro de 2023   │     15:00  │  0

A apatia do Flamengo na decisão da Copa do Brasil esteve presente no semblante e no discurso de Gabigol após o empate por 1 a 1 com o São Paulo, no Morumbi, resultado que deixou o clube rubro-negro com o vice-campeonato. Apesar de não ser direto, o camisa 10, que iniciou o duelo no banco de reservas, fez uma crítica em cima da temporada decepcionante de sua equipe.

“Sempre falo: a gente planta as coisas para colher. Não plantamos muitas coisas, não colhemos nada. Agora temos 15 jogos em que temos que buscar quem sabe o título do Brasileirão”, disse Gabigol.

Apesar de garantir no discurso que o Flamengo ainda tentará o título brasileiro, Gabigol citou várias vezes que um dos objetivos do clube na temporada é conquistar a vaga na Libertadores, ameaçada com o sétimo lugar do time rubro-negro no Campeonato Brasileiro.

Sobre a partida, Gabigol considerou que o Flamengo foi melhor, mas perdeu por ter feito uma partida ruim no jogo de ida, no Maracanã. “A gente fez um jogo muito bom hoje, a final é feita de dois jogos. Fomos melhores do que eles hoje, mas nos 180 minutos eles acabaram sendo melhores do que a gente.”

Antes de entrar na partida, Gabigol foi visto no banco de reservas gesticulando várias vezes com o técnico Sampaoli, claramente decepcionado por não estar em campo. Quando acionado, não brilhou, tanto que não teve nenhuma chance para decidir.

Gabigol não foi o único atleta decepcionado com mais um tropeço do Flamengo. O atacante Bruno Henrique, que pode estar fazendo a sua última temporada com a camisa rubro-negra, foi visto chorando copiosamente. Ele recebeu um abraço do técnico Dorival Júnior, com quem foi campeão da mesma Copa do Brasil no ano passado. Arrascaeta foi outro que recebeu um carinho do treinador.

Após mais um vice-campeonato, o Flamengo volta a campo no sábado, às 16h, para enfrentar o Bahia, no Maracanã, pela 25ª rodada do Campeonato brasileiro.

“A gente fica triste por perder mais uma final. Mas vamos com força máxima no Brasileirão. Ainda acreditamos no título e queremos buscar a vaga na Libertadores”, afirmou.

Arivaldo Maia com Redação do ESTADÃO CONTEÚDO