Category Archives: Torcida

Justiça mantém proibição e torcedores do Vasco não podem ir a estádios
   27 de agosto de 2018   │     0:02  │  0

Resultado de imagem para Vasco X Fla
 

O juiz em exercício no Juizado do Torcedor e Grandes Eventos do Rio de Janeiro, Bruno Rulière, manteve o afastamento de eventos esportivos de 71 torcedores do Clube de Regatas Vasco da Gama, que estiveram na segunda-feira (20), no Fórum Central do Rio, em audiência de instrução e julgamento de processo instaurado no ano passado.

Presos por policiais do Grupo Especial de Policiamento em Estádios (Gepe) da Polícia Militar, os réus estão sendo acusados de formação de quadrilha (artigo 288 do Código Penal), incitação à violência (artigo 41-B da Lei 10.671/03) e de desobediência (artigo 330 do Código Penal), por desrespeitar decisão judicial que proíbe reunião da Força Jovem do Vasco num raio inferior a 5 quilômetros do local de partida de futebol.

Como foi
Os torcedores estavam reunidos antes de jogo Flamengo x Vasco, no dia 28 de outubro de 2017. O Juizado do Torcedor já determinou o afastamento dos estádios de um total de 644 torcedores no Estado do Rio.

A audiência recente durou cinco horas e foram ouvidas testemunhas de acusação, o subcomandante do Gepe e outros três policiais que executaram as prisões na sede da Torcida Jovem do Vasco, na Rua Bonfim, em São Cristóvão.

Na ocasião, os policiais aprenderam no local um punhal, um soco inglês, um porrete e fogos de artifício.

Um dos policiais reconheceu entre os réus seis integrantes da Força Jovem do Vasco. Questionados por advogados de defesa, os policiais reconheceram que as armas não foram aprendidas com os réus, mas no local onde eles se encontravam. Uma nova audiência está marcada para 5 de novembro próximo.

Blog com Agência Brasil

Luto no CSA: assassinado presidente da Mancha Azul
   20 de agosto de 2018   │     19:57  │  0

O Presidente da torcida organizada Mancha Azul, Genildo José, conhecido como Gigante, foi assassinado na noite desta segunda-feira, na Rua Formosa, bairro da Ponta Grossa, em Maceió.

A diretoria do CSA confirmou o assassinato e lamenta a morte do líder da torcida. A polícia está no local, investigando o crime.

Aguarde mais detalhes.

Blog com Globoesporte/AL

Polícia identifica suspeito após morte de torcedor da Ponte Preta
   8 de maio de 2018   │     0:01  │  0

Com um suspeito identificado, a Polícia Civil de Campinas já iniciou as investigações sobre a morte de Leonardo Daniel Bernardes da Silva, de 18 anos, vítima de tiros em confronto entre torcidas organizadas ocorrido no bairro São Bernardo, em Campinas, no último sábado, horas antes da realização do dérbi entre Guarani e Ponte Preta, pela Série B do Campeonato Brasileiro. O jogo 191 entre os times rivais foi realizado com torcida única, no Brinco de Ouro, e vencido pela visitante Ponte Preta, por 3 a 2.

Como se trata de homicídio, o caso foi encaminhado à delegacia especializada: Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa. O delegado responsável, Rui Pegolo, foi reticente em suas primeiras declarações, prometendo um esclarecimento em breve. “Os pais e os amigos da vítima já foram intimados para depor”, afirmou o delegado.

Como já tinha sido comunicado pelo comando da Polícia Militar, ainda no sábado, o delegado confirmou a existência de um suspeito, cujo nome está sendo mantido em sigilo. Segundo testemunhas, o suposto autor do crime seria integrante da Torcida Fúria Independente do Guarani.

Um confronto de torcidas teria sido programado pelas redes sociais. Membros da Torcida Jovem, da Ponte Preta, foram até a casa do suspeito de ser o autor do homicídio, que teria sido visto com uma arma na mão disparando a esmo. Ele teria alegado legítima defesa.

Amigos socorreram Leonardo Bernardes, o Leozinho, torcedor da Ponte Preta, levado num carro até o pronto socorro do Hospital Ouro Verde, onde ele faleceu. Uma revolta teria gerado um segundo conflito em frente à casa do suspeito, protegido então por viaturas da Polícia Militar (PM). Homens da PM recolheram pedaços de paus e pedras que estavam nas ruas próximas ao confronto, muitas delas com marcas de sangue.

Blog com Jornal do Brasil

Partiu: presidente de organizada do Vasco tem prisão preventiva revogada
   19 de janeiro de 2018   │     0:04  │  0

Membros de torcida organizada do Vasco foram presos em São Cristóvão antes do clássico contra o Flamengo
Membros de torcida organizada do Vasco foram presos em São Cristóvão antes do clássico contra o Flamengo (Foto: Divulgação)

 

O presidente de organizada Força Jovem do Vasco, Sávio Agra Sassi, teve a prisão preventiva revogada. A decisão é do desembargador Paulo Rangel, da 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Ele estava preso desde outubro do ano passado, quando foi detido com mais 70 vascaínos. O grupo foi preso quando planejava uma emboscada a torcedores do Flamengo antes do clássico válido pelo Campeonato Brasileiro.

Para que seja mantida sua liberdade, Sávio terá que cumprir medidas cautelares, como comparecer quinzenalmente ao juízo. Ele também está proibido de ausentar-se da cidade e de frequentar o São Januário.

Em novembro, cerca de 63 integrantes da Força Jovem do Vasco receberam liberdade provisória. A decisão foi do juiz Guilherme Schilling Pollo Duarte, do Juizado Especial do Torcedor e dos Grandes Eventos. Os torcedores precisam fazer uso de tornozeleiras eletrônicas e só poderão deixar o Rio de Janeiro com autorização judicial.

Blog com EXTRA

 

STJD pune Corinthians com proibição de organizadas até o fim do Brasileiro
   26 de outubro de 2016   │     0:04  │  0

Torcedores ficaram "presos" no estádio por horas após o jogo entre Flamengo e Corinthians (Foto: Reprodução)Torcedores ficaram “presos” no estádio por horas após o jogo entre Flamengo e Corinthians (Foto: Reprodução)

O Corinthians não terá o apoio de suas torcidas organizadas até o fim do Campeonato Brasileiro, em dezembro. A determinação foi tomada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), levando em conta a briga entre torcedores da equipe paulista, do Flamengo, e policiais durante o empate por 2 a 2 entre os dois times no Maracanã, no último domingo, pela 32ª rodada do torneio nacional.

Sendo assim, o Corinthians será proibido de vender ingressos para torcedores “organizados” nas seis partidas restantes que tem a fazer, tanto nos duelos dentro quanto fora de casa. Além disso, o STJD determinou o fechamento total do setor Norte do Estádio de Itaquera – o local havia sido interditado há um mês depois de uma briga de torcedores com a PM no Derby com o Palmeiras, sendo liberado parcialmente na semana seguinte.

A pena foi baseada no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva e tem validade até o julgamento da comissão disciplinar do tribunal, o que deve acontecer em 15 dias. Assim como o Timão, o Flamengo foi denunciado nos mesmos termos, mas ainda não recebeu a pena. O Rubro-Negro ainda foi autuado por objetos arremessados dentro do campo de jogo.

O STJD ainda solicitou que os 31 torcedores corintianos presos no Rio de Janeiro sejam impedidos de entrar nos estádios até o final do Brasileiro de 2016.

Blog com Gazeta Esportiva