Category Archives: Série D

Série D: Começou a Quarta Divisão do futebol brasileiro
   20 de setembro de 2020   │     17:00  │  0

Logo da competição, que terá início neste sábado (19) com oito grupos de oito clubes e seis fases (Reprodução)

A fase de grupos da Série D do Campeonato Brasileiro, que significa a Quarta Divisão nacional, começa ontem, após uma breve etapa preliminar mata-mata que definiu as quatro últimas equipes aptas a disputar o torneio.

Em sua 12º edição, a Série D será disputada por 64 clubes, divididos em oito grupos com oito clubes cada. Os grupos são formados de forma regionalizada.

Com o regulamento estabelecido pela CBF, o novo campeonato será disputado em seis fases. Nessa fase de grupos, as equipes se enfrentam em jogos de ida e volta dentro do grupo, totalizando 14 partidas. Os quatro melhores colocados se classificam para a etapa seguinte.

A partir daí, as 32 equipes classificadas se enfrentam em duelos eliminatórios, com jogos de ida e de volta, até a definição do campeão. Os quatro semifinalistas garantem acesso à Série C de 2021.

Além do formato, a atual edição da Série D também traz outras novidades. Algumas equipes jogarão a competição pela primeira vez em sua história: Tupynambás (MG), Juventude (MA), Cascavel (PR), Toledo (PR), Ji- Paraná (RO), Goiânia (GO) e ABC (RN) são alguns dos debutantes.

O Vilhenense (RO), por exemplo, clube mais jovem a disputar a competição, foi fundado em 2017 e está no grupo 1. Enquanto isso, o Central, de Caruaru, é o time que mais jogou a Série D, com dez participações. O time carrega o incômodo tabu de nunca ter passado de um mata-mata.

Vários clubes conhecidos do futebol brasileiro também estão presentes nesta edição de 2020. Um deles é o São Caetano, que já foi vice-campeão brasileiro em 2000 e vice-campeão da Libertadores em 2001. Outro clube tradicional é o Bangu, vice-campeão da Série A do Brasileirão em 85. O Brasiliense, vice da Copa do Brasil de 2002.

Entre os participantes, o Joinville (SC) é o clube que está há menos tempo longe da elite. A última vez que os catarinenses disputaram a Série A foi em 2015. Já o Nacional (AM) é o time da atual Série D que mais disputou a Primeira Divisão, com 16 edições, seguido pelos rivais potiguares América-RN (15) e ABC (14).

Outro fato curioso da edição de 2020 é que alguns times desistiram de participar do campeonato antes do início e tiveram de ser substituídos. Luverdense (MT), Patrocinense (MG) e CRAC de Catalão (GO) deram lugar a Vila Nova (MG), Sinop (MT) e Aparecidense (GO).

A Série D tem previsão de término apenas para o dia 7 de fevereiro, devido à paralisação do futebol brasileiro com a pandemia da Covid-19, o que atrasou todo o calendário nacional.

Blog com Terra Esportes

Com quatro meses de atraso, Série D começa hoje
   6 de setembro de 2020   │     11:30  │  0

Taça da Série D do Campeonato Brasileiro — Foto: Rômulo Almeida

Taça da Série D do Campeonato Brasileiro — (Foto: Rômulo Almeida)

A 12ª edição da Série D do Campeonato Brasileiro começa neste domingo com a fase preliminar. Com 68 clubes, a competição deste ano ganhou uma nova fórmula: pré-Série D, mata-mata com oito times, e oito grupos com oito equipes na luta pelo acesso à terceira divisão em 2021.

Apesar dos quatro meses de atraso por conta da pandemia do novo coronavírus, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) manteve o formato, os grupos divulgados ainda em março e só atualizou as datas dos jogos.

A etapa preliminar vai definir os últimos quatro classificados para a fase de grupos da competição. Os jogos de ida estão agendados para este domingo e a volta vai acontecer no dia 13.

A primeira fase – já com 64 clubes – começa no dia 19 de setembro. As equipes serão divididas em oito grupos, com oito times em cada, com partidas de ida e volta. Os quatro melhores de cada chave se garantem na segunda fase. As 32 equipes vão se enfrentar em confrontos eliminatórios até a definição do campeão e dos acessos à Série C de 2021: oitavas, quartas, semifinais e finais.

Desistências

Devido às dificuldades financeiras por conta da pandemia da Covid-19, três equipes desistiram de disputar a competição de 2020. O Patrocinense-MG, que estava no Grupo 6, foi substituído pelo Villa Nova-MG. No Grupo 5, o CRAC-GO saiu e a Aparecidense-GO ficou com a vaga. Já na Chave 2, o Sinop-MT entrou no lugar da Luverdense.

Resumão da Série D 2020

Fase preliminar: 8 times disputam 4 vagas (de 6 a 13 de setembro)
Fase de grupos: oito grupos com oito times: 64 equipes (de 19 de setembro a 28 de novembro)
Segunda fase: início do mata-mata com os 32 times classificados (de 5 a 13 de dezembro)
Oitavas de final: 16 classificados (de 19 a 28 de dezembro)
Quartas de final: 8 classificados (de 2 a 10 de janeiro)
Semifinais: quatro classificados garantem vaga na Série C 2021 (de 17 a 24 de janeiro)
Finais: campeão e vice (de 31 de janeiro a 7 de fevereiro)

Confira jogos da pré-Série D e grupos

Fase preliminar

Jogos de ida – 6 de setembro (domingo)
Ji-Paraná x Nacional-AM – Estádio Biancão – 16h
Baré x Ypiranga-AP – Canarinho – 17h
Real Noroeste x Aquidauanense – José Olimpio da Rocha – 15h
Tocantinópolis x Brasiliense – João Ribeiro – 16h

Jogos de volta – 13 de setembro (domingo)
Nacional-AM x Ji-Paraná – Arena da Amazônia – 16h
Ypiranga-AP x Baré – Zerão – 17h
Aquidauanense x Real Noroeste – Noroeste – 16h
Brasiliense x Tocantinópolis – Boca do Jacaré – 15h

Blog com ge.globo

Clubes da Série D pedem dinheiro e reunião urgente
   13 de julho de 2020   │     15:00  │  0

Os 68 clubes da Série D do Campeonato Brasileiro assinaram um comunicado pedindo socorro financeiro à CBF para pagamento de salários. Os times reivindicam R$ 120 mil para quitar os vencimentos de junho e julho.

O valor está ligado ao pagamento feito pela CBF no início da pandemia. A Confederação calculou a folha salarial média dos participantes e ofereceu duas vezes o valor para auxílio nos vencimentos de abril e maio. No total, o órgão desembolsou R$ 8,16 milhões.

Além da questão financeira, os clubes também pediram permissão para venda de diretos de transmissão das partidas, além de novas placas de publicidade nos campos e divulgação do novo calendário detalhado da Série D. A CBF já divulgou que o torneio começará dia 9 de agosto e terminará em 31 de fevereiro de 2021.

O documento também pede permissão para que os clubes em situação financeira complicada desistam da disputa do campeonato sem nenhuma punição.

Por fim, as equipes solicitaram uma reunião urgente com a CBF para discutir as questões levantadas.

Blog com Terra Esportes

“Decisão” da Série D supera públicos da Série A
   25 de julho de 2019   │     19:45  │  0

Resultado de imagem para arena da amazonia da decisão da série d
Arena da Amazônia recebeu um dos maiores públicos do Brasil na decisão da Série D, no último sábado (Foto:Globo Esporte)

 

Goleada do Manaus sobre o Caxias-RS, que culminou no acesso à Série C de 2020, recebeu 35.689 pessoas, superior a São Paulo x Chape, Inter x Grêmio e Corinthians x Fla, respectivamente.

Em campo, resultado positivo, com a vitória por 3 a 0 em cima do Caxias-RS e a classificação inédita à Série C do Brasileiro. O Manaus obteve o recorde de público pagante (35.689 torcedores) da Série D na atual temporada, além da maior marca do futebol brasileiro na rodada.

A segunda maior, para se ter uma ideia, foi na partida entre São Paulo e Chapecoense: 35.558 torcedores pagaram para assistir a goleada de 4 a 0 do tricolor paulista no Morumbi. O clássico entre Internacional e Grêmio, no sábado, levou 35.103 pagantes ao Beira-Rio e fechou o “pódio”.

A marca também foi significativa porque ficou à frente de Corinthians e Flamengo, clubes com as duas maiores torcidas do Brasil: 34.737 pagaram para assistir o empate na Arena Corinthians, a quarta maior da rodada. Na quinta colocação aparece o Ceará, que levou 32.287 pagantes ao Castelão na vitória por 2 a 0 sobre o Palmeiras.

Borderô

Ainda assim, na bilheteria, “apenas” R$ 393 mil de lucro, apesar da renda total de R$ 635.020,00. Somente a despesa com a operação do jogo, que inclui antidoping, quadro de arbitragem, quadro móvel e até lanche do policiamento, representa quase 22% das receitas totais.

As despesas operacionais, portanto, foram de R$ 145.018,20 no borderô da partida, disponível no site da CBF. A FAF, o INSS e o ISS comem, no total, mais R$ 95 mil. Ao todo, foram R$ 242.055,65 em despesas na Arena da Amazônia.

Ao Gavião do Norte, retirados todos custos, restou cerca de 61% do valor arrecadado com a venda de ingressos. Vale dizer que a Sejel, responsável pela administração, não cobra os tradicionais 10% pelo aluguel do campo. Ou seja: mais 39 mil para o cofre do clube.

Blog com Globo Esporte

Série D conhece os classificados às oitavas
   24 de junho de 2019   │     11:00  │  0

A Série D do Campeonato Brasileiro teve mais uma rodada de emoção no último fim de semana. Ontem, com 13 partidas finalizadas, foram definidos os confrontos das oitavas de final da Quarta Divisão do futebol nacional. Depois de começar com 68 clubes, agora restam 16 na briga pelo acesso à Série C do Brasileiro.

Nos duelos de volta da segunda fase, cinco deles tiveram a classificação às oitavas de final nas cobranças de pênaltis. As datas reservadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para a terceira fase são 30 de junho (jogos de ida) e 7 de julho (jogos de volta).

Confira os confrontos das oitavas de final:

  • Manaus x São Raimundo-PA
  • Floresta x Bragantino-PA
  • Jacuipense x América-RN
  • Itabaiana x Flu de Feira
  • Iporá x Juazeirense
  • Ituano x Vitória-ES
  • Brusque x Boavista
  • Cianorte x Caxias
  • (Blog com GloboEsporte)