Category Archives: Série B

Jogo em Londrina é final antecipada e valiosa para o CRB
   16 de novembro de 2018   │     9:17  │  0

Resultado de imagem para Londrina x CRB

O estádio do Café será palco da primeira decisão do final de semana, quando o Londrina recebe o CRB pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O jogo marcado para as 20h30 pode tirar o time alagoano da zona de rebaixamento ou selar o time da Londrina na briga por uma vaga no G4.

Com 55 pontos, o Londrina vem de 11 jogos sem perder, mas sabe que o empate por 0 a 0 com o Oeste na última rodada distanciou o clube de uma vaga no G4, com 55 pontos. Por isso o clube precisa do resultado dentro de casa para chegar na última rodada com chances matemáticas de acesso. Já o CRB vem de um empate amargo contra o Criciúma por 3 a 3 e segue com 42 pontos, na zona de rebaixamento.

DE BOA

Apesar do jogo ser considerado quase uma final em Londrina, o técnico Roberto Fonseca não fez questão nenhuma de fazer mistério. No último treino no estádio do Café, palco da partida, o treinador já adiantou que o time vai ter apenas uma mudança em relação ao que empatou por 0 a 0 com o Oeste na última rodada: o volante Jardel no lugar de João Paulo, que recebeu o terceiro cartão e está suspenso.

“O Jardel era uma peça indispensável em vários jogos, como ainda tem sido. É um jogador que deve suprir, tem toda a dinâmica que estamos usando na competição. É um jogador que chega mais, tem uma articulação boa, fez várias assistências. Em termos de armação, a gente acaba ganhando com o Jardel”, avaliou o técnico Roberto Fonseca.

QUEM JOGA?

Sobre o time que viaja para Londrina, o técnico Roberto Fernandes está fazendo mistério. O CRB já sabe que não vai poder contar com o lateral direito Diogo Mateus, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Edson Ratinho também não foi relacionado e segue vetado pelo Departamento Médico, se recuperando de lesão. O atacante Iago, por outro lado, volta a ficar à disposição, mas provavelmente apenas como opção no banco.

A grande surpresa na delegação que embarcou para o Paraná foi o atacante Neto Baiano, que chegou a ser descartado pelo técnico, mas apareceu de última hora na lista de relacionados. Ele voltou a treinar recentemente depois de três semanas se recuperando de lesão e por isso ainda está sem ritmo de jogo. Roberto Fernandes não deu nenhuma pista sobre o time que começar jogando, mas com certeza tem muitas dúvidas.

Londrina: Vagner; Lucas Ramon, Dirceu, Leandro Almeida e Sávio; Germano, Jardel e HigorLeite; Paulinho Moccelin, Felipe Marques e Dagoberto.
Técnico: Roberto Fonseca

CRB: João Carlos; Tinga (Alípio), Anderson Conceição, Everton Sena e Paulinho; Claudinei, Rafael Carioca, Felipe Menezes e Willians Santana; Iago e Neto Baiano (Mazola).
Técnico: Roberto Fernandes

Arivaldo Maia e Futebol Interior

Londrina x CRB – Jogão com cara de ‘final’
   15 de novembro de 2018   │     22:51  │  0

O estádio do Café recebe a primeira decisão do final de semana nesta sexta-feira, quando o Londrina recebe o CRB pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B – no domingo o estádio recebe o Palmeiras, que pode ser campeão no final de semana. O jogo marcado para as 20h30 pode tirar o time alagoano da zona de rebaixamento ou selar o time da Londrina na briga por uma vaga no G4.

Com 55 pontos, o Londrina vem de 11 jogos sem perder, mas sabe que o empate por 0 a 0 com o Oeste na última rodada distanciou o clube de uma vaga no G4, com 55 pontos. Por isso o clube precisa do resultado dentro de casa para chegar na última rodada com chances matemáticas de acesso. Já o CRB vem de um empate amargo contra o Criciúma por 3 a 3 e segue com 42 pontos, na zona de rebaixamento.

Blog com Futebol Interior

CSA coloca água no chopp do Fortaleza; CRB faz dever de casa
   7 de novembro de 2018   │     0:05  │  0

Com a vaga carimbada na elite nacional em 2019, o Fortaleza não conseguiu antecipar o título do Campeonato Brasileiro da Série B ao empatar, por 1 a 1, com o CSA, na noite passada, na Arena Castelão pela 35.ª rodada. Frustrante para mais de 47 mil torcedores.

Agora o time dirigido por Rogério Ceni, grande ídolo do São Paulo, só depende de um empate nos próximos três jogos para conquistar o seu primeiro título nacional.

SÓ FALTA UM PONTO
O resultado justo deixou o Fortaleza na liderança isolada com 65 pontos, seguido pelo próprio CSA com 58 pontos. Depois aparecem Goiás e Avaí fechando o G4 – zona de acesso. São os favoritos para confirmara o acesso nas últimas três rodadas.

Antes do jogo houve muita festa no estádio, com fogos de artifício e mosaico nas arquibancadas.

Neste clima de decisão, o jogo começou seis minutos atrasado. Ao contrário do que Rogério Ceni imaginava, o CSA praticamente abriu mão de atacar. O técnico Marcelo Cabo tirou o lateral Rafinha para a improvisação de Matheus Lopes pelo lado esquerdo pra reforçar o bloqueio defensivo.

BELO GOL
Com o adversário recuado, restou ao Fortaleza tomar toda a iniciativa de jogo. Apesar de amplo domínio, o Tricolor de Aço não conseguia as infiltrações para finalizar com perigo. Parecia esperar a chance certa. Ela apareceu aos 35 minutos. O zagueiro Diego Jussani arriscou o lançamento longo que encontrou Dodô dentro da área. Ele ajeitou a bola no peito, girou o corpo e bateu diagonal. Um belo gol.

A expectativa era pela postura dos times na volta do intervalo. O primeiro lance de perigo foi do time cearense, com Marcinho descendo pela direita e rolando para o chute de Marlon. A bola saiu forte, mas para fora.

CSA FORÇOU A BARRA
O CSA se soltou e quase empatou aos 11 minutos, quando Rubens foi lançado em velocidade, o zagueiro Ligger se atrapalhou com a bola e ficou com o atacante alagoano. Ele cortou Ligger e chutou, a bola desviou no goleiro Marcelo Boeck e ainda no travessão. A defesa aliviou no rebote. Desta vez, o Fortaleza deu sorte.

Preocupado em tirar seu time da defesa, Ceni trocou o meia Marlon pelo atacante Éderson. Em seguida, aos 15 minutos, Cabo reforçou seu ataque: tirou o lateral Matheus Lopes para a entrada de Neto Berola, aberto pelo lado direito.

MERECEU O EMPATE
O CSA não desistiu de atacar. Aos 23 minutos, a defesa não cortou o cruzamento, mas Hugo Cabral chutou errado no corpo de Felipe. Aos 29 minutos, após levantamento, Marcelo Boeck soltou e depois teve que dividir a bola com Hugo Cabral para evitar o gol.

O Fortaleza sentiu a ansiedade pelo título e parecia esperar o apito final. Mas o CSA empatou aos 36 minutos. Após escanteio, houve desvio no primeiro pau e do outro lado Hugo Cabral entrou de barriga para empurrar a bola para as redes.

O jogo ficou aberto, embora os dois times tenham diminuído o ritmo por causa do cansaço. Festa adiada no Castelão.

JOGOS NO SÁBADO
No sábado, o Fortaleza vai enfrentar o Avaí, em Florianópolis, noutro duelo entre times dentro do G4. O CSA vai receber o Atlético-GO, no estádio Rei Pelé.

Galo vence e abre quatro pontos da zona de rebaixamento

O CRB deu passo importante para permanecer na Série B do Campeonato Brasileiro ao derrotar o Juventude pelo placar de 2 a 0 na noite passadsa, no Estádio Rei Pelé, pela 35ª rodada. Em contrapartida, praticamente rebaixou o time de Caxias do Sul.Com o resultado, o CRB terminou a rodada na 16ª colocação, com 41 pontos, quatro a mais do que o Paysandu, o primeiro dentro do descenso. Com 35, o Juventude é o 18º.

GALO NA FRENTE!
Em duelo direto contra o rebaixamento, o CRB aproveitou a força da sua torcida para pressionar o Juventude logo de cara e precisou de apenas 11 minutos para abrir o marcador. Iago partiu em velocidade e cruzou. Mazola fez o corta-luz para Renan Oliveira, que chutou no fundo das redes.

O Juventude não abaixou a cabeça e ficou muito perto de empatar aos 18 minutos, quando Neuton recebeu na entrada da área e arriscou. A bola passou rente à trave de João Carlos, que segurou de forma tranqüila uma tentativa de Gabriel Valentini.

O time alagoano ainda tentou achar um segundo gol na etapa final, mas desperdiçou grande oportunidade. Willians Santana disparou e tentou o chute cruzado. Douglas se esticou, mas não conseguiu desviar para o gol.

FECHOU A CONTA!
O CRB voltou para o segundo tempo propondo um jogo lento, truncado, tentando segurar o empate. Com sérias limitações técnicas, o Juventude se viu preso na marcação rival e só foi chegar com perigo aos 15 minutos. Gabriel Valentini arriscou, mas João Carlos encaixou.

O time alagoano seguiu o plano à linha e achou um segundo gol aos 35 minutos. João Carlos saiu jogando, Paulinho desviou e a bola parou nos pés de Iago. Ele cruzou rasteiro para Willians Santana ampliar o marcador no Rei Pelé.

PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima rodada, o Juventude enfrenta a Ponte Preta na sexta-feira, às 20h30, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS). No sábado, às 16h, o CRB visita o Criciúma no Heriberto Hülse, em Criciúma (SC).

Blog com Futebol Interior

CRB terá alterações hoje; CSA joga para vencer no Ceará
   6 de novembro de 2018   │     0:05  │  0

O CRB realizou último treino na tarde de ontem com portões fechados, quando o técnico Roberto Fernandes definiu o time que vai enfrentar o Juventude, logo mais às 20h30, no Estádio Rei Pelé, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Para este jogo, o treinador alvirrubro pode voltar a utilizar o lateral-esquerdo Paulinho, que vem de suspensão. Em contrapartida, perde o meia Felipe Menezes, pois recebeu o terceiro cartão amarelo diante do Boa Esporte. O Galo encara o jogo como “decisão”, já que a vitória pode espantar o rebaixamento.

A vitória contra o Boa Esporte no último sábado (3) cumpriu a primeira parte da missão de fazer seis pontos nesta sequência de dois jogos seguidos em Maceió. Buscando esse objetivo, o grupo já entrou em regime de concentração desde esse domingo e todo o foco está voltado em vencer o Juventude.

Este será mais um confronto de “seis pontos” porque apenas três pontos separam as duas equipes. Porém, o Galo tem duas vitórias a mais em relação ao Juventude: nove contra sete. O clube gaúcho é o primeiro a abrir a zona do rebaixamento. Já o CRB é o primeiro fora da zona do rebaixamento. A preocupação do técnico Roberto Fernandes está na criação do meio-campo.

Sem Felipe Menezes lutam pela posição Diego Rosa, Leílson e Renan Oliveira. A meta é deixar o time ofensivo até porque vai para mais um jogo em casa. Sobre a lateral esquerda, isso não problema porque se Rafael Carioca não for mantido entra Paulinho em seu lugar. Uma provável escalação do CRB para enfrentar o Juventude: João Carlos, Edson Ratinho, Everton Sena, Anderson Conceição e Rafael Carioca (Paulinho); Claudinei, Serginho, Renan Oliveira (Diego Rosa ou Leílson) e Willians Santana; Rafael Costa e Iago.

CSA TEM DÚVIDA NA ZAGA

O técnico Marcelo Cabo, do CSA, precisou fazer uma mudança de última hora na programação para o jogo contra o Fortaleza, logo mais às 20h30, no Castelão. Lesionado, o zagueiro Leandro Souza teve que voltar a Maceió e, assim, o treinador convocou Rony para integrar o grupo que está preparado para enfrentar o líder da Série B.

Leandro sofreu um entorse no tornozelo esquerdo na vitória contra o Sampaio Corrêa e, por conta disso, não tem condições de enfrentar o Leão do Pici.

Fortaleza e CSA dois destaques da Série B, deverão fazer um grande duelo na noite de hoje. O Leão do Pici é o líder da Série B, com 64 pontos, e já garantiu acesso para a Série A de 2019. O Azulão é o vice-líder da competição com 57 pontos e, segundo o site Infobola, tem mais de 90% de chances de chegar à Primeira Divisão do Brasileiro do próximo ano.

Ontem o técnico Marcelo Cabo comandou um trabalho leve na capital cearense, definindo o time que só será conhecido logo mais nos vestiários do Castelão. Sem Leandro Souza, cogita-se o retorno de Elivelton, que teve boa atuação contra o Guarani em Campinas (SP). Esta foi sua última exibição na equipe, pela 28ª rodada, ainda em setembro (dia 22).

Às 20h30 desta terça-feira, na Arena Castelão, haverá um confronto de líder contra vice-líder: o Fortaleza soma 64 e o CSA 57 pontos. Provável escalação azulina: Lucas Frigeri, Celsinho, Elivelton (Matheus Lopes ou Rony), Xandão e Rafinha; Yuri, Dahwan (Pio), Didira e Daniel Costa; Hugo Cabral e Walter.

Blog com Gazetaweb e Globoesporte/AL

 

Oito times brigam por três vagas para o acesso na Série B
   5 de novembro de 2018   │     15:58  │  0

Fortaleza já está garantido na Série A de 2019, e disputa está aberta por três lugares no G-4. CSA, Avaí, Goiás, Vila Nova, Londrina, Atlético-GO, Ponte Preta e Guarani estão vivos.

Com o Fortaleza garantido na Série A do Brasileirão de 2019, outros oito times seguem na briga pelas três vagas restantes para o acesso. Faltando quatro rodadas, CSA, Avaí e Goiás completam o G-4 neste momento e estão em vantagem nessa disputa, mas Vila Nova, Londrina, Atlético-GO, Ponte Preta e Guarani ainda estão vivos em busca desse sonho.

O Fortaleza conquistou o acesso de forma antecipada ao atingir os 64 pontos. Apesar disso, o Guarani, que pode atingir no máximo 61 pontos, ainda têm chances, de acordo com o site Infobola, do matemático Tristão Garcia. Para ele, quem atingir 62 pontos conseguirá o acesso.

A 35ª rodada da Série B do Brasileiro será aberta nesta segunda-feira, com Goiás e Sampaio Corrêa, às 20h (de Brasília), no estádio Olímpico, em Goiânia. Os outros nove jogos serão disputados na terça-feira.

Com relação ao CSA, vice-líder, o time alagoano visita o Fortaleza, que vai fazer o jogo da festa pelo acesso diante do seu torcedor, no Castelão. Depois, são dois confrontos com concorrentes diretos pelo acesso, ambos em casa: Atlético-GO e Avaí. Fecha diante do Juventude, que briga para escapar do Z-4. O CSA só perdeu uma das últimas seis partidas disputadas.

  • Contas: precisa de mais uma vitória e dois empates.
  • Jogos: Fortaleza (F), Atlético-GO (C), Avaí (C) e Juventude (F).

O Azulão tem hoje 91% de chances de subir. Quem afirma é o matemático Tristão Garcia, do site Infobola.

Blog com Globoesporte