Category Archives: Série B

Ao empatar com o ‘Bugre’ em casa, CRB joga no lixo a chance de se aproximar do G4
   2 de julho de 2022   │     22:41  │  0

Autor do gol do CRB, Gabriel Conceição – (Foto: AILTON CRUZ)

Time regatiano pularia para a 6ª posição na tabela, mas não deu e agora o time é o 10º colocado, com 20 pontos.

Em partida na noite bastante chuvosa deste sábado (2), o CRB até vencia o jogo, mas cedeu o empate ao Guarani, por 1 a 1, e perdeu a chance de encostar no G4. O duelo foi válido pela 16ª rodada da Série B do Brasileiro, no Estádio Rei Pelé, em Maceió-AL.

Duas curiosidades sobre o confronto: no Guarani, o técnico Mozart Santos, ex-CSA, que fez a sua estreia à frente da equipe bugrina. Já pelo lado do Galo, o treinador Daniel Paulista reencontrou o seu ex-clube, de onde foi demitido em maio.

Quanto aos gols da noite, foram assinalados por Gabriel Conceição, no 1º tempo, para o Regatas, e por Leandro Vilela, para o time de Campinas, na segunda etapa. Com este resultado, o Galo pula na tabela e agora está na 10ª posição, com 20 pontos. Já o Bugre segue como 19º colocado (vice-lanterna), com 14 pontos.

O time regatiano mal terá tempo para descansar, pois, em jogo isolado e que abre a rodada de número 17, já volta a campo na terça-feira (5), onde vai enfrentar o Operário-PR, no Germano Krüger, às 21h30, no interior do Paraná. E a equipe de Campinas vai voltar a campo para uma verdadeira pedreira, já que, no próximo sábado (9), recebe o Cruzeiro, às 11 horas da matina, no Brinco de Ouro da Princesa.

Arivaldo Maia com Fernanda Medeiros e Guilherme Magalhães – Gazetaweb

 

Londrina e CSA criam pouco e empatam no Estádio do Café
     │     13:44  │  0

Londrina x CSA, no Estádio do Café

Londrina x CSA, no Estádio do Café –  (Foto: Rodrigo Saviani)

Ataques passam em branco e times frustram suas torcidas na 16ª rodada da Série B.

Iguais

Londrina e CSA não colocaram o ataque para funcionar na manhã deste sábado. Chegaram pouco, empataram por 0 a 0, e os goleiros não tiveram muito trabalho no Estádio do Café. Dono da casa, o Tubarão levou mais perigo, em finalizações de Douglas Coutinho, Matheus Lucas e Mirandinha. O time alagoano, por outro lado, teve muita dificuldade para acertar o alvo e empatou pela 10ª vez na Série B.

Como fica?

O Londrina chegou a 19 pontos com o empate e assumiu, pelo menos provisoriamente, a 12ª colocação na Série B. O CSA é o 16º, colocou a cabeça para fora da zona do rebaixamento, mas ainda pode voltar nesta rodada, depende de outros resultados.

Agenda

O CSA volta a jogar na próxima quinta, pela 17ª rodada da Série B. Recebe a Ponte Preta às 19h, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. Sábado, o Londrina visita o Sport, às 16h, na Ilha do Retiro, no Recife.

Não decolouO Londrina tenta chegar à primeira página da classificação, mas ainda não conseguiu engrenar uma sequência de vitórias. Nos últimos cinco jogos, venceu dois, perdeu dois e empatou uma vez.

Início de Valentim

O técnico Alberto Valentim comandou neste sábado o CSA pela quarta vez e ainda não venceu. Foram três empates e uma derrota. Nesse período, o time marcou apenas um gol, contra o Grêmio, e levou três.

Primeiro tempo

O CSA começou o jogo com posse de bola e criou a primeira oportunidade, num chute cruzado de Igor, aos 13. Um minuto depois, o Londrina roubou a bola no campo de ataque e Douglas Coutinho finalizou por baixo, parando numa grande defesa de Marcelo Carné. O CSA respondeu com o zagueiro Douglas, que cabeceou livre, mas sem força.

O Londrina levou perigo no contra-ataque, mas a defesa do CSA aliviou. Depois, a partida caiu muito, com erros dos dois lados, e se arrastou até o fim da etapa inicial.

Segundo tempo

O Londrina assustou antes do primeiro minuto. Matheus Lucas recebeu na área, bateu cruzado e Carné defendeu de manchete. Aos 21, Douglas saiu jogando errado, Mirandinha roubou, avançou no ataque do Londrina e finalizou pra fora. Passou muito perto.

O CSA chegou numa finalização de Geovane. Após um desvio na defesa, a bola quase enganou o goleiro Matheus Nogueira. O Londrina criou outra chance aos 38. Mirandinha pegou um rebote dentro da área e chutou pra fora. No fim, o CSA tentou num cruzamento fechado da direita de Igor, mas o goleiro do Londrina desviou e afastou o perigo.

Arivaldo Maia com Redação do ge – Alagoas

 

Escalação do CRB: sem Romão, treina no Ninho e técnico Daniel Paulista vai mexer no time
     │     10:00  │  0

Daniel Paulista faz ajustes no time do CRB — Foto: João Zebral / América

Daniel Paulista faz ajustes no time do CRB — (Foto: João Zebral / América)

Com desfalques, equipe regatiana encara o Guarani neste sábado, logo mais às 20h30, no Rei Pelé.

O CRB encerrou os treinamentos para a partida contra o Guarani, pela 16ª rodada do Brasileiro. Na tarde passada o grupo trabalhou no Ninho do Galo e agora está em regime de concentração.

Para o jogo deste sábado, o técnico Daniel Paulista vai precisar mexer na equipe. Com três cartões amarelos, o lateral-esquerdo Bryan, o volante Marthã e o atacante Emerson Negueba cumprem suspensão.

O lateral Guilherme Romão, que saiu do empate contra o Tombense sentindo dores na posterior da coxa, aos 13 minutos do primeiro tempo, passou por exame, mas ainda não recebeu o resultado da avaliação. Dificilmente, entra em campo. A tendência é que Raul Prata seja deslocado para o lado esquerdo.

No meio-campo, a dúvida fica entre Rafael Longuine e Wallace. Longuine entrou em campo no segundo tempo do último jogo, deu mais dinâmica ao time, chegou a marcar um gol, anulado pelo VAR, e está cotado para entrar de primeira.

Assim, a provável formação do CRB deve ter: Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Gilvan e Raul Prata; Yago, Uillian Correia e Rafael Longuine (Wallace); Fabinho, Richard e Anselmo Ramon.

Arivaldo Maia com apoio da Redação do ge – Alagoas

 

Londrina x CSA: veja onde assistir, escalações, desfalques e arbitragem
     │     7:00  │  0

Ficha Londrina x CSA — Foto: ge

Estádio do Café, palco do jogo Londrina x CSA — (Foto: ge)

Tudo o que você precisa saber sobre o jogo deste sábado, logo masis às 11h, no Estádio do Café.

Em busca de reação, Londrina e CSA se enfrentam neste sábado, às 11h, no Estádio do Café, pela 16ª rodada da Série B do Brasileiro.

O Londrina vem de derrota para o Grêmio, na terça-feira, e tenta contornar o desgaste em meio a uma maratona de jogos para se distanciar do Z-4. Uma das preocupações do Tubarão está na defesa, a terceira mais vazada da Série B, com 17 gols sofridos.

O CSA entra em campo sob pressão. Na última rodada, o time voltou à zona do rebaixamento e precisa procurar uma nova rota de fuga. A proximidade do fim do primeiro turno aumenta a preocupação da torcida, e o técnico Alberto Valentim tenta encontrar soluções rápidas. Com 15 pontos, o time ocupa hoje a 17ª colocação.

Escalações prováveis

Londrina – técnico: Adilson Batista

O Tubarão não terá o atacante Gabriel Santos e o volante Jhonny Lucas, ambos com desconforto muscular. No caso de Jhonny Lucas, ele também aguarda a regularização do novo contrato. Por outro lado, os laterais Samuel Santos e Eltinho, que eram dúvidas, vão para o jogo. Com isso, o técnico Adilson Batista pode usar novamente um esquema com três zagueiros, algo que fez apenas na primeira rodada, contra o Náutico (justamente o único jogo que não sofreu gols na Série B).
Um provável Londrina é Matheus Nogueira; Augusto, Saimon e Vilar; Samuel Santos, João Paulo, Mandaca, Gegê e Eltinho (Dudu); Caprini e Douglas Coutinho.

Desfalques: Pedro Cacho, Victor Souza, Felipe Vieira, Jhonny Lucas e Gabriel Santos (departamento médico).
Pendurados: Augusto e Matheus Nogueira.

CSA – técnico: Alberto Valentim

Valentim precisou ajustar os três setores nesta semana. O desempenho do time na derrota por 2 a 0 para o Sampaio Corrêa, segunda -feira, ligou todos os alarmes da comissão técnica. O treinador vem repetindo uma base, mas não conta com o zagueiro Wellington, suspenso, e o substituto natural, Anderson Martins, sentiu uma fisgada na coxa e foi vetado.

Como Werley segue também afastado, por causa de fortes dores de cabeça, a tendência é que Douglas seja titular. Lourenço ainda se recupera de uma pancada nas costas, não joga, e Yann Rolim pode ser a opção nesta rodada. Na frente, Rodrigo Rodrigues disputa posição com Bruno Mezenga.
Provável CSA: Marcelo Carné; Lucas Marques, Lucão, Douglas e Diego Renan; Geovane, Giva, Yann Rolim e Gabriel; Osvaldo e Rodrigo Rodrigues (Bruno Mezenga).

Desfalques: Lourenço (dor nas costas), Clayton (joelho), Cedric (joelho), Ernandes (joelho), Anderson Martins (fisgada na coxa), Wellington (suspenso) e Gabriel Tonini (pubalgia).
Pendurados: Geovane e Marco Túlio.

Arbitragem

Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral (MG)
Assistente 1: Ricardo Junio de Souza (MG)
Assistente 2: Leonardo Henrique Pereira (MG)
Quarto árbitro: João Paulo Romano Queiroz (PR)
Árbitro de vídeo (VAR): Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Arivaldo Maia com apoio da Redação do ge – Alagoas

Série B: Guarani tem volta de camisa 10 e pode ter estreia no gol contra o CRB
   1 de julho de 2022   │     17:31  │  0

giovanni augusto meia guarani 023Giovanni Augusto reforça o Guarani (Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC)

O Guarani embarcou para Maceió, onde vai enfrentar o CRB, neste sábado, pela 16ª rodada da Série B do Brasileiro. A partida vai marcar a estreia de Mozart no comando bugrino.

A boa notícia para o treinador, que vai fazer mudanças, inclusive no esquema tático, é o retorno de Giovanni Augusto. O camisa 10 e artilheiro bugrino na temporada, com seis gols, cumpriu suspensão na derrota por 2 a 0 para o Ituano.

Por outro lado, Mozart pode ter uma série de desfalques. O goleiro Maurício Kozlinski cumpre suspensão, o zagueiro Leandro Castán negocia a rescisão contratual e o lateral-direito Diogo Mateus, o volante Rodrigo Andrade e o meia Marcinho estão lesionados. A lista ainda pode ter o goleiro Rafael Martins e o atacante Júlio César, que são dúvidas.

Se Rafael Martins não reunir condições de jogo por causa de um desconforto no ombro, Arthur Gazze, que foi revelado no São Paulo, faz sua primeira partida como profissional em Maceió. O experiente Ronaldo Alves entra no lugar de Castán e Yago aparece como provável substituto de Júlio César.

A provável escalação do Guarani é: Rafael Martins; Lucas Ramon, João Victor, Ronaldo Alves e Matheus Pereira; Leandro Vilela, Silas e Giovanni Augusto; Bruno José, Yago e Lucão do Break.

Sem ganhar há três jogos, sendo duas derrotas seguidas, o Guarani é o penúltimo colocado da Série B, com 13 pontos conquistados.

Arivaldo Maia com Redação da Agência Futebol Interior