Category Archives: Série A

Grêmio ‘arrebenta’ com o Sport e diminui vantagem para o Corinthians
   3 de setembro de 2017   │     0:04  │  0

Jogadores do Grêmio comemorando o gol de falta de Edílson (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

 

No único jogo de ontem pela Série A, o Grêmio venceu o Sport por 5 a 0, na Arena, aplicando um ‘chocolate’ nos pernambucanos pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com resultado, o Tricolor Gaúcho segue na vice-liderança do torneio, com 43 pontos, e diminui a vantagem do líder Corinthians para sete pontos de diferença. Já, o Leão permaneceu com 29 pontos, mas caiu para a décima-primeira colocação.

Com atuação destacada, o lateral Edílson, que completou 100 jogos pelo Tricolor, marcou um dos gols da partida e, em uma linda jogada individual, deu assistência para o garoto Everton marcar o segundo. Além deles, Fernandinho marcou duas vezes e fez uma assistência para o garoto Dionathã marcar.

No estádio, algumas presenças ilustres. O atacante Pedro Rocha, vendido ao Spartak-RUS, e o volante Cristian, do Corinthians, que deve ser anunciado pelo Grêmio, assistiram à partida no camarote. No intervalo do jogo, Pedro Rocha foi ao gramado, junto ao pai Jessé, para se despedir da torcida gremista.

O Grêmio entrou em campo com quatro desfalques no time titular. Os atacantes Luan e Lucas Barrios estão defendendo as suas Seleções nacionais nas Eliminatórias da Copa do Mundo. Já o zagueiro Pedro Geromel ainda se recupera de uma lesão.

O Grêmio volta a campo no próximo sábado, às 18h (de Brasília), no estádio São Januário, contra o Vasco. O confronto deve ocorrer com portões fechados. No domingo, às 16h (de Brasília), o Sport enfrenta o Avaí na Ilha do Retiro. As duas partidas são válidas pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

Blog com Gazeta Press

 

Flamengo e Botafogo decepcionam e ficam no empate em 0 a 0, em Volta Redonda
   5 de junho de 2017   │     0:04  │  0

O jogo entre Flamengo e Botafogo terminou sem golsO jogo entre Flamengo e Botafogo terminou sem gols (Foto: Alexandre Cassiano / O Globo)

No clássico carioca da quarta rodada do Campeonato Brasileiro, Flamengo e Botafogo decepcionaram os seus torcedores no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, e ficaram no empate em 0 a 0. Com o resultado, o Rubro-negro segue invicto na competição, mas mal na tabela com apenas seis pontos. O Alvinegro está um ponto à frente.

O primeiro tempo, com três volantes de um lado e quatro do outro, foi muito fraco tecnicamente e o Flamengo, apesar de ter mais a posse de bola, não teve muitas chances claras de marcar. Everton e Guerrero chutaram sem perigo. A melhor foi do Botafogo com Roger, que chutou forte para boa defesa de Alex Muralha.

No segundo tempo, o Flamengo cresceu de produção. Teve pelo menos duas grandes chances de marcar com Guerrero e Everton até a primeira metade, mas eles desperdiçaram frente a frente com o goleiro Gatito. O time cresceu ainda mais com as entradas de Diego e Vinicius Junior, mas não soube transformar o grande volume de jogo em gol. Vinicius quase fez um golaço ao chutar colocado uma bola no travessão. O Botafogo, que mais se defendeu e fez cera, só teve uma grande chance de marcar, novamente com Roger. Ele perdeu um gol incrível, frente a frente com Muralha.

Diego, que voltou a atuar após 54 dias, também falou.

– Foi um jogo difícil. O time correspondeu, criou várias chances. O gramado prejudicou um pouco. Sobre a minha condição física, ainda não é a ideal. Mas com o decorrer dos jogos, vou melhorando – disse Diego, que ainda elogiou Vinicius Junior.

– O Vinicius entrou bem. Comecei no profissional com a idade dele, sei da alegria que é estar jogando. Que ele continue com esse prazer, vai nos ajudar muito – analisou, por fim.

Blog com EXTRA

Volta por cima: Chapecoense é líder do Brasileiro da Série A
   30 de maio de 2017   │     10:00  │  0

O topo da tabela do Campeonato Brasileiro 2017 tem novo dono. A Chapecoense-SC lidera a competição mais equilibrada do mundo pela primeira vez em sua história. O Verdão do Oeste bateu o Avaí-SC por 2 a 0, na Arena Condá, em Chapecó (SC), e chegou a sete pontos. A equipe iguala Corinthians-SP e Cruzeiro-MG em pontos, mas supera no saldo de gols: são três para o time catarinense contra dois de paulistas e mineiros.

O feito histórico envolvendo a liderança do Brasileirão, fruto dos gols de Wellington Paulista e Reinaldo no clássico da noite de ontem e uma campanha invicta, transcende as quatro linhas. Ele ocorre seis meses após o trágico acidente aéreo envolvendo a delegação do clube em Medellín, na Colômbia. Uma volta por cima que exalta a memória dos eternos heróis da Chapecoense.

Com a bola rolando, a Chapecoense foi melhor do início ao fim. Logo aos oito minutos, Apodi mostrou que o Verdão queria jogo e, com chute de longe, obrigou o goleiro Kozlinski a fazer boa defesa. Dois minutos depois, o zagueiro Betão apareceu em cima da linha para tirar o gol de Wellington Paulista. Pouco depois, aos 16, o defensor do Avaí não conseguiu evitar que o artilheiro da Chape marcasse. Luiz Antonio acertou o travessão com chute de longe. No rebote, Arthur subiu bem e tocou para Wellington Paulista bater cruzado e abrir o placar. Ainda na etapa inicial, Rossi cruzou da direita, a defesa avaiana não conseguiu afastar completamente, Arthur buscou o domínio e a bola acabou sobrando para Reinaldo bater no canto esquerdo e ampliar o marcador.

No segundo tempo, o ritmo do jogo caiu bastante. Sem ser atacada, a Chapecoense passou a administrar mais a posse de bola. O Avaí tentava criar, mas esbarrava na falta de criatividade de seus meias. Na reta final da partida, que contou com a presença de uma forte neblina, o Leão adiantou as linhas e passou a cercar a área do Verdão. A iniciativa, no entanto, não levou grande perigo ao gol defendido por Jandrei e o placar ficou mesmo em 2 a 0.

Enquanto a Chapecoense assumiu a liderança, o Avaí segue na zona de rebaixamento, com um ponto conquistado e na 18º colocação. A Chape volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo (4), contra o Cruzeiro, no Mineirão. O Leão atua novamente na mesma data, diante do Sport-PE, na Ressacada.

Blog com o portal da CBF

Milton Mendes confirma alterações e prevê dificuldades contra o Bahia
   21 de maio de 2017   │     0:01  │  0

O Comandante cruz-maltino deve promover a estreia do zagueiro Paulão na manhã de hoje (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

Depois de ser goleado pelo Palmeiras na estreia do Campeonato Brasileiro, a expectativa de uma reação do Vasco na segunda rodada é alta. O Cruz-Maltino recebe o Bahia, na manhã de hoje, às 11 horas (de Brasília), em São Januário, e o técnico Milton Mendes confirmou que fará alterações no time titular que mandará a campo.

“Nossa participação no treino foi boa, apesar da chuva. Fomos para o campo anexo para pouparmos o campo principal. Com a chegada dos zagueiros, nosso leque de opções aumenta e a qualidade também. Eu irei fazer duas mexidas no jogo, mas no momento certo todos saberão. Ainda não comuniquei aos jogadores”, declarou.

Apesar de não revelar nomes, o comandante vascaíno deve promover a entrada do recém-contratado zagueiro Paulão no lugar de Jomar, que cometeu dois pênaltis contra o Palmeiras e passou a ser muito contestado. A outra mudança pode ser no meio de campo, com a saída do camisa 10 Nenê da equipe titular.

Milton Mendes não escondeu a preocupação com o adversário que estreou no Brasileirão com uma sonora goleada por 6 a 2 sobre o Atlético-PR. O técnico do Vasco espera encontrar dificuldades contra o Bahia, que classificou como uma equipe veloz e intensa.

“Teremos um campo pesado, chuva, viagem. O Guto (Ferreira) deverá fazer algumas mudanças. Ele tem feito um bom trabalho e tem bons jogadores. Mesmo que troque algumas peças continuará sendo um adversário muito difícil. O Bahia é uma equipe rápida e que pressiona, sempre muito forte”, analisou.

Blog com Gazeta Press

Em jogo disputado, Flamengo e Atlético-MG ficam no empate no Maracanã
   15 de maio de 2017   │     0:04  │  0

Resultado de imagem para flamengo 1 x 1 Atlético/MG, ontem

(YouTube.com)

Flamengo e Atlético abriram o Campeonato Brasileiro da Série A em 2017 com uma partida muito disputada, na tarde do último sábado, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Com um gol em cada etapa, Fla e Galo empataram em 1 a 1 diante de mais de 50 mil torcedores. Matheus Sávio abriu o placar aos 23 do primeiro tempo, e Elias, ex-Fla, empatou aos 14 da etapa complementar.

O Flamengo vira a chave para a Libertadores e decide sua classificação para o mata-mata da competição Sul-Americana na próxima quarta-feira, diante do San Lorenzo, na Argentina. No dia anterior, o Atlético decide a primeira colocação do grupo 6 recebendo o Godoy Cruz no Independência.

Pelo Brasileirão, O Fla volta a jogar no sábado, diante do Atlético-GO, no Serra Dourada, enquanto o Galo recebe o Fluminense, no domingo.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 13 de maio de 2017 (Sábado)
Horário: 16h(de Brasília)
Renda: R$ 1.874.265,00
Público: 42,575 pagantes (50.220 presentes)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)

Cartões amarelos: Fábio Santos, Ralph, Rafael Carioca (Galo); Trauco, Everton (Fla)

Gols:
FLAMENGO: Matheus Sávio, aos 23min do 1º tempo
ATLÉTICO: Elias, aos 14 min do 2º tempo

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Rafael Vaz, Rever e Miguel Trauco (Ederson); Márcio Araújo, Willian Arão, Matheus Sávio (Renê) e Everton; Orlando Berrío (Vinícius Jr) e Paolo Guerrero
Técnico: Zé Ricardo

ATLÉTICO: Victor, Carlos César, Felipe Santana, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Rafael Carioca, Elias e Rômulo Otero (Cazares); Robinho ( Maicosuel) e Fred (Rafael Moura)
Técnico: Roger Machado

Blog com Gazeta Esportiva