Category Archives: Seleções

Argentina terá Messi contra o Brasil
   29 de outubro de 2019   │     21:30  │  0

Resultado de imagem para Messi, da Argentina

 

Fora da seleção argentina desde a participação na Copa América do Brasil, Lionel Messi, (foto acima/Globo Esporte), está prestes a voltar vestir as cores de seu país. De acordo diário “AS”, o craque estará a disposição do técnico Lionel Scaloni para os amistosos contra Brasil e Uruguai, em 15 e 19 de novembro.

Ainda segundo o “AS”, Messi estaria entusiasmado com o trabalho de Scaloni à frente da Argentina. O técnico já trabalha para formar o grupo que disputará a Copa do Mundo do Qatar, em 2022, e a Copa América de 2020. Além de Messi, Scaloni quer contar com Di Maria, que atravessa ótimo momento no Paris Saint-Germain, e o centroavante Mauro Icardi, também do PSG.

Messi, que ainda não conquistou nenhum título com a seleção principal, deseja chegar à Copa América 2020 em sua melhor forma, principalmente pelo fato de a edição do ano que vem do torneio continental acontecer na Argentina.

Blog com  EXTRA

Sem Messi, Argentina massacra o Equador: 6 a 1
   13 de outubro de 2019   │     19:00  │  0

Resultado de imagem para Argentina massacra o Equador
Jogadores argerntinos comemora, ‘chocolate’ no Equador (Foto: Globo Esporte) 

 

Próxima adversária do Brasil, a Argentina encerrou a data Fifa em alta. Depois de empatar com a Alemanha, a equipe de Lionel Scaloni goleou o Equador por 6 a 1 neste domingo, em Elche, na Espanha. A Albiceleste não contou com Messi, suspenso. O camisa 10 deve voltar justamente contra a Seleção, em novembro, quando sua punição imposta pela Conmebol acaba.

Scaloni promoveu várias mudanças na equipe e só manteve cinco titulares do time que empatou com os alemães na última quinta-feira. O zagueiro Kannemann, do Grêmio, foi uma das novidades neste domingo. Os argentinos abriram o placar com o atacante Alario, de cabeça, após cobrança de escanteio de Acuña.

Ainda no primeiro tempo, o lateral Espinoza, contra, e Paredes, de pênalti, ampliaram para a Argentina. Na segunda etapa, Mena, em linda cobrança de falta, diminuiu para o Equador. No entanto, a reação não veio. Pezzella fez o quarto dos argentinos, de cabeça, após cobrança de falta de Dybala.

O quinto veio dos pés de um dos jovens do atual time argentino. O meia Nico Domínguez, do Vélez Sarsfield, acertou belo chute da entrada da área e marcou seu primeiro gol com a camisa da Albiceleste. Lucas Ocampos, atacante do Sevilla que já havia deixado sua marca no empate com a Alemanha, completou a goleada ao aproveitar rebote do goleiro Ortíz: 6 a 1.

Provavelmente com Messi, a Argentina volta a campo no dia 15 de novembro, em Riade, na Arábia Saudita, em amistoso contra o Brasil. Depois, encara o Paraguai, também em amistoso, em Dacca, Bangladesh.

Blog com Globo Esporte

Convocação da Argentina não tem jogadores de Boca e Ríver
   29 de setembro de 2019   │     0:04  │  0

Argentina de Kannemann fará amistosos contra Alemanha e Equador (Foto: Ricardo Moreira/Fotoarena/Estadão Conteúdo)

Bem diferente de Tite, o técnico Lionel Scaloni não convocou nenhum jogador de Boca Juniors e River Plate para integrar a seleção da Argentina para os amistosos contra Alemanha e Equador, nos dias 9 e 12 de outubro, respectivamente. As duas equipes se enfrentam pelas semifinais da Copa Libertadores nos dias 1.º e 22 do mesmo mês.

Já o zagueiro Kannemann, do Grêmio, está na lista de 26 atletas e vai desfalcar o clube tricolor gaúcho nos jogos contra Ceará (em casa) e Atlético-MG (fora) pelas 24.ª e 25.ª rodadas do Campeonato Brasileiro. Na Libertadores, a equipe gaúcha vai enfrentar o Flamengo nos dias 2 e 23.

O craque Lionel Messi, machucado, não foi convocado. Em compensação, o atacante Lautaro Martínez, autor de três gols na goleada sobre o México, no último dia 10, nos Estados Unidos, estará presente e terá a companhia de Paulo Dybala no ataque. Nicolás Domínguez, de 21 anos, e Matías Vargas, de 22, são as novidades. A relação também conta com os experientes Marcos Rojo e Otamendi.

A Argentina enfrenta a Alemanha no estádio Signal Iduna Park, em Dortmund, enquanto que o jogo contra o Equador será no estádio Martínez Valero, em Elche, na Espanha.

Blog com Esportes Band

Venezuela joga com camisa comprada em loja e revolta jogadores
   1 de abril de 2019   │     0:02  │  0

Resultado de imagem para Camisa da Venezuela

 

A derrota por 2 a 1, para a seleção da Catalunha ficou em segundo plano entre os jogadores da Venezuela. Curiosamente, a qualidade dos uniformes foi o tema principal. A fornecedora Givova foi acusada pelo elenco de falsificar as próprias camisas oficiais para o jogo.

A marca teria adquirido o fardamento em uma loja e apenas colado emblemas da Venezuela, números e nomes dos atletas. O volante Tomás Rincón foi o primeiro a denunciar o caso. No Twitter, o jogador postou uma foto e cobrou respeito à camisa da seleção.

“Givova, exigimos máximo respeito com a nossa camisa nacional e com cada integrante da equipe”, disse. Horas depois, a loja Decathlon fez uma postagem no Twitter mostrando que vende o modelo utilizado pela Venezuela, que na verdade pertence à marca Quechua, especializada em esportes de montanha.

O produto pode ser comprado online por um preço bem acessível. Até o momento, a Givova não se pronunciou sobre o caso.

Blog com UOL Esporte

Luís Enrique diz que seleção espanhola tem melhor média de gols que Barcelona
   28 de março de 2019   │     0:03  │  0

Resultado de imagem para Luis Henrique, técnico da da Espanha

 

O técnico da seleção da Espanha, Luís Enrique, (foto acima/Record), minimizou preocupações sobre a capacidade da equipe marcar gols ao afirmar que a seleção tem uma média de gols melhor que o Barcelona, atual líder do Campeonato Espanhol.

A Espanha precisou de um pênalti convertido por Sergio Ramos para vencer a Noruega por 2 x 1 na partida de estreia do Grupo F das eliminatórias para a Eurocopa de 2020.

Os atacantes Alvaro Morata e Marco Asensio desperdiçaram chances claras contra a Noruega, mas Luís Enrique debochou das sugestões de que sua equipe tem dificuldade de marcar gols.

“O debate sobre uma falta de gols chegou a mim, mas nós marcamos 19 gols em meus sete jogos”, disse o treinador em entrevista coletiva antes da partida contra Malta.

“Isso dá 2,7 gols por jogo e o Barça tem 2,6 e eles são os que mais marcam gols na Espanha. Então para um time que aparentemente tem problemas em marcar gols, não estamos indo tão mal.”

O técnico também enfatizou a qualidade do desempenho da Espanha em sua última partida, apesar da margem mínima da vitória.

“No outro dia nós jogamos melhor do que quando derrotamos a Croácia por 6 x 0. Houve algumas jogadas muito boas, muitos poucos erros, pressionamos alto e vencemos todas as segundas bolas”, acrescentou.

“Foi uma performance nota 9 de 10, a única razão para não ter sido 10 foi porque perdemos chances de marcar mais.”

A seleção de Malta também tem três pontos depois de vencer sua partida de estreia por 2 x 1 contra as Ilhas Faroe.

Blog com EXTRA