Category Archives: Seleção brasileira

Muralha festeja primeira chance na Seleção e ascensão meteórica na carreira
   4 de outubro de 2016   │     0:01  │  0

No início de 2014, goleiro ainda estava no Mirassol. Dois anos e meio depois, é titular do Fla e convocado por Tite: ”Vivo um dos melhores momentos da minha carreira”

Muralha treino da seleção brasileira (Foto: Pedro Martins/MoWa Press)

Muralha no treino da seleção brasileira em Natal (Foto: Pedro Martins/MoWa Press)

Alex Muralha não está sonhando. Titular do Flamengo e na luta pelo título brasileiro, o goleiro foi convocado pela primeira vez para a Seleção. Uma ascensão meteórica para quem no início de 2014, com 24 anos, ainda defendia o modesto Mirassol, no interior de São Paulo. Pouco mais de dois anos e meio depois, o jogador deu entrevista coletiva após o treino aberto desta segunda-feira, em Natal. E deixou claro que vive o melhor momento de sua carreira.

– Vivo um dos melhores momentos da minha carreira, mas trabalho muito para que venham outros. O Figueirense me ajudou bastante, o Flamengo é uma vitrine mundial, todos os meus companheiros me ajudaram, é o fruto do trabalho de todos. Fui agraciado por estar aqui agora. Foi tudo muito grande e rápido, temos que estar preparados porque o futebol dá essa oportunidade de as coisas mudarem da noite para o dia. É uma realidade muito grande pra mim, mas estou levando numa boa, há pessoas me ajudando, estou muito feliz na minha vida e na minha carreira – disse Muralha, que completa 27 anos no início de novembro.

Com o Flamengo em alta, Muralha não conseguiu fugir do tema. Perguntado se havia ”cheirinho” na Seleção, o goleiro avisou que primeiro é preciso se classificar para a Copa do Mundo. Só então será possível pensar no hexacampeonato.

– Primeiro temos que nos preocupar em classificar para a Copa do Mundo, focar nos jogos que faltam, é difícil na quinta-feira. Depois de classificar, podemos pensar em ganhar mais uma Copa. É para isso que todos estão trabalhando.

O Brasil volta a treinar na Arena das Dunas nesta terça-feira, às 17h, com grupo completo, uma vez que o lateral-direito Daniel Alves e o atacante Taison desembarcaram na noite desta segunda em Natal, e o atacante Gabriel Jesus chegará na terça pela manhã.

Confira outras respostas de Muralha:

TREINO ABERTO

– A torcida do Flamengo sempre nos acompanha, fizemos um treino aqui com estádio cheio do meio do ano, e hoje também nos apoiando. Carinho da torcida faz com que fiquemos mais confiantes para mostrar nosso trabalho

PRIMEIRA CONVOCAÇÃO

– É uma graça, tenho que aproveitar essa oportunidade. O cavalo passa selado só uma vez, temos que montar e não sair mais. Poder treinar com um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro, o Taffarel, tenho certeza que vou aprender muito com ele.

MUITAS OPÇÕES NO GOL

– Quanto mais bons jogadores na posição é um incentivo para quem joga. Essa safra é positiva para a seleção brasileira, nos faz crescer mais, ter que melhorar. Sabemos que há outros companheiros bem, e quem der brecha pode perder a vaga. Os três goleiros aqui são grandes goleiros. Fora, há muitos outros bons goleiros. O trabalho tem que ser bem feito, temos que estar sempre concentrados. Quem está jogando tem que estar muito bem focado no que faz, assimilar o trabalho da melhor maneira possível para ajudar os companheiros.

ASCENSÃO METEÓRICA

– É uma coisa muito grande e rápida, temos que estar preparados porque o futebol dá essa oportunidade de as coisas mudarem da noite para o dia. É uma realidade muito grande pra mim, mas estou levando numa boa, há pessoas me ajudando, estou muito feliz na minha vida e na minha carreira.

PALMEIRAS

– Temos que nos preocupar com o Flamengo, tem muita coisa para acontecer ainda.

MUDANÇAS NA SELEÇÃO

– Estou fresquinho ainda, cheguei aqui ontem, o Tite é um cara muito sério. Ele olha nos olhos e dá aquela confiança de que está contigo, de que o grupo está fechado. Nós nos sentimos acolhidos. O Brasil está passando por uma reformulação, esses trabalhos futuramente darão bons frutos a todos nós.

Com Marcelo Moreno e atacante do Vitória, Bolívia divulga lista para pegar o Brasil
   1 de outubro de 2016   │     0:01  │  0

Ex-Cruzeiro, Grêmio e Flamengo, Marcelo Moreno é principal nome da seleção do país. Rodrigo Ramallo, do Leão baiano, também é lembrado pelo técnico Ángel Hoyos

Marcelo Moreno, Bolívia (Foto: AIZAR RALDES / ar / AFP)

Marcelo Moreno, Bolívia (Foto: AIZAR RALDES / ar / AFP)

A Bolívia divulgou nesta sexta-feira a lista de 30 convocados para os próximos dois jogos das eliminatórias da Copa do Mundo 2018, contra Brasil e Equador. O argentino Ángel Guillermo Hoyos chamou 30 jogadores. O principal destaque ainda é o atacante Marcelo Moreno, ex-Cruzeiro, Grêmio e Flamengo. O também atacante Rodrigo Ramallo, do Vitória, voltou a ser chamado.

Moreno retornou à seleção boliviana na última convocação para as eliminatórias após um ano afastado. O atacante se desentendeu com o ex-treinador da equipe, Júlio César Baldivieso, e só voltou a defender a equipe após a saída do comandante. Em seu retorno, a Bolívia conquistou quatro de seus sete pontos, com a vitória por 2 a 0 em cima do Peru e o empate por 0 a 0 diante do Chile.

(Foto: Francisco Galvão / EC Vitória)

Atacante Rodrigo Ramallo do Vitória (Foto: Francisco Galvão / EC Vitória)

No restante da lista, as novidades são as ausências. Os bolivianos esperavam a presença do meia Martin Smedberg, do Goteborg-SUE, mas ele não foi convocado. O zagueiro Nelson Cabrera, do Bolívar, também era aguardado, mas a comissão técnica preferiu não chama-lo para evitar uma punição da Fifa. Cabrera é paraguaio e se naturalizou boliviano recentemente, mas não teria cumprido todos os requisitos mínimos da entidade máxima do futebol para defender outro país.

A Bolívia está na oitava posição das eliminatórias, com sete pontos. O Uruguai lidera, com 16 pontos, seguido do Brasil, que tem 15. No próximo dia 6, Brasil e Bolívia se enfrentam na Arena das Dunas, em Natal. No dia 11, os bolivianos encaram o Eaquador em La Paz.

Confira os 30 convocados:

GOLEIROS: Carlos Lampe (Huachipato-CHI), Guillermo Viscarra (Oriente Petrolero) e Alex Arancibia (Jorge Wilstermann).

DEFENSORES: Ronald Eguino, Edemir Rodríguez, Erwin Saavedra y Enrique Flores (Bolívar), Ronald Raldes (Oriente Petrolero), Edward Zenteno (Jorge Wilstermann), Alejandro Melean (Sport Boys) e Marvin Bejarano (The Strongest).

MEIO-CAMPISTAS: Walter Flores, Leonel Morales y Rudy Cardozo (Bolívar), Walter Veizaga, Pablo Escobar y Raúl Castro (The Strongest), Cristhian Machado (Jorge Wilstermann), Pedro Azogue (Oriente Petrolero), Jorge Eduardo Lovera (Guabirá), Joselito Vaca (Blooming) y Jhasmani Campos (Sport Boys).

ATACANTES: Marcelo Moreno (Changchun Yatai-CHN), Yasmani Duk (Cosmos-EUA), Rodrigo Ramallo (Vitória-BRA), Juan Carlos Arce (Bolívar), Leonardo Vaca (Sport Boys), Carlos Robledo (Blooming), Rodrigo Vargas (The Strongest) y Carmelo Algarañaz (Oriente Petrolero).

Seleção Brasileira desfalcada fez primeiro treino na Turquia
   11 de novembro de 2014   │     0:07  │  0

Seleção faz primeiro treino na Turquia no estádio do Fenerbahçe (Foto: Eduardo Mendes)

Seleção fez primeiro treino na Turquia no estádio do Fenerbahçe (Foto: Eduardo Mendes)

Apenas 14 jogadores foram ao estádio do Fenerbahçe para o primeiro trabalho em campo. Demais atletas que se apresentaram no dia de ontem ficaram no hotel.

O técnico Dunga comandou na tarde de ontem, 17h (13h de Brasília), a primeira atividade em Istambul. O treinamento, porém, não contou com a presença de todos os jogadores chamados para os amistosos contra Turquia e Áustria.

Foram a campo apenas os dez jogadores que desembarcaram na cidade no domingo – Neymar, Fred, Douglas Costa, Luiz Adriano, Oscar, Willian, Fernandinho, Philippe Coutinho, Firmino e Filipe Luís – e mais Marquinhos e os goleiros Diego Alves, Neto e Rafael Cabral, que chegaram na cidade no dia de ontem.

David Luiz, Thiago Silva, Marquinhos e Mário Fernandes, que também se apresentaram mas ficaram no hotel para um trabalho regenarativo.

Ainda ontem eram aguardados no hotel do Brasil: Miranda, Danilo, Casemiro, Alex Sandro e Luiz Gustavo.

Durante a atividade, os goleiros trabalharam sob orientação do preparador de goleiros Taffarel enquanto os demais fizeram um trabalho de dois toques com bola no campo. Depois, os jogadores de linha treinaram finalizações observados por Dunga.

O jogo Turquia x Brasil será realizado amanhã, às 16h30, horário de Brasília.

 

Blog com LANCEPRESS!

 

 

Uruguai empata e dá o bicampeonato do Sul-Americano Sub-20 ao Brasil
   7 de fevereiro de 2009   │     0:13  │  0

4748484849walter.jpg

Walter, artilheiro do Brasil na conquista Sul-Americana

Só a vitória interessava ao Uruguai. Mas apesar de tanto pressionar no final da partida, os uruguaios não saíram do empate por 2 a 2 contra o Paraguai, resultado que deu o título do Sul-Americano Sub-20 ao Brasil, que venceu a Colômbia, na preliminar, por 2 x 1, na noite de ontem, na Venzuela.

Desta forma, o Brasil conquistou de forma antecipada o 10º título do Sul-Americano Sub-20, o segundo consecutivo. A seleção brasileira, agora, luta para conquistar no Egito o quinto título mundial de sua história.

Com sete pontos, o Uruguai não tem como alcançar mais o Brasil, com 12 pontos, pois falta apenas uma rodada para o final do hexagonal final da competição. Porém, como ‘prêmio de consolação’, os uruguaios garantiram uma das quatro vagas para o Mundial do Egito no final do ano.

O Paraguai, por sua vez, chega a cinco pontos na tabela na terceira colocação, e precisa de uma vitória na próxima partida para obter a vaga sem depender de outros resultados.

O Uruguai se despede do Sul-Americano no domingo contra a Venezuela, em partida inicialmente marcada para às 23h (horário de Brasília). Já o Paraguai decide a sua sorte no mesmo dia contra o Brasil, em jogo inicialmente marcado para às 20h45 (horário de Brasília).
#uolcelular { clear: both; margin:1.5em 0 0 0; font-size:0.8em; } #uolcelular h3 { background:#efefef;color:#000;font:bold 1.1em arial;padding:3px;height:12px;display:block;margin:0;padding-left:1em;} #uolcelular #borda { height:3em;border:1px solid #efefef;color:000;font:normal 13px arial;background:url(http://img.uol.com.br/wap-ico.gif) 1em 0.4em no-repeat;padding:0;padding-top:1.1px; } #uolcelular #borda #txtCel { margin: 0.2em 0 1em 4em; *margin-bottom:1em; } #uolcelular #borda #txtCel a {color:#666666; text-decoration:none; } #uolcelular #borda #txtCel a:hover { text-decoration:underline; } #uolcelular #borda #txtCel a strong {color:#000000;}

Tags:,

Amauri continua sendo opção para seleção, diz Jorginho
   6 de fevereiro de 2009   │     0:05  │  0

49494949776amauri.jpg

Amauri poderá ter nova chance com Dunga

RIO DE JANEIRO – O auxiliar técnico da seleção brasileira, Jorginho, garantiu que o atacante Amauri não ficou “queimado” junto à comissão técnica por não ter sido liberado pela Juventus para o amistoso deste mês contra a Itália.  O atacante, de 28 anos, foi chamado pelo técnico Dunga para a vaga de Luís Fabiano – cortado por contusão – mas não poderá fazer sua estreia com a camisa do Brasil porque a Juventus não o liberou para a partida.

O jogador não teve culpa nenhuma, ele não pode se indispor com o clube. Vamos continuar observando. Ele teve boa vontade e sabia que era uma boa oportunidade”, disse Jorginho “Era desejo do Dunga contar com o Amauri. O jogador não está queimado”, acrescentou o auxiliar.

A Juventus alegou que a convocação de Amauri chegou depois do prazo de 15 dias de antecedência estabelecido pela Fifa e por isso decidiu não ceder o jogador. Esta seria a primeira convocação para a seleção brasileira de Amauri, que fez carreira no futebol italiano e poderia até ser convocado para defender a Itália quando seu processo de dupla-cidadania for concluído.

Jorginho revelou que Amauri entrou em contato com a comissão técnica do Brasil e fez vários apelos a Juventus para ser liberado. O amistoso contra a Itália será o primeiro compromisso da seleção brasileira em 2009 e a lista de convocados para a partida conta apenas com jogadores que atuam no exterior.

Tags:, ,