Category Archives: Novidades

Com documentários e comédia, esporte na TV vai além das transmissões ‘ao vivo’
   26 de maio de 2021   │     2:00  │  0

O fenômeno é recente. Foi apenas em fevereiro, por exemplo, que Pelé ganhou um documentário na Netflix.

A programação esportiva das plataformas de streaming e das grades das emissoras de televisão está ganhando novos títulos e gêneros nos últimos meses. São documentários, perfis, conteúdos de entretenimento e até minisséries que podem ser vistas nas inúmeras telas que povoam nossa vida. Hoje, esporte vai muito além das transmissões “ao vivo”.

O fenômeno é recente. Foi apenas em fevereiro, por exemplo, que Pelé ganhou um documentário na Netflix, plataforma de filmes e séries via streaming com mais de 208 milhões de assinantes. Dirigido por David Tryhorn e Ben Nicholas, o filme narra a transformação do jovem craque da Copa de 1958 em “herói nacional durante uma era radical e turbulenta da história brasileira”. Com o desafio de contar uma história já narrada diversas vezes, a peça mostra a influência da ditadura na carreira do Rei.

A série “Doutor Castor”, da Globoplay, também lançada em fevereiro, conta a história de Castor de Andrade, importante cartola, bicheiro e patrono de escola de samba carioca que teve uma vida marcada por excessos e inúmeros crimes e contravenções. O primeiro episódio foi exibido no canal SporTV, que tradicionalmente aposta na cobertura jornalística e nas transmissões dos eventos esportivos.

Bruno Maia, especialista em inovação e novos negócios na indústria do esporte, afirma que o título é um exemplo de como esporte pode gerar conteúdos de cinema e representar uma opção de entretenimento para os espectadores. “O futebol sempre foi acompanhado pelo viés do ao vivo, ou seja, através das transmissões dos jogos. Isso está mudando”, afirma o autor do livro “Inovação é o Novo Marketing”.

Nesse contexto, o esporte virou até pano de fundo para uma comédia. Há duas semanas, o canal por assinatura TNT começou a exibir a série Galera FC, parceria entre a produtora A Fábrica e a WarnerMedia. A série narra a vida de um jogador de futebol que atua na Europa, mas vive uma crise de identidade e decide voltar ao Brasil. Isso desestabiliza todo mundo ao seu redor: família, staff e os “parças”. O protagonista Elton Jr, interpretado pelo ator Maicon Rodrigues, sintetiza várias faces conhecidas dos astros do futebol. Tudo com bom humor.

“Temos dois eixos cômicos principais: a crítica da cultura das subcelebridades pop e a crônica da rotina de uma família disfuncional. A ideia surgiu da nossa paixão por futebol e da vontade de armar uma narrativa cômica com estes elementos”, explica o diretor Luiz Noronha.

Com oito episódios de 30 minutos, o seriado já tem segunda temporada garantida. “O que mais chamou a nossa atenção foi o fato de ser a história de um jogador de futebol. É algo que acompanhamos tanto, mas que nunca paramos para ver o seu ponto de vista”, explica Silva Fu Elias, diretora de conteúdo da WarnerMedia Brasil.

Especialistas apontam que os novos formatos aproximam o esporte do novo modelo de consumo de entretenimento em alta na sociedade. “Hoje, nosso consumo é direcionado pelos interesses individuais, pelos nichos. Com esses novos títulos, o futebol se insere numa lógica de distribuiçãço de consumo que nós já praticamos”, avalia Maia.

Especialistas apontam que os novos formatos aproximam o esporte do novo modelo de consumo de entretenimento em alta na sociedade. “Hoje, nosso consumo é direcionado pelos interesses individuais, pelos nichos. Com esses novos títulos, o futebol se insere numa lógica de distribuiçãço de consumo que nós já praticamos”, avalia Maia.

“O esporte ao vivo é focado em ‘heavy users’, aqueles que acompanham e querem ver o jogo completo. Os documentários, nem tanto. Eles podem ser consumidos tanto pelos grandes fãs quanto por pessoas que não costumam acompanhar aquele esporte retratado na série, filme ou documentário”, completa Guilherme Figueiredo, CEO da TV Nsports.

No início do mês e março, a estreia do documentário “Acesso Total” rendeu ao SporTV a liderança entre os canais esportivos da TV fechada, com mais do que o dobro de audiência do que o segundo colocado.

Blog e Futebol Interior

Disney demite três executivos do Fox Sports
   2 de dezembro de 2020   │     20:00  │  0

ESPN e Fox Sports

ESPN e Fox Sports trabalham em conjunto sob o comando da Disney (Foto: Divulgação)

O fim do Fox Sports pode estar cada vez mais próximo. A Disney demitiu três executivos do alto comando do canal na última segunda-feira e aumentou os rumores do fim do canal em breve. Ao todo, Marcio Moron (general manager), Paula Young (diretora artística) e Luis Santos (VP de engenharia) foram dispensados pela empresa. A informação foi publicada pelo jornalista Flavio Ricco e confirmada pelo LANCE!.

Marcio Moron era considerado o chefão dos canais Fox Sports e estava na emissora desde seu início, em 2011. Além disso, ele era braço direito de Eduardo Zebini, ex-VP geral do canal e responsável pelas operações do canal antes da compra da Disney. Nos bastidores, Moron era considerado uma peça chave da emissora e foi um dos grandes responsáveis pelo crescimento da marca no Brasil.

Procurada pelo LANCE!, a Disney confirmou as demissões e emitiu um comunicado sobre a decisão. Em nota, a empresa citou um processo de transformação para oferecer e afirmou que a reformulação faz parte do planejamento.

– Nosso pilar de esportes está passando por um processo de transformação para oferecer um conteúdo ainda mais variado e qualificado para a audiência do Brasil. A reformulação faz parte do planejamento da Companhia que seguirá investindo em sua programação esportiva, contando com um extenso portfólio de direitos, além de uma equipe de jornalismo referência junto aos fãs de esportes – diz a nota.

Os rumores do fim dos canais Fox Sports estão cada vez maiores. Programas cancelados, sede do Rio de Janeiro sendo desocupada e funcionários sendo demitidos aumentam a preocupação nos bastidores, que não é pouca.

Desde que a fusão foi aprovada pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), foi estabelecido que o Fox Sports terá que ficar no ar até o dia 31 de dezembro de 2021. A partir desta data, caso tenha interesse, a Disney estaria livre para devolver a marca ao mercado.

Desde então, a Disney, de forma silenciosa, vem diminuindo as operações do canal no Brasil. A parte digital da Fox migrou para a ESPN, programas tidos como carros-chefe, como o “Central Fox”, chegaram ao fim. Além disso, até a música do canal parou de ser utilizada.

Blog com LANCE

SBT planeja transmitir o Carioca 2021
   20 de novembro de 2020   │     16:42  │  0

Emissora transmitiu a final entre Fla e Flu em 2020 (Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE)

Emissora transmitiu a final entre Fla e Flu em 2020 (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)

 

O SBT pode estar planejando mais uma aquisição no futebol para a grade de programação da emissora. Segundo o ‘Uol’, a rede de televisão de Silvio Santos pode ser a nova casa do Campeonato Carioca a partir de 2021, já que a ‘Globo’ não transmitirá o torneio.

No entanto, o ‘SBT’ estaria cauteloso e com intenções de abrir negociações em janeiro do próximo ano. Enquanto isso, a emissora espera por mais propostas de patrocinadores para as próximas fases da Libertadores e esse dinheiro em caixa poderia ser fonte de investimento para contar com o Carioca.

A espera na negociação também se deve ao fato de que a Ferj ainda não definiu quantas datas terá o Carioca e nem a data exata do inicio do torneio, com previsão para o fim de fevereiro, devido os adiamentos provocados pela pandemia de Covid-19.

Ainda segundo o ‘Uol’, o ‘SBT’ vê o Carioca como uma continuidade do projeto iniciado pela emissora, após a briga jurídica envolvendo a ‘Globo’ e os clubes que queriam transmitir jogos de suas equipes baseadas na ‘Lei do Mandante’, MP 984 editada pelo presidente Jair Bolsonaro e que já perdeu a validade por não ter sido votado no Congresso Nacional. Graças a esse fato, a emissora paulista adquiriu o direito de exibição da final do torneio, vencido pelo Flamengo.

Blog com LANCE

FERJ apresenta a nova bola para o Campeonato Carioca de 2019
   16 de dezembro de 2018   │     0:01  │  0

Em cerimônia realizada na sede da FERJ a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro e a Topper apresentaram a Bola Samba Pró Velocity, (foto acima/Divulgação), com tecnologia avançada, para a disputa do Campeonato Carioca de 2019. O design da bola traz como inspiração a brasilidade de jogar futebol, ritmo do samba, cores quentes e também ícones de pontos turísticos do Rio de Janeiro.

Mais uma vez, a tecnologia marca a bola do Carioca. Com seis gomos, a Samba possui tecnologia híbrida (Tecnologia inovadora que soma os benefícios de uma estrutura costurada a mão, com o processo Termofusion). Além disso, apresenta laminado de PU High Solid com textura, e o diferencial de um composto siliconado de alta resiliência, proporcionando a bola maior maciez e conforto.

A impermeabilidade também é um ponto alto, já que não permite a variação de peso em gramados molhados, com 0% de absorção de água. Estes diferenciais geram benefícios na precisão e velocidade de chutes de longa distância, chutes com efeito e também maior aderência para que os goleiros possam segurar a Samba com mais facilidade.

– A alta tecnologia desta bola proporciona muitos gols no Carioca. A cada ano, ela vem ficando cada vez melhor, o que prova a evolução e o desenvolvimento da Samba. Aliás, este nome é perfeito, pois é um ritmo títpico do Rio de Janeiro e do Brasil, assim como nosso clubes, que são nacionais – afirmou Rubens Lopes, presidente da FERJ e anfitrião do evento.

Toda esta evolução tecnológica é fruto da parceria entre a Topper e a FERJ, através de pesquisas e testes junto aos principais clubes e atletas, na busca contínua de fornecer os melhores produtos. FERJ e Topper mantêm parceria há oito anos.

O nome Samba foi sugerido pelos torcedores em votação nas redes sociais da marca, no ano de 2017 (sendo esta a terceira edição), tendo como referência a combinação do futebol com o gênero musical bastante tradicional no estado.

Blog e Terra Esportes

Alagoano vai defender o Brasil no Mundial de Handebol na França
   26 de dezembro de 2016   │     11:56  │  0

Alagoas vai ter um representante na Copa do Mundo de Handebol, que vai ser disputada na França no ano que vem. Cleryston David, que também é terceiro sargento e defende o clube da Força Aérea Brasileira, foi um dos selecionados pela Seleção Brasileira para a 25ª edição da competição, que será realizada entre os dias 11 e 29 de janeiro. A convocação saiu na última quinta-feira.

O atleta já teve passagem pelo time de handebol do ASA. Ele conta que o tempo que defendeu a equipe arapiraquense o ajudou muito na sua trajetória esportiva.

– É sempre bom jogar em clubes que são reconhecidos. No momento em que disputei essa competição pelo ASA, foi importante porque me serviu como treino de luxo e com isso adquiri mais ritmo de jogo para a sequência da temporada. Me ajudou muito.

Cleryston destaca todo o apoio que tem recebido da Força Aérea Brasileira. Para ele, a estrutura de treinos e competições ajudou a desenvolver o seu potencial esportivo.

– É muito importante pra mim poder contar com o apoio da FAB, a valorização que eles nos dão é a melhor possível e essa convocação é exemplo disso – completou.

Blog com matéria do GloboEsporte/AL