Category Archives: Natação

Ex-nadadora Rebeca Gusmão está internada na UTI em estado grave
   30 de agosto de 2013   │     17:37  │  0

A ex-nadadora Rebeca Gusmão continua em situação difícil na UTI

A ex-nadadora Rebeca Gusmão continua em situação difícil na UTI

A ex-nadadora Rebeca Gusmão, 29, está internada, em estado grave, na UTI de um hospital de Samambaia, no Distrito Federal. A pedido da família, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal não informou os motivos da internação.

A secretaria confirma apenas que a ex-nadadora está internada. Ela foi transferida ontem (29) para Samambaia depois de dar entrada em um hospital no Guará, outra cidade no entorno de Brasília.

Rebeca foi um dos grandes nomes da natação feminina no país. Ela ganhou duas medalhas de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2007, no Rio, ao vencer as provas de 50m livre e 100m livre. No entanto, suas medalhas acabaram cassadas depois que a nadadora foi flagrada no exame antidoping durante a competição, por uso de anabolizantes esteroides.

Em 2006, ela também já havia sido pega no doping. Por ser reincidente, Rebeca Gusmão foi banida do esporte. Ela sempre alegou inocência no doping de 2007.

Phelps pode perder medalhas por violar regulamento do COI
   20 de agosto de 2012   │     0:05  │  0

Michael Phelps pode até perder medalhas caso seja punido

Maior medalhista  olímpico de todos os tempos, o agora ex-nadador Michael Phelps pode sofrer uma  punição do Comitê Olímpico Internacional (COI). Segundo o jornal espanhol Marca,  o americano teria feito uma propaganda irregular durante os Jogos Olímpicos para  a Louis Vuitton.

O regulamento do COI veda qualquer participação de atletas em anúncios de  marcas que não sejam patrocinadoras dos Jogos durante o período da Olimpíada.  Para este ano, o período restrito durava de 18 de julho a 15 de agosto, mas as  imagens de Phelps no comercial da grife francesa teriam sido divulgadas três  dias antes do prazo, no dia 12 deste mês.

A alegação da Louis Vuitton é que as imagens reproduzidas na internet foram  roubadas, o que inocentaria Phelps. No entanto, caso seja provado que a  divulgação foi intencional, o nadador pode ser multado e até perder medalhas.

Nadadora de 62 anos fará quarta tentativa de cruzar o mar de Cuba aos EUA
   19 de agosto de 2012   │     0:02  │  0

Nadadora americana Diana Nyad quer fazer história aos 62 anos

A nadadora americana Diana Nyad, de 62 anos, realizará no dia de hoje sua quarta tentativa de cruzar a nado o mar cheio de tubarões de Cuba aos Estados Unidos, para marcar um recorde pessoal e aproximar os dois países, distanciados por disputas políticas há meio século.

Nyad tentará se converter na primeira pessoa que cruza nadando os 166 km do Estreito da Flórida. O desafio exigirá cerca de 60 horas de esforço contínuo, sem descanso.

A nadadora, que completará 63 anos na quarta-feira, entrará no mar na Marina Hemingway, um clube de iates de Havana, hoje, às 7h (8h de Brasília), pouco depois do amanhecer, segundo antecipou em seu blog, e seguirá até Key West (extremo sul da Flórida).

Nyad, cujo recorde no mar aberto data de 1979, quando nadou 165 km entre Bimini (Bahamas) e Key West, enfrentará mais uma vez as fortes correntes do Golfo do México e os riscos de sofrer desidratação, hipotermia, ataques de asma ou momentos de desorientação. Para financiar a travessia, ela arrecadou fundos de doadores através de seu blog.

Acompanhe pela Rádio Gazeta AM, “No Campo do Arivaldo”, seis boletins destacando informações diferentes sobre o esporte, de segunda à sábado: 08, 11, 14, 17, 17.40 e 21 horas, com o prestígio da Casa das Tintas.

Francês sem braços e pernas atravessa o Estreito de Gibraltar
   12 de julho de 2012   │     18:13  │  0

Nadador francês Philippe Croizon continua fazendo história

O nadador francês Philippe Croizon, que tem os braços e as pernas amputadas, conseguiu atravessar nesta quinta-feira o Estreito de Gibraltar, de acordo com seus assistentes.

Croizon, que nadava acompanhado de Arnaud Chassery, saiu da cidade espanhola de Tarifa e demorou cinco horas e 20 minutos para alcançar o litoral marroquino.

Com o mar calmo, ambos chegaram até a praia de Cirès, próxima a Tânger, no Marrocos, após nadar cerca de 16 quilômetros.

Philippe Croizon sofreu um acidente em 1994, quando tinha 26 anos, em que sofreu uma descarga elétrica que, posteriormente, obrigou à amputação de suas quatro extremidades e vários meses de hospitalização e cirurgias.

O nadador já conseguiu atravessar o Canal da Mancha em 18 de setembro de 2010, com 42 anos de idade, fazendo o trajeto em 13 horas e 26 minutos.

Nadador amputado completa primeira etapa de volta ao mundo
   18 de maio de 2012   │     0:07  │  0

O francês Philippe Croizon faz uma volta ao mundo pelos oceanos

O francês Philippe Croizon, que teve os quatro membros amputados, nadou os quase 20 km que separam a Oceania da Ásia e completou a primeira etapa de uma volta ao mundo para unir os cinco continentes.

Croizon, de 43 anos, que nada equipado com próteses e que em setembro de 2010 atravessou o Canal da Mancha, partiu da Oceania às 6H00 no vilarejo de pescadores de Wutung, em Papua-Nova Guiné.

Após oito horas de nado e quase 20 quilômetros, ele chegou a Pasar Skow, na Indonésia, no continente asiático.

“Tudo saiu bem”, disse o documentarista Robert Iséni, que cumpre o papel de porta-voz da equipe. Croizon nada acompanhado por Arnaud Chassery, especialista em nado em mar aberto.

Philippe Croizon cumpriu assim a primeira etapa de uma volta ao mundo que unirá em quatro travessias os cinco continentes, entre maio e agosto.

Em junho, a dupla de nadadores passará da Ásia para a África, atravessando os 25 km que separam o Golfo d”Aqaba, na Jordânia, da costa egípcia no continente africano.

No mês seguinte eles esperam ligar a Europa e África através do Estreito de Gibraltar, em uma distância de 14 km que equivalem a 20 ou 25 km se consideradas as correntes. Em agosto, esperam fazer o mesmo pelas águas geladas do Estreito de Bering para unir Ásia e América do Norte.