Category Archives: Jogos Olímpicos

Comitê Olímpico vai levar 200 atletas para treinar em Portugal
   24 de junho de 2020   │     22:20  │  0

Diante das dificuldades de treinar aqui no Brasil por causa da pandemia, o Comitê Olímpico Brasileiro deve levar mais de 200 atletas para treinar em Portugal. Enquanto isso, eles usam a criatividade para manter o condicionamento físico.

Os ginastas estão se adaptando: Diego Hypólito treina na sala. Arthur Nory sobe escadas de um jeito diferente. Já Arthur Zanetti instalou argolas na garagem. Luisa Marques, do nado artístico, usa a piscina da casa de veraneio. O ciclista olímpico Renato Rezende construiu uma pista de terra ao lado de casa.

Dá até para se divertir um pouco, como o jogador de basquete Marcelo Huertas, que fez treino de força com ajuda dos filhos. A atleta de tênis de mesa Bruna Takahashi está com vaga garantida nos Jogos Olímpicos de Tóquio, transferidos para 2021. O treino em casa é bem mais limitado, mas pelo menos ela está conseguindo manter a boa forma.

É preciso muita criatividade para treinar em casa, já que os centros esportivos estão de portas fechadas como o Clube Pinheiros, em São Paulo, usado por mais de 200 atletas de alto rendimento. Mas eles estão há mais de três meses sem pisar no local, o que já afeta o desempenho dos esportistas.

Uma pesquisa do Comitê Olímpico Internacional, com quatro mil atletas do mundo inteiro, aponta que 56% deles acham difícil treinar com um bom resultado durante a pandemia. Metade não consegue se manter motivado. 32% relatam problemas de saúde mental, como ansiedade, e 30% estão com dificuldade de manter a dieta.

A partir de julho, o Comitê Olímpico Brasileiro vai levar 200 atletas para treinar temporariamente em Portugal, onde o risco de contágio da Covid-19 já caiu bastante.

Blog com Esportes Band

Olimpíada de Tóquio tem nova data
   1 de abril de 2020   │     0:02  │  0

Os organizadores dos Jogos de Tóquio 2020 confirmaram a edição adiada vai começar em 23 de julho de 2021, quase um ano depois da data inicialmente anunciada.

Assim anunciou em entrevista coletiva o presidente do comitê organizador, Yoshiro Mori, pouco após conversar por telefone com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach.

A nova data foi proposta pelos organizadores tendo em conta que se queria conceder “suficiente tempo para os preparativos” dos atletas e das outras partes implicadas, assim como se considerava preferível que os Jogos tivessem lugar em um período de férias, segundo Mori.

“Devido à situação do coronavírus, também acreditávamos que era melhor que os Jogos fossem no verão (do hemisfério norte)”, acrescentou o dirigente.

A próxima Olimpíada ia começar em 24 de julho deste ano, mas no último dia 24 de março foi anunciado o adiamento por causa da pandemia do coronavírus, o que obrigou o cancelamento de grande parte dos eventos classificatórios, da suspensão dos treinos dos atletas e da restrição dos deslocamentos internacionais.

De acordo com Yoshiro Mori, as provas olímpicas vão começar agora em 23 de julho e terminarão em 8 de agosto de 2021. Os Jogos Paralímpicos, por sua parte, terão início em 24 de agosto e se encerram em 5 de setembro.

Com relação às datas previstas para 2020, há o adiantamento de um dia para que a cerimônia de abertura coincida com uma sexta-feira.

Blog com ESPN

Mundo olímpico aprovou o adiamento dos Jogos
   31 de março de 2020   │     0:02  │  0

Sebastian Coe, presidente da World Athletics, a federação internacional de atletismo, disse que a decisão de adiar os Jogos de Tóquio para abril de 2021, devido à nova pandemia de coronavírus, alivia os atletas de sua “tempestade mental”.

“Não queríamos que os atletas estivessem na posição de ir contra as recomendações de seus governos e até enfrentar a lei”, disse Coe na rádio britânica TalkSport sobre as medidas de confinamento e treinamento.

Sebastian Coe diz que adiamento dos Jogos alivia 'tormenta mental' dos atletas

Sebastian Coe diz que adiamento dos Jogos alivia ‘tormenta mental’ dos atletas.

 

“E com certeza, em seu espírito, havia essa preocupação, não apenas devido ao seu programa de treinamento, eles corriam o risco de se infectar, de infectar suas famílias, seus filhos, de seus avós ou de seus pais, queríamos tirá-los da tempestade mental o mais rápido possível”, disse o ex-presidente do comitê organizador dos Jogos de Londres-2012.

Blog com Futebol Interior

Jogos Olímpicos são transferidos para 2021
   25 de março de 2020   │     0:05  │  0

Ontem, o primeiro-ministro do Japão afirmou que o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, aceitou que os Jogos de Tóquio sejam adiados em um ano em razão da pandemia do coronavírus.

Pouco depois, o próprio COI soltou comunicado oficial confirmando a mudança (de 2020 para 2021) e colocou como data-limite o verão (do hemisfério norte) do ano que vem.

“Na atual circunstância e baseado na informação dada pela Organização Mundial da Saúde hoje, o presidente do COI e o primeiro-ministro do Japão concluíram que os 32º Jogos de Tóquio devem ser reprogramados para uma data além de 2020, mas não depois do verão de 2021, para salvaguardar a saúde dos atletas, de todos os envolvidos nos Jogos e da comunidade internacional”, diz a nota do COI.

Shinzo Abe teve uma reunião por teleconferência com o dirigente alemão e estava acompanhado pelo presidente do comitê organizador local, Yoshiro Mori; da governadora de Tóquio, Yuriko Koike; e do ministro da Olimpíada, Seiko Hashimoto.

“Eu primeiro confirmei com Bach que não haverá cancelamento dos Jogos de Tóquio”, disse o premier japonês aos jornalistas – a Olimpíada estava marcada para acontecer entre 24 de julho e 9 de agosto.

“O Japão, como país-sede, acredita ser necessário um ano para que os atletas mundiais sejam capazes de atuar nas melhores condições e ter uma sã e segura competição para a audiência, baseado na atual situação”.

Ele garantiu que Thomas Bach, ao ser questionado sobre o adiamento em um ano, teria respondido: “Eu concordo 100%”.

Blog com ESPN

Canadá não levará atletas para os Jogos Olímpicos
   24 de março de 2020   │     0:01  │  0

Comitê Canadense não enviará atletas aos Jogos Olímpicos se evento não for adiado

img

COI decide manter os Jogos Olímpicos de Tóquio mesmo diante da pandemia do coronavírus (Foto: Mladen Antonov/AFP)

 

Os Comitês Olímpico e Paralímpico do Canadá já informaram que se recusarão a enviar atletas para os Jogos de Tóquio-2020 se o evento não for adiado. A decisão acontece após o Comitê Olímpico Internacional estabelecer um prazo de mais quatro semanas para tomar uma decisão sobre a realização do evento na data inicialmente marcada, em 24 de julho.

A decisão foi apoiada pelas comissões de atletas canadenses, pelas organizações nacionais de esportes e pelo Governo do Canadá. Os dois Comitês também afirmaram que a decisão não se refere apenas à saúde dos atletas canadenses, mas a uma questão de saúde pública de todas as nações envolvidas nos Jogos Olímpicos.

“O COC e o CPC pedem urgentemente ao Comitê Olímpico Internacional (COI), ao Comitê Paralímpico Internacional (IPC) e à Organização Mundial de Saúde (OMS) que adiem os Jogos por um ano. Nada é mais importante do que a saúde e a segurança de nossos atletas e da comunidade mundial “, solicitaram as instituições.

Blog com EXTRA