Category Archives: Futebol Feminino

Corinthians conquista mais um título feminino
   17 de novembro de 2019   │     22:30  │  0

Com mais uma atuação avassaladora, o Corinthians sagrou-se, pela primeira vez, campeão paulista de futebol feminino ao bater novamente o São Paulo por 3 a 0, ontem, em Itaquera. A conquista consagra a excelente campanha do time de Parque São Jorge, que venceu simplesmente todos os 20 jogos que disputou na competição.

Foram marcados diante do rival os últimos três dos 67 gols anotados (com somente sete sofridos) pela equipe, dispensando a vantagem obtida há duas semanas no Morumbi, quando as corintianas venceram por 1 a 0.

Do outro lado, a derrota freia a rápida ascensão do São Paulo, que veio da Série A2, chegou à terceira final de campeonato no ano e tentava sua terceira taça estadual – vencera em 1997 e 1999.

No primeiro tempo, o Corinthians simplesmente não parecia ter a vantagem do empate. Embalado por sua torcida, um público de quase 30 mil pessoas em Itaquera, as atuais bicampeãs da Libertadores partiram para o ataque.

E logo aos quatro minutos de partida, Victoria Albuquerque fez um belo gol, ganhando na velocidade da zaga rival e batendo de cobertura para vencer a goleira Carla e abrir o placar da decisão.

Melhor durante boa parte da primeira etapa, as comandadas do técnico Arthur Elias voltaram com ritmo semelhante para o segundo tempo. Em ótimo contra-ataque, Juliete ampliou, aproveitando assistência de Milene.

Com seu principal destaque, a atacante Cristiane, apagado na partida, o São Paulo até buscou se lançar ao ataque para reagir a tempo, mas foi o Corinthians que acabou tendo as melhores chances para ampliar. Na última delas, aos 35, Victoria Albuquerque devolveu a gentileza a Milene em jogada que acabou no fundo das redes, fechando a conta e sacramentando o inédito título corintiano.

Blog  com Esportes Band

Brasil erra pontaria e perde título para China nos pênaltis
   11 de novembro de 2019   │     19:00  │  0

Nas penalidades o Brasil com sua seleção feminina falhou contra a China (Foto: CBF /Divulgação)

Decidindo o Torneio Internacional da China contra as donas da casa, a Seleção Brasileira perdeu nos pênaltis na manhã de ontem. O tempo regulamentar terminou empatado em 0 a 0, após o Brasil desperdiçar as principais chances de gol da partida.

A Seleção Chinesa iniciou a partida com uma marcação alta, tentando surpreender as visitantes. No entanto, as brasileiras conseguiram suportar a pressão dos primeiros minutos e passou a trocar passes com mais tranquilidade. Ainda assim, a equipe de Pia Sundhage teve dificuldades para criar chances claras de gol, e o primeiro tempo terminou em 0 a 0.

Na segunda etapa, o Brasil conseguiu encontrar mais espaços na defesa chinesa, mas pecou nas finalizações. A falta de inspiração das duas equipes no setor ofensivo levou a decisão do título para os pênaltis.

Logo nas primeiras cobranças, as chinesas saíram na frente na disputa. Tamires errou o pênalti e o Brasil passou a esperar por um erro das adversárias. No entanto, quem desperdiçou outra penalidade foi Andressinha, e o título do Torneio Internacional da China ficou com as donas da casa.

Blog com Terra Esportes

Time feminino do Flamengo faz 56 a 0 pelo Carioca
   28 de setembro de 2019   │     17:30  │  0

O Campeonato Carioca feminino deu, na manhã deste sábado, mais uma amostra da disparidade entre alguns dos seus participantes. No Cefan, na Zona Norte do Rio de Janeiro, o Flamengo/Marinha venceu o Greminho por incríveis 56 a 0, em duelo válido pela terceira rodada do Estadual.

O placar do primeiro tempo, que terminou em 29 a 0 para as rubro-negras, dá uma dimensão do massacre. Considerado os acréscimos da partida, um gol foi marcado a cada 1,7 minutos, aproximadamente.

O Carioca feminino deste ano conta com 30 clubes, dos quais muitos são amadores. Assim, o Flamengo não tem encontrado dificuldades para golear seus adversários. Nas duas primeiras rodadas, o Rubro-negro venceu Barra Mansa e Campo grande por 13 a 0 e 10 a 0, respectivamente.

O Flamengo volta a campo pela competição no próximo domingo, para enfrentar a seleção da Central única das Favelas (Cufa), às 15h, novamente no Cefan.

 

Blog com Terra Esportes

Marta, Formiga e Andressa Alves concorrem à seleção do ano da Fifa
   10 de setembro de 2019   │     0:02  │  0

Resultado de imagem para Marta, Formiga e Andressa Alves

Marta, Formiga e Andressa (Foto: A Tarde – Uol)

A atacante Marta, a meia Formiga e a meia-atacante Andressa Alves são as representantes do Brasil na lista de 55 jogadoras anunciadas pela Fifa que concorrem a uma vaga na seleção do ano. A relação das atletas foi elaborada em parceria com a FIFPro, a entidade que representa os jogadores em nível mundial.

Desta lista de 55 atletas vão sair 11 para compor o time ideal da última temporada, como costuma acontecer na premiação masculina da Fifa. Será a primeira vez que a entidade máxima do futebol escolherá a “seleção” feminina em parceria com a FIFPro. A equipe terá uma goleira, quatro defensoras, três meio-campistas e três atacantes.

Andressa, da Roma, Formiga, do Paris Saint-Germain, e Marta, do Orlando Pride, vão disputar vaga no meio e no ataque. Todas as 55 jogadoras serão avaliadas com base em suas performances entre 16 de julho de 2018 e 19 de julho deste ano. Atletas e profissionais ligados ao futebol terão direito a voto para formar a “seleção” ideal da temporada.

Estão representados na lista inicial, de 55 jogadoras, 16 países. Os Estados Unidos contam com o maior número de atletas: 14. É seguido por Inglaterra e Holanda, com sete cada, e França, com seis. O time mais representado na relação é o Lyon, com 13 jogadoras.

A lista das 11 melhores da temporada será divulgada no dia 23 de setembro, na cerimônia de premiação da Fifa, no Teatro alla Scala, em Milão.

ESTADÃO Conteúdo

Brasil erra e Chile leva o título no futebol feminino
   2 de setembro de 2019   │     15:00  │  0

Brasil x Chile

Brasil x Chile (Foto: Mauro Horita/CBF)

A primeira competição da técnica Pia Sundhage no comando da seleção brasileira ficou com um gostinho de “quase”. Jogando no Pacaembu para mais de 16 mil pessoas na tarde passada, na decisão do torneio internacional de futebol feminino, o Brasil perdeu por 5 a 4 na disputa de pênaltis após empate em 0 a 0 no tempo normal, em um dia de muita chuva em São Paulo que castigou o gramado. A goleira Aline pegou três cobranças, mas Raquel, Luana, Bruna e Joyce perderam.

PRIMEIRO TEMPO

Em sua primeira decisão no comando da seleção brasileira feminina, a técnica Pia Sundhage viu um temporal tomar conta de São Paulo no primeiro tempo e castigar o gramado do Pacaembu. Por conta disso, muitas poças apareceram, principalmente na região central do campo, dificultando muito a qualidade do jogo. O Brasil tentou sair pelos lados e levantar algumas bolas na área. Teve três boas chances no primeiro tempo. Em duas, com finalizações de Bia e Mônica, a goleira Endler apareceu bem. Em outra chance, numa jogada de Ludmilla, que entrou na vaga de Debinha, Bia perdeu na pequena área.

SEGUNDO TEMPO

A técnica Pia fez muitas mudanças na equipe ao longo do jogo, o desgaste por conta da chuva foi grande. A dificuldade em encontrar o melhor futebol também ficou clara, muitos erros no último passe e nas finalizações. A melhor chance, talvez que pudesse garantir a vitória no tempo normal, saiu dos pés de Chú, que arriscou de longe, soltou a bomba, e obrigou a goleira Endler a fazer uma ótima defesa, salvando o Chile. Com 0 a 0 no placar, a partida foi para os pênaltis. E o Chile venceu por 5 a 4.

Blog com Globo Esporte