Category Archives: Futebol Alagoano

CRB já tem novo desafio amanhã diante do Paysandu; CSA com tempo para treinar quer recuperar o 1º lugar do seu Grupo na Série C
   22 de junho de 2017   │     0:05  │  0

O técnico Dado Cavalcante vai indicar mais jogadores para reforçar o CRB (Foto: Minuto Esporte)

O CRB já tem um novo desafio na noite de amanha, em casa, quando poderá sair da zona perigosa do Campeonato Brasileiro da Série B, ao enfrentar o Paysandu às 19h15m, no Estádio Rei Pelé. A boa vitória conquistada na cidade de Natal/RN credencia o Galo de Alagoas, depois de algumas derrotas nesta Série B.

A verdade é que o time sofreu alterações que resultaram em ganho real no seu desempenho. Edson Kölln foi o goleiro na vaga de Juliano. O zagueiro Gabriel ficou em Maceió, e a dupla de zaga foi formada por Adalberto e Flávio Boaventura. As outras novidades foram Erick Salles, Danilo Pires e Edson Ratinho, jogador que teve um excelente desempenho, repetindo suas atuações nas convocações feitas pelo ex-treinador Léo Condé. Adriano, Ytalo e Rodolfo foram sacados do time titular.

Outra peça importante na partida contra o ABC foi Chico. Além do pênalti sofrido no primeiro tempo, ele fez o terceiro gol do CRB, após bela jogada do lateral-direito Marcos Martins. A formação do CRB para enfrentar o ‘Papão da Curuzu’ na noite de amanhã só será divulgada nos vestiários do Rei Pelé. O presidente Marcos Barbosa disse ontem no programa ‘Bola Quente’ do Timaço que o Galo vai contratar mais dois zagueiros, um volante e dois atacantes. Os nomes serão indicados por Dado Cavalcante.

A diretoria regatiana já divulgou o preço dos ingressos para a partida contra o Paysandu. Os valores ficaram assim: R$ 20,00 para arquibancada alta e R$ 50,00 para as cadeiras. O setor de arquibancadas baixas não será aberto.

O jogo vale pela décima rodada da Segundona e será no Estádio Rei Pelé, às 19h15. O Galo está na zona de rebaixamento – é o 17º colocado, com dez pontos; o Paysandu segue no meio da tabela, na 11ª colocação e soma 12.

CSA QUER RECUPERAR SEU POSTO DE LÍDER NA SÉRIE C

O treinador Nei da Matta está aproveitando muito bem essa semana ‘cheia’ nos treinos do CSA, antes de enfrentar o Fortaleza (Foto: Globoesporte/AL)

CSA e Fortaleza se enfrentam na próxima segunda-feira. Esse jogo vai ser muito importante para a equipe alagoana, que caso vença, poderá recuperar a liderança do Grupo A da Série C, hoje ocupada pelo Tricolor do Ceará. O Azulão se manteve no topo da chave por cinco rodadas.

Por outro lado, o departamento de futebol do CSA aguarda apenas as novas documentações brasileiras do centroavante equatoriano Daniel Angulo, para regularizar o atacante junto à Confederação Brasileira de Futebol e poder contar com o atleta em campo.

O trabalho para retirada de Cadastro de Pessoa Física (CPF), Carteira de Identidade (Registro Geral) e Carteira de Trabalho segue com seu andamento normal. Não existe uma previsão para concluir toda a documentação necessária de Daniel Angulo. A janela de transferência internacional foi aberta no último dia 20 e ficará habilitada até 20 de agosto.

Faltando três rodadas para encerramento dos jogos de ida, o CSA é vice-líder do grupo A com 11 pontos. Com 9 ainda em disputa, a meta é conquistar ao menos mais 6 pontos, pois destes próximos três compromissos dois serão em Maceió,  contra o Fortaleza; e no dia 9 de julho, diante do Cuiabá. Nesta fase o time do Mutange vai enfrentar o Salgueiro, fora de casa, no dia 2 de julho.

Nei da Matta continua trabalhando forte no CT do Mutange. Hoje tem atividade para todos os jogadores.

Textos: Arivaldo Maia e Globoesporte/AL

 

 

Séries C e D: CSA, ASA e Coruripe são derrotados; Alagoas só venceu com o Murici
   29 de maio de 2017   │     0:05  │  0

O domingo não foi bom para o futebol alagoano, derrotado em três das quatro partidas disputadas na tarde passada. O CSA perdeu por 2 x 0 para o Botafogo/PB, jogando em João Pessoa, o ASA foi surpreendido pelo Sampaio Corrêa no Municipal e acabou derrotado por 1 x 0 mesmo jogando em casa. Nos jogos da Série D o Murici deu conta do recado e venceu o Jacobina/BA por 3 x 2; jogando em Caruaru o Coruripe perdeu para o Central por 3 x 2.

CSA

O CSA não foi o mesmo time dos jogos anteriores na derrota de ontem para o Botafogo/PB, quando perdeu por 2 x 0, acabando com sua invencibilidade na Série C. Os gols da partida foram marcados pelo atacante Dico, aos 4 e 23 minutos da segunda etapa.

A verdade é que o desempenho azulino em campo, no Almeidão, teve duas falhas da zaga que resultaram nos gols do time paraibano, dificultando uma reação sobre o adversário que teve grande incentivo da sua torcida.

Agora, o Azulão volta para Maceió para enfrentar o Moto Clube, no domingo (4), no Estádio Rei Pelé, às 16h. Já o Botafogo, que conquistou a primeira vitória na Terceirona e com o resultado subiu para a quinta colocação do grupo, vai encarar o Salgueiro, dentro de casa.

ASA

Reginaldo Júnior, do Sampaio Corrêa, fez o gol da vitória aos 24 minutos do 2º tempo (Foto: AILTON CRUZ)

A surpreendente derrota do ASA na tarde de ontem para o Sampaio Corrêa deixou o alvinegro em situação complicada.

O ASA, que estreou na Série C 2017 com derrota, perdeu o seu primeiro jogo como mandante e o placar de 1×0 para o time maranhense empurrou o Gigante para o penúltimo lugar do grupo A, entrando na zona do rebaixamento.

O alvinegro arapiraquense perdeu um jogador na derrota de ontem. O zagueiro André Lima cometeu falta e recebeu o segundo amarelo e cartão vermelho, sendo expulso do jogo.

Textos: Arivaldo Maia e Gazetaweb

Tem alguma dúvida? Confira o que CRB e CSA precisam fazer para ficar com o título
   29 de abril de 2017   │     0:05  │  1

Em campo, CRB e CSA decidirão quem será o 'Bom de Bola' de 2017 no futebol de Alagoas (Foto: AILTON CRUZ)

Em campo, CRB e CSA decidirão quem será o ‘Bom de Bola’ de 2017 no futebol de Alagoas (Foto: AILTON CRUZ)

Muita gente ainda se confunde. Se o CRB vencer o primeiro jogo por 2 a 0, por exemplo, haverá prorrogação na segunda partida se o CSA derrotar o Galo pela diferença de dois gols, independentemente do número de gols (2 x 0, 4 x 2, 6 x 4). Se o CSA ou CRB vencer amanhã por 3 a 0, por exemplo, e perder por dois gols de diferença no dia 7 de maio, conquista o título no tempo normal.

Não há gol qualificado para os visitantes, como na Copa do Brasil. Havendo empate na soma dos dois resultados das finais, teremos prorrogação. Persistindo a igualdade, o campeão será conhecido nos pênaltis.

A última vez que o Campeonato Alagoano foi disputado nos pênaltis foi em 2013. O CRB venceu um jogo, CSA o segundo e, nas penalidades, o Galo foi campeão estadual.

O CSA disputa a finalíssima, dia 7 de maio, com sua torcida no Rei Pelé por ter feito melhor campanha que o rival na classificação geral do campeonato. E foi por muito pouco. Os dois fizeram 36 pontos, têm 10 vitórias, mas o Azulão vence no saldo (20 x 17).

Amanhã, o mando é do CRB e, por determinação da Justiça, apenas os torcedores regatianos podem comprar ingresso para o jogo, que começa às 16h, no Rei Pelé. Na segunda partida, o mando é invertido.

O regulamento das finais é o mesmo para  a decisão do terceiro colocado. O ASA venceu o primeiro jogo, fora de casa, por 3 a 2, e joga pelo empate na tarde de hoje com o Murici, às 17h30, em Arapiraca. Se Alviverde vencer por um gol de diferença, haverá prorrogação. Com a igualdade no tempo extra, a terceira vaga na Copa do Brasil de 2018 será definida nos pênaltis.

Blog com matéria produzida pelo GloboEsporte/AL

Decisão alagoana não tem favoritos nem vantagem para CRB e CSA; hoje tem disputa pelo 3º lugar
   26 de abril de 2017   │     0:05  │  5

Imagem relacionada

Pelo que está estabelecido no regulamento do Alagoano-2017, não existe nenhuma vantagem para CRB e CSA nos dois jogos que apontarão o campeão desta temporada. No caso de dois resultados iguais, os times disputarão uma prorrogação em dois tempos de 15 minutos. Depois, se não houver vencedor, o título vai ficar para o time que apresentar o melhor desempenho na disputa de pênaltis.

CRB e CSA fizeram 36 pontos e apresentam o mesmo número de vitórias ao longo da competição. Por ter um melhor saldo na classificação geral, o Azulão realiza a segunda partida como mandante, enquanto o Galo terá o apoio da torcida no jogo de ida. Por conta de uma decisão judicial, por enquanto, os clássicos serão com torcida única.

No histórico desta temporada, CSA e CRB empataram três vezes em três jogos que disputaram pelo Campeonato Alagoano. Já pela Copa do Nordeste, aconteceu uma vitória para cada equipe.

REFORÇOS

Por outro lado, já está em Maceió o 1º reforço do CRB para o Brasileiro da Série B. É o meia Rodolfo Guimarães, revelado pelo Flamengo, 23 anos, natural do Rio de Janeiro. Ele será apresentado hoje no CT Marcos Barbosa, o Ninho do Galo.

Rodolfo já defendeu os seguintes clubes: Ponte Preta-SP, Coritiba-PR, Osasco-SP Audax-SP e Oeste-SP.

Outro nome confirmado pela diretoria alvirrubra é o do meia Élvis, de 26 anos. O atleta já passou por diversos clubes, como Paraná, Benfica (Portugal), Figueirense-SC, Criciúma-SC e Botafogo-RJ.Seu último time foi o Red Bull-SP.

Indagado sobre Élvis, o presidente Marcos Barbosa confirmou a contratação do atleta no início da noite de ontem.

No CSA, contratações só serão definidas após o final do Alagoano. Existe também o interesse de vários clubes por alguns jogadores azulinos. Mota e Everton Heleno são os mais cotados..

MURICI X ASA

A disputa pelo 3º lugar do Alagoano-2017 começa hoje. Logo mais às 20h, no Estádio José Gomes da Costa, tem Murici e ASA na busca por uma vaga na Copa do Brasil de 2018. Denis Ribeiro Serafim será o árbitro central.

O jogo de volta está marcado para sábado, dia 29. Será iniciado às 17h30, em Arapiraca, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca.

Não existe vantagem nesta disputa do terceiro lugar. Em caso de empate no número de pontos, o critério de desempate será o saldo de gols dos dois jogos. Se o empate persistir, haverá prorrogação. Se houver igualdade após os dois jogos a decisão será nos pênaltis.

Arivaldo Maia

Clássico com duas torcidas é emoção pura; é jogo para quem tem nervos de aço
   25 de abril de 2017   │     5:26  │  23

404040404csacrbJá está passando da hora. O nosso ‘Maior Espetáculo Esportivo’ precisa viver sua histórica emoção com o show das torcidas de CRB e CSA. Domingo passado, por exemplo, em Campina Grande/PB, no clássico local, de imensa rivalidade, os torcedores de Treze e Campinense fizeram uma belíssima festa no Amigão.

Os jogos Vasco x Fluminense e Flamengo x Botafogo aconteceram no Maracanã, no último final de semana, com duas torcidas. Náutico x Sport, em Recife, também, além de muitos outros pelo Brasil.

Alagoas continua devendo uma resposta ao público brasileiro com relação ao nosso grande jogo. Não é o clássico que deve receber punição, e sim os verdadeiros marginais que, travestidos de torcedores, agem com selvageria.

Nossa Polícia Militar sempre demonstrou eficiência na segurança dos grandes jogos realizados no Rei Pelé. Além disso, nas duas datas reservados para os jogos finais do Estadual-2017, não existe em Alagoas outro evento que possa também necessitar do Batalhão que cuida da nossa segurança, quer seja no Rei Pelé, no seu entorno ou nos pontos já conhecidos de tumulto entre torcidas organizadas.

Não devemos continuar dando esse exemplo de incapacidade. Nossas autoridades acertam quando se preocupam com a segurança das pessoas que amam o futebol. Mas, precisam encontrar uma solução que permita manter vivo o maior clássico da nossa terra.

Essa punição já foi aplicada em outros centros, não é nenhuma novidade, Mas, se o editor do Blog não estiver equivocado, não existe mais.

Nossas autoridades precisam rever essa posição radical. Nossa torcida é pela presença das duas torcidas nos jogos que definirão o campeão de 2017.

Para concluir, vale lembrar que temos um bom exemplo recente: pela Copa do Nordeste-2017, exatamente no último dia 11 de março, CSA e CRB jogaram no Rei Pelé com suas torcidas presentes. O público passou dos 10 mil espectadores. Nada de anormal ocorreu. É um bom exemplo ou não?

Texto: Arivaldo Maia