Category Archives: Ex-Dirigentes

Ex-presidente da CBF, Marin pode pegar até 60 anos de prisão
   24 de fevereiro de 2017   │     0:04  │  0

345678900marinJosé Maria Marin, ex-presidente da CBF (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Ex-presidente da CBF, José Maria Marin pode pegar uma pena de até 60 anos de prisão por conta do escândalo de corrupção que atingiu a Fifa, em 2015. Isso porque a Justiça dos Estados Unidos negou nesta semana um pedido da defesa do brasileiro de anular a acusação de associação com outros integrantes da Fifa, o mais grave dos crimes arrolados. As informações são do GloboEsporte.com, que ouviu advogados e eles apontaram que a totalização das penas pode chegar a seis décadas.

O recurso foi apresentado pela defesa de Marin no mês de novembro do ano passado e recusado nesta semana pela juíza Pamela K. Chan, do Tribunal Federal do Brooklyn. O ex-presidente da CBF aguarda o julgamento do caso em prisão domiciliar nos Estados Unidos desde 2015, ano em que estourou o escândalo da Fifa após investigações em conjunto entre órgãos dos Estados Unidos e da Suíça.

Junto com o recurso negado a Marin, a Justiça dos Estados Unidos também manteve todas as acusações contra o ex-presidente da Conmebol Juan Angel Napout. O cartola paraguaio alegava que não havia cometido crimes nos Estados Unidos, país onde também cumpre prisão domiciliar e aguarda julgamento, que está previsto para ocorrer em novembro deste ano.

Blog com LANCEPRESS!

O jogo virou: Zico ajuda homem que o fez crescer e virar o rei do Flamengo
   26 de setembro de 2016   │     0:01  │  0

George Helal posa em frente à sua estátua no Ninho ao lado do filho Ronaldo, familiares e Eduardo Bandeira de Mello (Foto: Reprodução/Facebook)

George Helal posa em frente à sua estátua no Ninho ao lado do filho Ronaldo, familiares e Eduardo Bandeira de Mello (Foto: Reprodução/Facebook)

O norte-americano naturalizado brasileiro George Helal, que completou 85 anos no último dia 10, é uma das lendas vivas rubro-negras. Integrante da Frente Ampla pelo Flamengo (FAF), grupo político que levou Márcio Braga à presidência em 1976, ingressou nos bastidores da Gávea nos anos 60. Nesse período, garantiu ao clube o maior reforço de sua história. Em 1967, um jovem franzino e baixinho chegava de Quintino trazido pelo radialista Celso Garcia para fazer teste. Sua frágil constituição física causava desconfiança, e o paraguaio Modesto Bría queria dispensá-lo. Helal o bancou. Bancou não só isso, mas uma série de realizações ao Rubro-Negro que tanto ama. Tirou de si para dar ao Flamengo, e sua situação financeira hoje não mais é a mesma.

Seu Antunes, pai do garoto, disse ao dirigente que queria o filho na escola. Helal comprou a ideia e foi o responsável pela viabilização do Projeto Soma, programa idealizado pelo médico Serafim Borges, funcionário do clube até hoje. Tal trabalho de reforço muscular fez o menino ganhar 17 centímetros e muita massa. Trata-se de Zico, maior nome de todos os tempos do Flamengo. Para se dedicar a isso, o adolescente se desdobrava entre Quintino, Gávea, escola e academia. Helal custeava todo o transporte e alimentação do Galinho. Diante da dificuldade do amigo nos dias de hoje, o ídolo entrou em cena. Emprestou um apartamento que tem no Recreio a Helal, um dos seus quatro padrinhos de casamento e a quem trata como pai.

– Estou muito ao grato ao Zico, conheço o carinho que ele sempre teve por mim, pela Irene, minha primeira esposa e por todos nós. Éramos como uma família, e ele sempre foi muito ligado a nós, assim como o pai dele, a Dona Matilde, que tinha um coração muito grande. Muito obrigado, Zico, por me ajudar nessa minha necessidade. Não tenho segredo, não. Fico muito feliz pela espontaneidade dele. Me levou até lá na Estrada do Pontal, num lugar muito bonito. Moro lá muito feliz, com uma cuidadora me acompanhando, mas às vezes fico sozinho. Eu tenho idade, mas não fiquei velho (risos). Saio, vou para longe. Gosto de atividades, estou com uma saúde boa, tomo meu chopinho, no máximo dois (risos) – afirmou George Helal.

Outras figuras da Gávea, como vice-presidente do clube, Maurício Gomes de Mattos; Márcio Braga, Walter Oaquim, Cláudio Pracownik, Jorge Rodrigues, Onurb Couto e Humberto Mota têm dado apoio a Helal.

Muitos dos que estão ajudando George Helal foram procurados pela reportagem, incluindo Zico, mas todos preferiram não se pronunciar a respeito. Evitaram sair como heróis pela força dada ao amigo, sobretudo o Galinho.

É importante frisar que os filhos George, Ronaldo, Glorinha, Cristiane e Michel buscaram uma solução e ofereceram uma casa para Helal, porém o “jovem” de 85 anos alegou precisar de privacidade.

No último dia 10, quando completou 85 anos, Helal foi muito festejado na Boca Maldita, área tradicional da Gávea que recebe sócios da Velha Guarda rubro-negra.

Blog com Fred Gomes/GloboEsporte/RJ

Ex-presidente da Fifa, Blatter passa por cirurgia para tratar câncer de pele
   12 de julho de 2016   │     0:02  │  0

Blaterjá esá em casa depois da cirurgia de um cancer de pele (Foto: www.espnfc.com)

O ex-presidente da Fifa, Joseph Blatter, já está em casa depois da cirurgia de um câncer de pele (Foto: www.espnfc.com)

O ex-presidente da Fifa, Joseph Blatter, passou por cirurgia, tendo em vista o tratamento de um câncer de pele. A informação foi confirmada pelo assessor do dirigente, Thomas Renggli, à agência de notícias SID. O suíço já recebeu alta do hospital.

“A operação foi na última quarta-feira, e foi um sucesso. Ele está em casa desde a quinta, e passa bem”, explicou Renggli. Ainda segundo a SID, em nenhum momento Blatter, que tem 80 anos, esteve perto da morte.

Joseph vive um momento conturbado, com diversas denúncias de corrupção, no período em que esteve à frente da entidade máxima do futebol mundial. Ele assumiu a presidência da entidade em 1998, e deixou o comando apenas em 2015, quando não resistiu às acusações legais.

Em dezembro de 2015, ele foi suspenso pelo Comitê de Ética, sendo banido do futebol por oito anos. Posteriormente, a pena foi reduzida para seis. Além de Blatter, o ex-jogador Michel Platini também foi banido, por corrupção no esporte.

Além deles, diversos dirigentes, entre eles o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, foram presos, por esquemas de corrupção no esporte mais popular do planeta.

Blog com Terra Esportes

Com pneumonia, João Havelange está internado em hospital do Rio
   3 de julho de 2016   │     0:04  │  0

Apesar dos 100 ansos, João Havelange já pediu para participar da solenidade de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio (Foto: Divulgação)

Apesar dos 100 anos, João Havelange já pediu para participar da solenidade de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (Foto: Divulgação)

O ex-presidente da Fifa, João Havelange, está internado em um hospital da zona sul do Rio de Janeiro após ser diagnosticado com pneumonia há uma semana.

A informação foi confirmada à reportagem do UOL Esporte pela esposa do ex-dirigente, Anna Maria. Segundo ela, a expectativa é que Havelange, que completou 100 anos em maio passado, receba alta médica nesta segunda-feira.

Às vésperas de chegar à idade centenária, Havelange, por meio de sua assessoria de imprensa, disse que gostaria de comparecer à abertura dos Jogos Olímpicos do Rio, marcada para o dia 5 de agosto.

O brasileiro foi membro do Comitê Olímpico Internacional (COI) de 1963 e 2011. Além disso, participou ativamente da campanha pela Olimpíada há sete anos.

Havelange comandou a Fifa por 24 anos, de 1974 a 1998, e deu lugar ao suíço Joseph Blatter, que renunciou ao cargo em junho do ano passado. Hoje, a entidade é presidida por Gianni Infantino, eleito no dia 26 de fevereiro deste ano.

Blog com UOL Esporte

Blatter admite uso de “bolinhas” frias em sorteios europeus
   15 de junho de 2016   │     0:01  │  0

Blatter acabou renunciando após as denúncias de corrupção na Fifa (Foto: Philippe Marcou/AFP)Blatter acabou renunciando após as denúncias de corrupção na Fifa (Foto: Philippe Marcou/AFP)

O ex-presidente da Fifa Joseph Blatter deu uma entrevista ao jornal argentino La Nación e voltou a causar polêmica com suas declarações. Em um momento da entrevista, o suíço admitiu que é comum na Europa utilizarem “bolinhas” quentes em sorteios de campeonatos.

“Nunca toquei as bolinhas, mas outros o fizeram. É claro que tem como reconhecer, ao aquecê-las ou esfriá-las. Já fui testemunha de sorteios, a nível europeu, em que isso acontecia. Mas nunca na Fifa”, afirmou.

A prática já deu o que falar no meio do futebol, com muitos sorteios polêmicos durante a história. Blatter explicou como isso acontece. “As bolinhas são colocadas na geladeira antes, ao tocá-las, é possível sentir as mais frias”, contou.

Em um dos trechos da polêmica entrevista, Blatter defendeu a Fifa, entidade que deixou de presidir em 2015, após ser acusado de corrupção. Quando questionado sobre suas participações em diversos sorteios, o ex-mandatário admitiu que tudo não passava de um “show”.

Blog com Gazeta Esportiva