Category Archives: Eliminatórias

Eliminatórias voltam com jogos em setembro
   24 de junho de 2020   │     15:00  │  0

Fifa divulga o logo da Copa do Mundo de 2022, no Catar

O Conselho da Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol) definiu setembro para o início das Eliminatórias no continente para Copa do Mundo de 2022. A confirmação do começo do torneio já foi oficializada, com a aprovação de um protocolo de prevenção para o retorno aos treinos, viagens e competições.

As medidas também devem servir aos clubes, embora ainda não exista previsão para o reinício da Taça Libertadores da América e da Copa Sul-americana.

Pelo calendário estabelecido, a Seleção Brasileira vai entrar em campo contra Bolívia e Peru, respectivamente nos dias 3 e 8 de setembro.

O documento elaborado pela Conmebol com as ações durante os jogos para evitar a disseminação da pandemia vai ser enviado aos governos dos países da América do Sul.

As eliminatórias classificam 4 equipes de forma direta para a Copa do Mundo e deveriam ter começado em março para terminar em novembro de 2021.

Blog com A TARDE

Rodadas iniciais das Eliminatórias estão suspensas
   11 de março de 2020   │     22:21  │  0

As duas rodadas iniciais da próxima Copa do Mundo estão suspensas. O motivo? O Coronavírus.

Brasil tinha estreia nas Eliminatórias da Copa prevista para o dia 27 de março, contra a Bolívia, na Arena Pernambuco. Depois ia enfrentar a seleção do Peru, fora de casa, em Lima, no dia 31. A apresentação dos convocados estava prevista para o dia 23 de março, em Recife.

Além das Eliminatórias, a Seleção terá neste ano a defesa do título da Copa América. O primeiro jogo pela competição será no dia 14 de junho, contra a Venezuela, em Cali, na Colômbia. O segundo será contra o Peru, no dia 18, em Medellín. O terceiro e o quarto serão em Barranquilla, contra o Catar e a Colômbia, nos dias 23 e 27, respectivamente. O quinto será contra o Equador, no dia 1º de julho, em Bogotá. O Campeonato Brasileiro não vai parar durante a Copa América.

Brasil estreia nas Eliminatórias para a Copa de 2022 contra a Bolívia — Foto: REUTERS/Ricardo MoraesBrasil estreia nas Eliminatórias para a Copa de 2022 contra a Bolívia, mas, com nova data (Foto: REUTERS/Ricardo Moraes)

Blog com Globo Esporte

Guerrero contata Gareca e pede liberação da seleção
   15 de agosto de 2019   │     20:00  │  0

Resultado de imagem para Guerrero, do Peru

 

Paolo Guerrero, (foto: UOL), entrou em contato com o técnico da seleção do Peru, Ricardo Gareca, na tarde da última quarta-feira e pediu a liberação dos amistosos contra Equador e Brasil, dias 5 e 10 de setembro, respectivamente. Porém, a empreitada parece não foi muito animadora. Nos bastidores o Inter já mostra certo pessimismo e tem cada vez menos esperanças de liberação do centroavante.

Conforme apurou o GloboEsporte.com, o atacante explicou a situação ao treinador. No dia 4 de setembro, o Inter tem o jogo de volta das semifinais da Copa do Brasil contra o Cruzeiro. Caso confirme a classificação (venceu no Mineirão por 1 a 0), o primeiro jogo da final será no dia 11 diante do vencedor entre Grêmio x Athletico. A convocação sairá no dia 23 de agosto.

No Peru, a imprensa local diz que Guerrero não será liberado. O jornal esportivo Líbero diz que os motivos alegados são a política da federação peruana, que não cede nenhum jogador. Em contato com o GloboEsporte.com, o presidente da federação, Agustín Lozano, disse que a decisão a cargo ficaria a cargo de Gareca.

A conversa entre Guerrero e o treinador do Peru foi mais uma tentativa do Inter de garantiu seu principal jogador nos confrontos decisivos da Copa do Brasil. Na última terça, o executivo de futebol Rodrigo Caetano esteve em Lima para oficializar o pedido de liberação à federação peruana.

A diretoria colorada tenta sensibilizar a seleção peruana. Entre os argumentos estão a confiança depositada pelo clube na contratação do centroavante e o suporte que Guerrero recebeu nos últimos oito meses de suspensão por doping. O atacante é o artilheiro da equipe com 11 gols em 17 jogos e comandou o Peru ao vice-campeonato da Copa América.

Ainda como argumento, a direção do Inter também utiliza o técnico Tite como exemplo. O treinador da Seleção não deve convocar atletas de clubes brasileiros que estejam em fases decisivas na Libertadores e Copa do Brasil.

Blog com Globo Esporte

Peru bate Nova Zelândia, é a última a se classificar e volta à Copa após 36 anos
   18 de novembro de 2017   │     0:02  │  0

Depois de longos 36 anos, o Peru jogará uma Copa do Mundo. O drama acabou e o sonho de todo torcedor peruano se concretizou com a vitória por 2 a 0 sobre a Nova Zelândia, no lotado estádio Nacional, em Lima, na partida de volta da repescagem para o Mundial de 2018. No duelo da ida as seleções haviam empatado sem gols em Wellington, no outro lado do planeta, na Oceania, e quem vencesse estaria garantido na Rússia.

Os heróis da classificação do Peru foram o atacante Jonathan Farfán, autor do primeiro gol na etapa inicial, e o zagueiro Christian Ramos, que fez o segundo depois do intervalo. Mas o destaque em campo foi o meia Cueva, que joga no São Paulo, responsável pelas assistências para os dois gols e outras jogadas de ataque dos peruanos.

Mesmo longe do gramado, o centroavante Paolo Guerrero foi muito lembrado por todos no estádio Nacional. Suspenso preventivamente pela Fifa por ter dado positivo em um exame antidoping após o empate com a Argentina, em Buenos Aires, em outubro, pela 17.ª e penúltima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, o jogador do Flamengo foi ovacionado pela torcida e teve sua camisa de número 9 mostrada por Farfán na comemoração do primeiro gol.

Esta será a primeira vez que o Peru chega a uma Copa do Mundo desde 1982, mas antes da competição na Espanha – na qual caiu na fase de grupos -, o país já havia disputado outros três Mundiais. Foi em 1930, no Uruguai; em 1970, no México, quando caiu nas quartas de final para o Brasil, em sua melhor participação até agora; e em 1978, na Argentina.

Blog com A TARDE

 

Emocionado, Buffon deixa a seleção italiana: “Difícil terminar assim”
   15 de novembro de 2017   │     0:02  │  0

Resultado de imagem para Buffon chorando na desclassificação da Itália

Buffon chora ao deixar o gramado em Milão (Foto: Getty Images)

O empate em 0 a 0 com a Suécia em Milão deixou a Itália fora da Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Fato que não acontecia desde 1958. A partida também marcou a despedida do goleiro Buffon da seleção italiana. Aos 39 anos, ele seria o único jogador na história a jogar seis vezes consecutivas o Mundial, mas não segurou as lágrimas para anunciar sua saída da equipe após o fracasso nas eliminatórias.

– É difícil terminar assim. Temos orgulho, força. Nos levantaremos como sempre fizemos. Eu deixo um abraço para todos, especialmente para os que compartilharam esse tempo comigo. Não sinto muito por mim, mas por todo o futebol italiano. Nós falhamos – disse Buffon.

Aos 39 anos, Buffon é o jogador com mais convocações na história da seleção italiana: 175, contra 136 de Fabio Cannavaro e 126 de Paolo Maldini. O goleiro viveu seu maior momento na equipe nacional na Copa do Mundo de 2006, na França, quando conquistou a competição.

Também defendeu a Azzurra na final da Eurocopa de 2012, quando o time foi goleado por 4 a 0 pela Espanha. Além dele, o zagueiro Barzagli e o volante De Rossi também anunciaram que não defendem mais a Itália.

 

Blog com Globoesporte