Category Archives: Copa Sul-Americana

Bahia perde para o Independiente e se complica na Sul-Americana
   20 de maio de 2021   │     4:00  │  0

Fora de casa, Bahia perde para o Independiente e se complica na Sul-Americana

Bahia foi derrotado na Argentina –  (Foto: Divulgação / Independiente)

 

O Bahia perdeu para o Independiente por 1 a 0 no estádio Libertadores de América, em Buenos Aires, pela quinta rodada da Copa Sul-Americana. A equipe tricolor teve as melhores chances e pressionou, mas acabou sofrendo um único gol, marcado por Thonny Anderson contra o próprio patrimônio.

Com o resultado, o Bahia fica com oito pontos e perde a liderança do Grupo B e os argentinos assumem a liderança com onze pontos. Na última rodada, o Bahia encara o Montevideo City Torque no próximo dia 26 de maio, em Pituaçu.
O JOGO

No confronto direto pela liderança da Sul-Americana, as duas equipes começaram o jogo com espaço e buscando o ataque. A primeira tentativa foi do Independiente. Aos três minutos, Palacios recebeu na grande área e chutou fraco, facilitando a defesa do goleiro Douglas. Aos sete, Ortega arriscou de fora da área, mas a bola passou longe.

Aos onze, foi a vez do Bahia. Pela direita, Nino cruzou e Gilberto cabeceou ao lado da meta. Um minuto depois, Rossi tabelou com Rodriguinho e finalizou pra fora.

O Independiente assustou aos 19. De longe, Palacios mandou uma bomba e a bola escorregou nas mãos de Douglas antes de sair para a linha de fundo. Quatro minutos depois, uma grande chance perdida pelo Bahia. Na jogada, Thaciano recebeu de Rossi na grande área e mandou por cima da meta.

Aos 34 minutos, o Independiente pediu pênalti após Palacios cair ao dividir com Rodriguinho, mas a arbitragem mandou seguir.

Segundo tempo

Aos seis minutos do segundo tempo, bola cobrada na área do Independiente, Rossi desviou e Thaciano empurrou para o gol. Quando os tricolores saíram para comemorar, a arbitragem apontou impedimento. Com onze, Rodriguinho pegou a bola na entrada da área, ajeitou e finalizou de esquerda por cima do gol.

O Bahia ficou no quase de novo aos 14. Rodriguinho cobrou tiro de canto e Juninho cabeceou ao lado. Com 21 no relógio, mais uma vez Juninho, cabeceando por cima do gol após cobrança de falta. Um minuto depois, Rossi recebeu na grande área e acabou tendo o seu chute bloqueado.

Pressionado na partida, o Independiente tentou com Velasco. De fora da área, ele mandou forte e rasteiro ao lado da meta defendida por Douglas.

Com falha dupla, Independiente abre o placar

O time da casa saiu na frente do placar. Aos 37 minutos, depois de cobrança de falta, Douglas socou a bola em cima de Thonny Anderson e ela foi parar na rede. Antes do fim do jogo, Galdezani cobrou falta venenosa, mas o goleiro Sosa espalmou.

Blog com Bahia Notícias

Vexame: Corinthians é goleado pelo Peñarol e dá adeus à Copa Sul-Americana
   15 de maio de 2021   │     14:00  │  0

Corinthians é goleado pelo Peñarol e dá adeus à Copa Sul-Americana

Corinthians leva goleada no ‘vexame’ do Uruguai – (Foto: LANCE)

Timão tem mais uma atuação ruim na competição continental e sofre derrota por 4 a 0 no Uruguai. Com o resultado, os corintianos não têm mais chances de classificação no Grupo E.

Com uma goleada por 4 a 0 aplicada pelo Peñarol-URU, o Corinthians deu adeus para a Copa Sul-Americana e teve uma atuação vexatória, em Montevidéu, no Uruguai.

Com três gols de Álvarez Martínez e um de Canobbio, o time uruguaio atropelou os corintianos e encaminhou sua classificação. Agora, o Alvinegro foca no Paulistão, que é o que mostrou querer.

O primeiro tempo começou com o Alvinegro ensaiando uma marcação alta na saída de bola do time da casa, o que parecia ser uma postura vitoriosa, mas ela não demorou muito para ruir. Logo aos quatro minutos, após cobrança de escanteio, Álvarez Martínez subiu no meio de três zagueiros e cabeceou para o gol. Cássio ainda defendeu, mas a bola já tinha ultrapassado a linha. 1 a 0.

A superioridade do Peñarol se provava ali, e um “baile” uruguaio se armava contra os brasileiros, que não reagiam. Enquanto isso, aos novo minutos, mais uma chance de gol, que Bruno Méndez tirou da cabeça de Álvarez Martínez. Trindade, pouco depois, arriscou um chute perigoso, que passou muito perto da trave. Em seguida, um novo castigo para o Timão, de novo pelo lado esquerdo da defesa: González cruzou rasteiro e Martínez completou. 2 a 0.

Os acontecimentos seguintes levavam a crer que o Corinthians tomaria uma goleada em Montevidéu. Aos 17, González ficou cara a cara com Cássio e chutou em cima do goleiro, no rebote Facundo Torres tentou a cobertura, mas sem sucesso. Aos 25, Torres novamente saiu da ponta direita, passou com facilidade pela defesa e chutou no cantinho, mas a bola bateu na trave.

Dali em diante, Mancini conseguiu ajustar a zaga puxando Xavier para uma linha de três, diminuindo o perigo. No ataque veio a primeira finalização corintiana, aos 29 minutos, com Mosquito, após falha de Kagelmacher, que foi neutralizada pelo goleiro Dawson. Aos 41, Roni recebeu bom passe de Mosquito e emendou uma bomba no travessão. Apesar de melhorar, o Peñarol fechou a primeira etapa com total controle do jogo e do resultado.

O pior viria no segundo tempo, com goleada uruguaia

Na volta do intervalo, Mancini tirou Xavier e colocou Otero para deixar o time mais ofensivo. A iniciativa parecia dar certo, até que o Peñarol arrumou um contra-ataque após cobrança de escanteio do Timão. Cepellini tocou para Canobbio que, dentro da área, cortou Roni e colocou no cantinho de Cássio. 2 a 0 para os uruguaios, que ainda não se mostravam satisfeitos com o placar.

Otero, em cobrança de falta, quase faz um golaço, mas a bola bateu no travessão, na sobra Gil chutou por cima. Léo Natel e Lucas Piton foram a campo nos lugares de Jô e Mateus Vital. Mas o pior ainda estava por vir. Após escanteio, a zaga do Corinthians afastou e Cepellini devolveu para área, onde Álvarez Martínez estava sozinho para fazer o terceiro dele na partida e transformar o placar em goleada. 4 a 0 e um resultado vexatório para o Timão.

Roni, que foi um dos menos piores do Corinthians no duelo, tentou arriscar um chute de longe aos 35 minutos, mas a bola saiu sem perigo para o goleiro Dawson, que trabalhou muito menos do que no jogo de São Paulo. Aos 38, Otero fez lindo lançamento para Lucas Piton, que deu no meio das pernas do experiente Maxi Pereira e finalizou, porém sem direção, muito longe do gol.

O Peñarol ainda cehgou com perigo para tentar fazer o quinto gol, quando Schiappacasse achou Olivera, que finalizou e exigiu boa defesa de Cássio. Apesar da boa entrada de Lucas Piton, o Corinthians nada mais pôde fazer e viu os uruguaios controlarem como quiseram o resultado desta quinta.

E agora?

Com a derrota, o Corinthians não tem mais chances de classificação no Grupo E da Copa Sul-Americana. Enquanto Peñarol foi a 12 pontos, o Timão ficou com quatro e não pode alcança os uruguaios na liderança, restando duas rodadas para o término da fase de grupos. Apenas o líder de cada chave tem vaga nas oitavas de final. Alvinegro cumpre tabela contra Huancayo e River Plate-PAR.

Blog com ISTOÉ/LANCE

Dado admite erros cruciais, mas diz que Bahia foi superior e segue na briga por vaga: “Muito vivos”
   7 de maio de 2021   │     4:00  │  0

Dado Cavalcanti analisou desempenho do Bahia contra o Independiente — Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Dado Cavalcanti analisou desempenho do Bahia contra o Independiente — (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Tricolor sai atrás contra o Independiente após pênaltis bobos cometidos por Luiz Otávio e Renan Guedes, mas busca empate e até tem chance de virada; Gilberto, porém, desperdiça pênalti.

O Bahia até reagiu, mas perdeu pênalti no fim e só empatou em 2 a 2 com o Independiente pela Sul-Americana. O Tricolor saiu atrás após pênaltis cometidos por Luiz Otávio e Renan Guedes, mas reagiu com Thaciano e o próprio Luiz Otávio. No fim, Gilberto desperdiçou penalidade sofrida por Maycon Douglas que poderia dar triunfo ao time.

Na avaliação após a partida, o técnico Dado Cavalcanti admitiu os erros individuais, mas acredita que o Bahia foi superior ao Independiente em toda partida. O treinador também destacou a superação da equipe, que buscou o empate após 2 a 0 e poderia até ter vencido.

– Entendo que erramos em erros cruciais. Mas entendo que nossa equipe foi superior em todo momento do jogo. Segundo tempo foi muito mais na base da superação. Primeiro tempo, tecnicamente, foi até melhor. Enalteço nosso espírito de luta, nossos jogadores se entregaram. Poderíamos ter saído com o triunfo, merecíamos. Com muitas disputas, entregas. No segundo tempo, ficou muito mais evidente, mas também valorizo o primeiro tempo – disse Dado.

Com o empate o Bahia segue na segunda posição, a dois pontos do Independiente. O time precisa liderar o grupo para avançar de fase, e faltam três jogos, sendo dois fora de casa.

O time principal do Bahia volta a entrar em campo neste sábado, quando decide o título da Copa do Nordeste contra o Ceará. A partida, marcada para as 16h, será disputada no Casteão, em Fortaleza, e o Tricolor perdeu o jogo de ida por 1 a 0.

Blog com ge.globo/Salvador

Dirigente do Independiente relata ameaça de policiais; médico desconhecia protocolo do Brasil
   6 de maio de 2021   │     20:00  │  0

Jogadores do Independiente dormem no chão do aeroporto de Salvador — Foto: Divulgação / Independiente

Jogadores do Independiente dormem no chão do aeroporto de Salvador — (Foto: Divulgação / Independiente)

O desembarque do Independiente-ARG em Salvador para o jogo contra o Bahia, pela Copa Sul-Americana, foi turbulento. Oito jogadores e dois integrantes da comissão técnica, além de um assessor de imprensa, foram impedidos de deixar o aeroporto após apresentarem testes de PCR positivos para Covid-19.

Na manhã de terça-feira, enquanto o grupo ainda estava retido, Walter Lusnig, dirigente do Rey de Copas, deu uma entrevista para a rádio La Red, da Argentina, e relatou ter sido ameaçado por policiais.

– Eles ligaram o ar condicionado, nos deixaram deitados no chão. Acho que era preferível dormir na rua. Trouxeram-nos cobertores e comida do hotel. A polícia brasileira é bastante complexa. Com a troca da guarda, vieram até nós, houve um pequeno conflito e ameaçaram sacar uma arma. Insaurralde e Arregui foram levados para conversar – contou Lusnig, ao afirmar que o grupo teria sido abordado de forma agressiva para deixar o saguão onde estavam deitados, no aeroporto.

– O que passou foi que dormimos no piso do aeroporto, uma loucura. (…) Os policiais nos ameaçaram, metendo a mão na cintura como se fossem sacar uma arma – completou.

A reportagem entrou em contato com a Polícia Federal, através do delegado responsável pela área, que informou que “não foi registrada nenhuma ocorrência a respeito”.

Os jogadores e integrantes da comissão técnica do Independiente que tinham PCR positivo embarcaram de volta para a Argentina no início da tarde.

O que diz a Anvisa

Responsável por barrar parte da delegação do Independiente, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emitiu nota onde aborda o ocorrido. No texto, a Anvisa afirma que determinou o isolamento dos demais membros da delegação da equipe argentina.

“A Anvisa determinou nesta terça-feira, 04/05, que onze membros da delegação do clube de futebol Independiente, da Argentina, ficassem retidos em área restrita do aeroporto de Salvador (BA). Estes viajantes apresentaram teste positivo para Covid-19 em coleta realizada no dia 01/05.

A proibição de entrada no Brasil atende ao disposto na Portaria nº 652/2021. A norma condiciona a entrada de estrangeiros no país por via aérea à apresentação para a companhia responsável pelo voo de documento comprovando resultado negativo ou não reagente em teste laboratorial de Covid-19 realizado dentro de 72 horas antes do embarque.

A Anvisa determinou ainda o isolamento para os demais membros da delegação e tripulantes da aeronave, tendo em vista que tiveram contato próximo com casos positivos. Eles estão hospedados na rede hoteleira de Salvador.

As equipes da Vigilância Sanitária do Estado da Bahia e da Vigilância Epidemiológica de Salvador foram acionadas para acompanhar o caso”.

A partida entre Bahia e Independiente chegou a ser adiada pela Conmebol para quarta-feira. A entidade, contudo, voltou atrás e confirmou o jogo para terça-feira, às 19h15 (de Brasília), no estádio de Pituaçu, em Salvador.

 

Após adiamento, Conmebol volta atrás e confirma partida entre Bahia e Independiente para hoje
   4 de maio de 2021   │     14:30  │  0

Poucas horas após anunciar o adiamento da partida entre Bahia e Independiente, a Conmebol voltou atrás e confirmou a partida para a noite desta terça-feira. O jogo, válido pela 3ª rodada da fase de grupos da Sul-Americana, voltou para a programação inicial, às 19h15 (de Brasília), no estádio de Pituaçu, em Salvador. O Bahia já foi notificado da mudança.

Durante a madrugada, a Conmebol divulgou que a partida entre Bahia e Independiente seria adiada para quarta-feira. A mudança ocorreu após o problema com o desembarque da delegação do Independiente em Salvador. Jogadores e integrantes da comissão técnica testaram positivo para a Covid-19 na capital baiana, o que levou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a impedir a entrada da delegação no país.

Por volta das 3h, parte dos jogadores deixaram o aeroporto e foram para o hotel. Porém, o grupo que testou positivo para a doença permaneceu retido no aeroporto e voltará para a Argentina.

De acordo com o regulamento da Conmebol, as autoridades de saúde competentes de cada país são órgãos máximos responsáveis por liberar a entrada dos clubes. É responsabilidade de cada clube gerir os documentos para a entrada no país.

O Bahia, por exemplo, precisou se adequar às regras específicas do Uruguai, na semana retrasada, quando enfrentou o Montevideo City Torque. Todos os membros da delegação precisaram fazer novo exame de Covid-19 ainda no aeroporto, ficaram proibidos de sair do hotel e não tiveram vestiário no jogo contra o Montevideo City Torque.

A partida entre Bahia e Independiente vale a liderança do Grupo B da Copa Sul-Americana. A equipe argentina ocupa a primeira colocação da chave, com seis pontos, seguida de perto pelo Tricolor baiano, com quatro pontos.

Blog com ge.globo