Category Archives: Copa do Mundo

Tite confirma retorno de Neymar para o jogo contra a Coreia do Sul
   5 de dezembro de 2022   │     7:00  │  0

Neymar participou normalmente do treino da seleção brasileira no sábado — Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Neymar participou normalmente do treino da seleção brasileira no sábado — (Foto: Lucas Figueiredo / CBF)

Técnico da Seleção participa de coletiva na véspera das oitavas de final da Copa do Mundo.

Neymar está de volta. O técnico Tite não confirmou se o atacante será titular da seleção brasileira nesta segunda-feira contra a Coreia do Sul, mas disse que o craque está pronto para disputar o jogo válido pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2022, no estádio 974, logo mais às 16h (Brasília).

Ontem, o treinador concedeu coletiva ao lado de Thiago Silva. A primeira pergunta foi voltada para o zagueiro, que foi questionado se Neymar jogaria. Thiago riu e olhou para Tite, que disse:

– Sim!

Na sequência, o treinador explicou que Neymar treinará normalmente com os companheiros nesta tarde. Indo tudo bem, a tendência é que não só seja relacionado, como seja titular.

– Em relação ao Neymar, ele vai treinar hoje à tarde e, em treinando, vai estar no jogo. Vou esperar o treino. Não gosto de antecipar para não passar uma informação que não seja verdadeira. Quero credibilidade. Ele vai treinar, estando bem, vai para o jogo. Os outros dez eu não escalo – prosseguiu Tite.

– Ratificando, a gente paga o preço de ser melhor, o mais competente, mas não o da saúde. A escalação do Neymar tem o pressuposto da saúde e departamento médico. Deixar bem claro. O segundo, eu prefiro a utilização do meu melhor desde o início. Eu, e o técnico precisar assumir suas responsabilidades.

Na sequência, Thiago Silva falou sobre o retorno dos lesionados. Além de Neymar, existe a expectativa para a volta ao time dos laterais Danilo e Alex Sandro. O zagueiro também lamentou os cortes de Alex Telles e Gabriel Jesus, ambos com lesões no joelho.

Thiago Silva em entrevista coletiva na Seleção — Foto: Bruno Cassucci

Thiago Silva lamentou a saída de dois companheiros por contusão — (Foto: Bruno Cassucci)

– Nós somos muitos claros. Ontem, antes do treinamento, confesso que foi um momento bastante doloroso ver os meninos naquela situação de não poder estar novamente em campo conosco. A tristeza é grande. Mas ao mesmo tempo nossa estrada continua, também por eles. É a forma que podemos confortar o coração deles, desempenhando nosso papel. Espero que eles se recuperem o mais rápido possível. Os que estão voltando, esperamos contar. É bom ver o Danilo bem, o Ney em campo, o Alex evoluindo, vão agregar muito.

Neymar voltou a treinar ontem no campo, na véspera da partida. Internamente ele já havia manifestado desejo de voltar ao time, mesmo ainda longe das melhores condições. O camisa 10 teve gripe e febre durante a semana, o que atrasou a recuperação da lesão no tornozelo.

A lesão no tornozelo direito aconteceu na estreia na Copa, contra a Sérvia. Por causa desse problema, ele ficou fora da vitória sobre a Suíça e da derrota para Camarões, também pela fase de grupos.

Ontem, a seleção brasileira fez o último treino preparativo para a partida contra a Coreia, nesta segunda. A outra dúvida é em relação às condições do lateral-esquerdo Alex Sandro, que só treinou em campo ma tarde passada, em Doha.

 

Tite sorri em coletiva da Seleção no Catar — Foto: ge

Tite sorri em coletiva da Seleção no Catar — (Foto: ge)

Arivaldo Maia, Bruno Cassucci, Cahê Mota e Raphael Zarko — Doha, Catar

 

Climão: jogadores da Bélgica bancam próprias passagens de volta do Catar para não viajar com delegação, diz jornal
     │     3:00  │  0

Elenco da Bélgica, eliminado na última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo, viveu dias de vestiário em crise e atletas viajaram separados da delegaçãoElenco da Bélgica, eliminado na última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo, viveu dias de vestiário em crise e atletas viajaram separados da delegação – (Foto: JACK GUEZ / AFP)

A promissora geração belga se despediu da Copa do Mundo do Catar na quinta-feira, depois de empatar com a Croácia e ser eliminada. E a viagem à Bélgica, que contou com voo para a delegação, voltou “desfalcado”: contava-se com 12 atletas e o técnico demitido Roberto Martínez, mas cinco jogadores chegaram antes ao país, porque pagaram por passagens em voo separado; Coutois e De Bruyne, protagonistas da crise no vestiário, também não estiveram no voo oficial.

As informações são do jornal belga Het Laatste Nieuws, que informou que Witsel, Meunier, Doku, Theate e Openda desembarcaram em Bruxelas ainda na noite de sexta-feira, enquanto a delegação — que voltou “desfalcada” após a eliminação — chegou na madrugada de sábado ao Aeroporto de Zaventem (também conhecido como Aeroporto de Zaventem-Bruxelas), cidade vizinha da capital belga.

No voo oficial, viajaram Mertens, Onana, Debast, Faes, Alderweireld, Castells, Carrasco e o agora ex-técnico Roberto Martínez. As estrelas da seleção, ainda de acordo com o periódico belga, também bancaram os próprios voos: nomes como o goleiro Courtois e do meia Kevin De Bruyne.

Estes dois são personagens de crises internas recentes. De Bruyne, por exemplo, teria se desentendido com o zagueiro Jan Vertonghen nos vestiários, sendo os dois contidos pelo atacante Romelu Lukaku.

Esse seria apenas um dos problemas de relacionamento do time comandado por Roberto Martínez. De acordo com o L’Équipe, parte do clima pesado em campo é reflexo de desentendimentos pessoais entre os atletas, como de Kevin De Bruyne também com o goleiro Thibaut Courtois, que “não se falam há anos por motivos particulares”.

Segundo a imprensa britânica, De Bruyne seria um dos jogadores responsáveis pelo “racha” na delegação, uma vez que não teria boas relações com os demais jogadores. Um dos episódios citados mostra uma imagem do time reunido do meio de campo antes da partida contra os marroquinos, em que De Bruyne, diferentemente dos demais, não abraça os jogadores ao lado.

De acordo com o periódico, há outros problemas de relacionamento entre jogadores. O atacante Michy Batshuayi não teria bom relacionamento com seu concorrente de posição Romelu Lukaku. Capitão dos belgas, o meia Eden Hazard não falaria com o atacante Leandro Trossard.

Na terça-feira, Hazard e Courtois vieram a público negar os rumores de problemas de relacionamento entre os atletas. Mas o goleiro e De Bruyne já viveram um episódio traumático em 2014, que envolveu duas traições.

Na época, o meia atuava no Wolfsburg (Alemanha) e namorava Caroline Lijnen. Mas o relacionamento dos dois entrou em crise após De Bruyne traí-la com sua melhor amiga. O que acabou levando ao envolvimento com Courtois, colega de seleção (e por um breve momento, de Chelsea). O relato foi da própria Lijnen, em 2014, em entrevista à revista belga “Story”, que cobre o mundo dos famosos.

— No verão de 2012, Kevin me disse que ficou com minha melhor amiga. Eu dei a ele uma escolha: ou ela ou eu. Estava pronta pra dar outra chance, mas nosso relacionamento nunca mais foi o mesmo — disse ela, na época com 21 anos.

Arivaldo Maia com Redação do EXTRA

Seleção brasileira poderá substituir Gabriel Jesus e Alex Telles por outros jogadores? Entenda
   4 de dezembro de 2022   │     23:00  │  0

Gabriel Jesus e Alex Telles têm lesões nos joelhos constatadas e estão fora da Copa do MundoGabriel Jesus e Alex Telles têm lesões nos joelhos constatadas e estão fora da Copa do Mundo (Foto: AFP)

Com os cortes do atacante Gabriel Jesus e do lateral-esquerdo Alex Telles por lesão, a seleção brasileira só poderá contar com os outros 24 jogadores convocados nas próximas fases da Copa do Mundo.

Isso porque o regulamento da Fifa apenas permite a convocação de um novo jogador em caso de corte por lesão às vésperas da estreia do Mundial.

Com os cortes do atacante Gabriel Jesus e do lateral-esquerdo Alex Telles por lesão, a seleção brasileira só poderá contar com os outros 24 jogadores convocados nas próximas fases da Copa do Mundo.

Isso porque o regulamento da Fifa apenas permite a convocação de um novo jogador em caso de corte por lesão às vésperas da estreia do Mundial.

No caso do Brasil, o prazo se encerrou no dia 23 de novembro, um dia antes do jogo contra a Sérvia.

Além dos dois jogadores, o Brasil teve outros três atletas no departamento médico: Alex Sandro, Danilo e Neymar. No último sábado, a comissão técnica avaliou a situação deles, sem maiores informações, pazra definir quem terá condição de jogo contra a Coreia do Sul, nas oitavas de final, nesta segunda-feira.

Arivaldo Maia com Redação do EXTRA

Uruguai pode sofrer punições da Fifa por reclamações após jogo contra Gana na Copa do Mundo
     │     17:00  │  0

Jogadores uruguaios insultaram e até agrediram a arbitragem por conta de possíveis pênaltis não marcados para a Celeste.

Mesmo após vencer Gana por 2 a 0, o Uruguai acabou sendo eliminado da Copa do Mundo por conta da derrota de Portugal para a Coreia do Sul, na última rodada do Grupo H.

Entendendo que o árbitro não marcou dois pênaltis a favor da Celeste, diversos jogadores, principalmente Diego Godín e José Giménez, fizeram reclamações mais incisivas após o apito final. Isso pode gerar punições da Fifa à Associação Uruguaia de Futebol.

José Giménez reclamou para as câmeras de transmissão enquanto caminhava até o vestiário, insultando a arbitragem da partida. Muslera, por sua vez, empurrou um dos árbitros assistentes. Já Edinson Cavani derrubou o monitor do VAR enquanto saía de campo.

O vice-presidente da AUF, Gastón Tealdi, disse ao jornal El Observador, do Uruguai, que a entidade ainda não recebeu nada formal da Fifa, mas que isso pode vir a acontecer.

– Até agora não recebemos nada da Fifa. Estamos esperando que aconteça ainda hoje. Já temos uma equipe jurídica para trabalhar nisso em caso de alguma punição – disse Gastón Tealdi.

As punições que a AUF e os jogadores do Uruguai podem receber variam de uma multa pesada até suspensões em futuras partidas.

Arivaldo Maia com PARCERIA LANCE & ISTOÉ

Contestado, Daniel Alves se torna único lateral disponível na Seleção Brasileira
     │     15:00  │  0

Daniel Alves foi titular diante de Camarões (Foto: EFE/José Méndez)

Daniel Alves foi titular diante de Camarões – (Foto: EFE/José Méndez)

Foto: Lance!

Jogador mais velho a defender o Brasil em Copas do Mundo, ele não teve boa aceitação na convocação de Tite, mas neste momento passou a ser imprescindível.

O dia 7 de novembro causou uma comoção nacional por conta da convocação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo do Qatar. Apesar de ser uma das listas mais aceitas da história, um ponto causou discórdia em boa parte da torcida: Daniel Alves. E parece que esse jogo virou. Após uma boa partida contra Camarões e uma sequência de lesões no grupo, ele passou a ser o único lateral disponível para a comissão técnica de Tite.

Diante da Suíça, depois de Danilo ter lesão no tornozelo confirmada, Daniel foi preterido por Tite, que preferiu escalar Militão, um zagueiro improvisado na lateral direita. Estava ali decretada a discussão “para que levar um jogador que nem em sua posição é utilizado?”.

Naquela mesma rodada, Alex Sandro, lateral-esquerdo titular, sofreu uma lesão muscular no quadril e acabou ficando fora por tempo indeterminado. Assim, eram dois laterais a menos no elenco de Tite. Restaram o próprio Daniel Alves e Alex Telles para integrarem o time reserva contra Camarões, um em cada lateral, suas posições de origem.

Quis o destino que Telles se lesionasse de forma mais grave no joelho e fosse cortado da Copa do Mundo neste sábado. Sendo assim, Daniel Alves passou a ser o único lateral à disposição da comissão técnica. Já que Danilo, apesar de estar em recuperação avançada, ainda não tem retorno confirmado, e Alex Sandro está em transição.

Com isso, é possível que Dani ganhe uma chance diante da Coreia do Sul, na próxima segunda-feira, pelas oitavas de final da Copa do Mundo. Se Danilo retornar e jogar pela lateral esquerda, o camisa 13 poderia assumir a lateral direita. Ou se Tite optar por Militão (ou Bremer) na esquerda, ele também poderia ficar no lado direito da defesa.

Dessa forma, quem antes parecia uma carta fora do baralho e bastante criticado pela torcida, agora assume uma posição imprescindível para o elenco, pois pode ser o único lateral de ofício pronto para jogar no início do mata-mata do Mundial.

Tudo isso ainda vai depender das duas próximas sessões de treinamento da Seleção, já que Danilo e Alex Sandro serão observados para saber se terão condições de jogo. O Brasil enfrenta a Coreia do Sul na próxima segunda-feira, às 16h (de Brasília).

Arivaldo Maia com Redação do Lance!