Category Archives: Copa América

Alagoas é destaque no Brasil com CSA e CRB
   25 de novembro de 2018   │     0:05  │  5

Neste domingo, dia 25 de novembro de 2018, o seu blog preferido, campeão de acessos na Gazetaweb, quer agradecer aos dois maiores clubes de Alagoas pelo presente oferecido aos seus torcedores na tarde passada. O CSA subiu para o Brasileiro da Série A, agora faz parte da elite do nosso futebol, enquanto o CRB, com uma jornada final de recuperação espetacular, manteve sua valiosa vaga na Série B.

Para os alagoanos o momento além de histórico é revelador da nossa capacidade. Superamos muitos estados, estamos na frente de algumas regiões até mais ricas, ou com maior extensão territorial. O futebol da nossa terra provou que é bom, é forte e chegará em 2019 com maior respeito e capacidade nas diversas competições. O olhar brasileiro para o futebol de Alagoas mudou da água para o vinho.

CRB

Cabe neste momento um agradecimento especial ao presidente Marcos Barbosa, o maior da história recente do Regatas. Comeu o ‘pão que o diabo amassou’ nesta Série B de 2018, mesmo tendo feito um investimento pesado em jogadores de reconhecida qualidade técnica.

Dentro de campo a resposta não foi a esperada e o Galo andou tropeçando em alguns jogos, tomando gols nas últimas bolas, principalmente. Somente nos últimos jogos respondeu positivamente, vencendo merecidamente.

Antes, foi um sufoco. Ao contratar Roberto Fernandes acertou em cheio. O CRB manteve sua vaga com a grandeza de sempre e vai continuar brilhando no futebol brasileiro.

Nos últimos momentos da sua administração, Marcos Barbosa deixa o clube do seu coração qualificado, dono de uma das melhores estruturas do país e com várias conquistas sob seu comando.

O Blog do Arivaldo Maia, em nome na ‘Nação Fascinante do Galo’, abraça o presidente e sua diretoria. Obrigado em nome de Alagoas.

CSA

O CSA escreveu sua melhor história nesta temporada, saltando de séries com vitórias brilhantes. É parte integrante da Série A, elite do futebol do Brasil. Da Série C para Série A promoveu uma chegada de time realmente grande.

Vale destacar Rafael Tenório, um presidente que chegou para transformar o clube. É um vencedor conhecido como empresário de grande sucesso, e agora também como dirigente que soube conduzir os destinos azulinos como poucos.

Teve Raimundo Tavares ao seu lado, além de outros companheiros, procurando nunca aparecer como único mandatário no clube.

Marcelo Cabo também merece destaque nesta conquista que não é a 1ª da sua carreira. Estou feliz com o sucesso do CSA.

Com relação ao jogo de Caxias, fiquei ainda mais feliz com o desempenho de Neto Berola. Desde que foi contratado que é exaltado pelo meu blog. Bom em todo time que defendeu. Aqui não seria diferente.

Em nome de Alagoas e da ‘Nação Fantástica’, o blog do Arivaldo Maia abraça o presidente e sua diretoria.

Ah, eu sou alagoano.

Arivaldo Maia

 

 

Fifa anuncia que Copa América será disputada paralelamente à Euro
   28 de outubro de 2018   │     0:04  │  0

Resultado de imagem para Copa América

Competição terá duas edições seguidas em 2019 e 2020 e depois será a cada quatro anos.

O Conselho da Fifa anunciou uma série de mudanças para o futebol, sendo uma delas a alteração no formato atual da Copa América. A pedido da Conmebol, a entidade definiu que o torneio continental passará a ser disputado paralelamente à Eurocopa, a cada quatro anos.

Para iniciar esta equiparação ao torneio europeu, uma nova edição da Copa América foi marcada para 2020, entre os dias 12 de junho e 12 de julho, ainda sem sede definida. Daí em diante, a competição sul-americana terá uma nova edição a cada quatro anos, como acontece com a Eurocopa.

Com isso, pela segunda vez nesta década serão disputadas duas edições da Copa América em anos seguidos. Em 2015, a competição teve sua edição no Chile, mas, para comemorar seu centenário, a Conmebol marcou um novo torneio para o ano seguinte, nos Estados Unidos.

Durante a maior parte de sua existência, a Copa América foi disputada a cada dois anos. Isso mudou a partir de 2001, quando, até 2007, o torneio passou a ser trienal. Daí em diante, o formato de quatro anos foi adotado, mas, até esta sexta, a disputa estava marcada para anos ímpares.

A equiparação com o torneio europeu deve auxiliar na elaboração dos calendários do futebol sul-americano. Vale lembrar que está mantida a edição de 2019 da Copa América, que será disputada no Brasil entre os dias 14 de junho e 7 de julho.

Outra mudança de calendário aconteceu na África. Também a pedido da confederação de futebol deste continente, a Fifa aceitou a mudança da Copa Africana de Nações de 2023 do início do ano para o meio. Com o torneio sendo realizado entre junho e julho, as seleções nacionais devem ter mais facilidade para conseguir a liberação dos seus jogadores que atuam no futebol europeu.

Blog com Terra Esportes

Copa América de 2019 usará arenas do Mundial e será concentrada no Sudeste
   11 de abril de 2017   │     0:02  │  0

A Copa América de 2019, a ser organizada pelo Brasil, começa a tomar forma. A organização do torneio já decidiu que as partidas serão realizadas nos estádios que abrigaram a Copa do Mundo de 2014. E que as sedes serão concentradas na região Sudeste, para limitar o tempo de deslocamento entre as cidades. O plano da CBF é que nenhuma viagem dure mais de uma hora e meia de voo.

O número de cidades-sede vai depender da quantidade de participantes. Essa decisão será tomada no fim de abril, em reunião do Conselho Conmebol em Santiago, no Chile. Existem três propostas sobre a mesa:

  • 10 participantes, os dez países que formam a Conmebol;
  • 12 participantes, com dois convidados da Concacaf (provavelmente México e EUA);
  • 16 participantes, com seis convidados de outras confederações.

O mais provável é que a segunda opção prevaleça. Caso seja aprovado o formato com 16 participantes, a Conmebol planeja convidar seleções europeias e asiáticas. Será a última edição da Copa América disputada em anos ímpares. A partir de 2020, o torneio será organizado sempre paralelamente à Eurocopa.

Ao escolher os estádios usados no Mundial de 2014, a organização da Copa América de 2019 rasga promessas feitas pelo ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira (1989-2012), de levar a competição para cidades que ficaram sem Copa do Mundo.

Blog com GloboEsporte

Sai, zica! Di María sofre lesão muscular pela terceira vez seguida na Argentina
   14 de junho de 2016   │     0:01  │  0

Di María sofre lesão Argentina x Panamá (Foto: EFE)

Di María deixa o gramado do Soldier Field, em Chicago: mais uma lesão na Argentina (Foto: EFE)

Uma coincidência desagradável ou a falta de um preparo mais adequado desfalcará a Argentina pela terceira vez consecutiva em competições oficiais. O meia Ángel di María deixou o jogo contra o Panamá, na última sexta-feira, com dores na coxa direita – e foi constatado, através de um exame a presença de um edema. Com a Copa América Centenário caminhando para a sua fase mata-mata, o camisa 7 poderia estar de volta apenas numa hipotética final, em duas semanas.

O mesmo aconteceu em 2014, na Copa do Mundo, e em 2015, na Copa América. No Brasil, Di María sofreu um problema muscular na perna direita nas quartas de final, diante da Bélgica. Não jogaria mais. No Chile, nova lesão nos isquiotibiais. Pesa o fato de a Argentina ter ficado com o vice-campeonato nas duas oportunidades, quando muitos acreditam que a presença do jogador do Paris Saint-Germain fosse o suficiente para mudar o destino das finais – a seleção não conquista um título oficial desde 1993.

Agora, vinha de uma noite de gol e assistência na abertura contra o Chile. Em Chicago, sexta passada, foi dele também o passe para o gol de Otamendi, o primeiro da goleada por 5 a 0. Vivia grande fase depois de uma temporada com 18 assistências no PSG, adaptado aos dois lados do campo como ponta e de grande contribuição na fase defensiva – sem perder o poder decisivo na frente.

– A verdade é que é uma lástima pelo que o Ángel significa para nós. Ele é fundamental e lamentamos muito o fato de que ele não possa continuar jogando – disse Messi, que voltou de lesão na mesma partida.

Para estar em campo na decisão – caso a Argentina esteja lá, evidente –, Di María pode enfrentar um problema semelhante ao de 2014. Em setembro daquele ano, quando já não era mais jogador do Real Madrid, concedeu entrevista ao programa “American Closs”, da Rádio América. Nela, afirmou que o clube merengue chegou a enviar uma carta formal à AFA pedindo para que ele não jogasse.

Blog com GloboEsporte

Dunga não dá pistas do substituto de Casemiro em treinamento do Brasil
   12 de junho de 2016   │     0:04  │  0

Técnico comandou um treinamento leve nesta sexta-feira (foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)Técnico comandou um treinamento leve e ainda não definiu o time do Brasil que hoje enfrenta o Peru (Foto: Lucas Figueiredo/Mowa Press)

A escalação da Seleção Brasileira para a última rodada do grupo B da Copa América continua indefinida. Sem poder contar com o suspenso Casemiro, o técnico Dunga não deus pistas do que pretende fazer diante do Peru, no dia de hoje, logo mais às 21h30n, no último treinamento que comandou na Universidade de Harvard.

A movimentação foi leve e realizada em campo reduzido, com jogadores como o lateral direito Daniel Alves e os meio-campistas Elias e Renato Augusto preservados (o trio realizou apenas trabalho físico). Também houve atividade de finalizações.

A tendência, contudo, é que o volante Walace seja o substituto de Casemiro. O jogador do Grêmio foi chamado às pressas para o torneio, já que Luiz Gustavo pediu dispensa. Uma opção mais ofensiva para a vaga seria deixar Elias e Renato Augusto na contenção do meio-campo e utilizar Lucas Lima como armador central.

É possível que a Seleção tenha outras novidades diante dos peruanos. Uma delas parece quase certa – o retorno do zagueiro Miranda, livre de dores musculares, no lugar de Marquinhos. No ataque, Gabriel agradou na goleada por 7 a 1 sobre o Haiti e briga por um espaço.

O time de Dunga não teve vestiários à disposição na Universidade de Harvard. Os jogadores precisaram deixar o hotel onde estão concentrados em Boston já uniformizados para o treinamento e encerrar os preparativos dentro de um caminhão. Depois, só puderam tomar banho quando retornaram aos seus quartos.

Apesar de mais uma falha da organização da Copa América, o coordenador Gilmar Rinaldi minimizou o contratempo e argumentou que a Seleção Brasileira está focada em um objetivo maior, a conquista do título continental.

Com os resultados da rodada de ontem, quem pega o Brasil?

A vitória dos Estados Unidos contra o Paraguai e a derrota da Colômbia deixaram o time de James Rodríguez na segunda colocação do Grupo A, assim, muito próximo de encarar a seleção brasileira nas quartas de final. Hoje, às 21h30 (de Brasília), em Foxborough, o time de Dunga pega o Peru, precisando apenas de um empate para garantir a ponta do Grupo B, confirmando o cruzamento com os colombianos.

Blog com Gazeta Esportiva