Category Archives: Conmebol

Brasil tem 5 jogadores na seleção da Copa América
   10 de julho de 2019   │     11:00  │  1

View image on Twitter

 

A Conmebol divulgou, na noite de ontem, a seleção da Copa América. Numa formação 4-3-3, o time ideal da competição tem cinco brasileiros: o goleiro Alisson, o zagueiro Thiago Silva, o lateral-direito Daniel Alves e o volante Arthur.

Do finalista Peru, que perdeu a final por 3 a 1 para a seleção brasileira, entraram Trauco, lateral-esquerdo do Flamengo, e Guerrero, centroavante do Internacional. Uruguai, Argentina, Chile e Colômbia também estão representadas respectivamente por Giménez, Paredes, Vidal e James Rodríguez.

A seleção da Copa América ficou assim, portanto: Alisson, Trauco, Thiago Silva, Giménez, Daniel Alves, Vidal, Paredes, Arthur, James Rodriguez, Everton Cebolinha e Guerrero.

Blog com Globo Esporte

Conmebol diz que só clubes da Série A podem jogar Libertadores e Sul-Americana; CBF contesta
   23 de maio de 2019   │     0:01  │  0

A Conmebol publicou nesta terça-feira as exigências para os clubes disputarem a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana em 2020. E uma delas causou forte reação no Brasil.
“[o clube] deve estar disputando o torneio nacional de sua Associação Membro na divisão principal da competição em 2020 (ou seja, não haver descendido de divisão no torneio nacional.”

Consultada pelo GloboEsporte.com, a diretoria de competições de clubes da Conmebol confirmou que só poderá jogar a Libertadores e a Sul-Americana “quem estiver na Série A em 2020”.

A Conmebol informou também que vai incluir a exigência nos regulamentos da Libertadores e da Copa Sul-Americana. Especialistas em direito desportivo afirmam que a mudança pode ser contestada, já que altera o regulamento de competições em andamento – notoriamente a Copa do Brasil.

Essa decisão tem consequências práticas na Copa do Brasil de 2019, um torneio já em curso, cujo regulamento prevê ao seu campeão uma vaga direto na fase de grupos da Copa Libertadores de 2020.

A CBF diverge da Conmebol e entende que a Copa do Brasil é, sim, um “torneio nacional” e de “divisão principal” (já que não tem rebaixamento) e que, portanto, seu campeão terá vaga na Libertadores do ano que vem.

 

Blog com GloboEsporte

Athletico/PR é notificado pela Conmebol por doping de Thiago Heleno e Camacho
   15 de maio de 2019   │     0:01  │  0

Thiago Heleno foi flagrado no antidoping

Thiago Heleno foi flagrado no antidoping (Foto: Divulgação)

 

A Conmebol notificou o Athletico Paranaense após Thiago Heleno e Camacho serem pegos no antidoping no jogo contra o Tolima, em 9 de abril, pela fase de grupos da Libertadores. A Comissão Antidopagem da entidade flagrou a dupla por uso de um complemento nutricional.

O zagueiro foi suspenso preventivamente pela entidade. Já o volante aguarda a contraprova. O prazo máximo desta suspensão é de 60 dias a contar da notificação. Heleno já desfalcou o Athletico contra o Jorge Wilistermann, na Bolívia, e Boca Juniors, na Bombonera, após a notificação. Os jogadores e o clube podem recorrer e explicar a situação.

Destaque da equipe, o volante Bruno Guimarães tomou a suplementação indicada pelo departamento de nutrição do clube e foi preventivamente afastado. Ele foi retirado do jogo de última hora, por precaução. O clube, entretanto, havia divulgado à imprensa que o jogador tinha gripe e febre.

Já o meia João Pedro, agora emprestado ao Paraná, fez exames complementares e foi liberado para jogar.

De acordo com o UOL, a substância não identificada leva entre 5 a 7 dias para ser eliminada pelo corpo. João Pedro chegou a desfalcar o Paraná contra O CRB.

Para este caso, o clube não corre nenhum risco de punição. As penas são individuais. O Athletico e o Paraná preferiram não se manifestar até o momento.

Blog com EXTRA

Sem Abel, Felipão, Levir e Renato, Conmebol faz reunião com treinadores da Liberta
   21 de março de 2019   │     0:02  │  0

Apenas dois brasileiros compareceram ao evento na Conmebol (Foto: Reprodução)

 

Na última terça-feira a Conmebol promoveu uma reunião, em sua sede no Paraguai, com os treinadores das equipes que disputam a fase de grupos da Copa Libertadores. O evento contou com baixa adesão dos clubes brasileiros. Apenas os técnicos Mano Menezes, do Cruzeiro e Tiago Nunes, do Athletico-PR compareceram. Odair Hellmann e Renato Gaúcho enviaram auxiliares, enquanto Levir, Felipão e Abel estiveram ausentes e sem representantes.

No evento, os técnicos das equipes sul-americanas tiveram a oportunidade de debater sobre a Libertadores deste ano, o regulamento, além de outros detalhes como o VAR, controle antidoping e assuntos comerciais. O primeiro brasileiro a falar foi Mano Menezes, que analisou a formação dos treinadores e jogadores na América do Sul.

“Buscamos uma formação quase que de maneira individual, baseada nas nossas convicções e ideias. Penso que devemos caminhar para dar uma direção nesta formação. Hoje buscamos formar jogadores que saibam interpretar o jogo, com menor interferência do treinador, pois não há como interferir muito durante os 90 minutos. Não podemos tirar a liberdade, capacidade e naturalidade que o jogador precisa ter dentro de campo”, ressaltou.

Os treinadores também puderam fazer apontamentos e sugestões sobre a atual situação do futebol sul-americano. Jorge Almirón, do San Lorenzo, criticou a situação de alguns gramados e pediu melhorias. Já as críticas de Miguel Russo, do Alianza Lima, do Peru, foram sobre a logística das equipes como visitantes.

Atual treinador do Jorge Wilstermann, da Bolívia, Miguel Ángel Portugal pediu punições mais severas em casos de discriminação por parte dos torcedores. Na última rodada do Campeonato Boliviano, o brasileiro Serginho sofreu insultos racistas e abandonou a partida.

Ainda no evento, Marcelo Gallardo, treinador do River Plate, foi premiado pela Conmebol como o treinador campeão de 2018, já que conquistou o título da Libertadores com a equipe argentina.

Blog com Gazeta Press

Tribunal da Conmebol multa clubes chilenos em US$ 15 mil
   28 de fevereiro de 2019   │     0:01  │  0

Conmebol divulgou lista com falhas de clubes nas inscriçõesConmebol divulgou lista com falhas de clubes nas inscrições para a Libertadores da América (Foto: Reprodução)

O Tribunal Disciplinar da Conmebol anunciou multa de US$ 15 mil (R$ 57 milhões na cotação da última quinta-feira) aos clubes chilenos por erros nas inscrições para a Libertadores e Copa Sul-Americana. Colo Colo, Unión La Calera, Universidad de Chile, Palestino, Unión Española e Deportes Antofagasta foram os multados.

Ontem, a entidade maior do futebol sul-americano também divulgou lista de falhas nas inscrições em que oito clubes brasileiros aparecem: Atlético-MG, Bahia, Botafogo, Chapecoense, Corinthians, Fluminense, Santos e São Paulo. Ainda não há punição oficial para estes.

A Federação Chilena assumiu para si a culpa pela perda de prazo de seus clubes. Dentre os chilenos, o La Calera eliminou a Chapecoense e o Deportes Antofagasta será o adversário do Fluminense na primeira fase.

A CBF se pronunciou por meio de nota oficial, informando “que as listas de inscrição das equipes brasileiras na Copa Libertadores e Copa Sul-Americana foram recebidas dos clubes, assinadas e encaminhadas à Conmebol dentro dos prazos estabelecidos em regulamento”.

Blog com EXTRA