Category Archives: Conmebol

Ainda sem divulgar ranking e critérios, Conmebol faz sorteio da Libertadores
   21 de dezembro de 2016   │     10:36  │  0

 Resultado de imagem para Sede da conmebol

Sede da Conmebol, em Assunção, no Paraguai (Foto: Divulgação)

Os oito representantes brasileiros na Taça Libertadores de 2017 conhecerão na noite desta quarta-feira seus primeiros adversários na competição. Entretanto, ainda não é possível prever os possíveis rivais. Ao menos oficialmente. A horas do sorteio dos confrontos das fases prévias e da divisão dos grupos do torneio, a Conmebol ainda não divulgou o ranking que serve de referência para a elaboração dos potes, nem comunicou o protocolo da cerimônia. A entidade, no entanto, anunciou que o evento terá a entrega da Taça de Campeão da Copa Sul-Americana para a Chapecoense, além de homenagens à seleção argentina de 1986 e ao presidente paraguaio e ex-dirigente esportivo, Horacio Cartes. O sorteio ocorrerá na sede da Conmebol, em Assunção, às 21h (de Brasília).

A 58ª edição da Libertadores terá o maior número de participantes da história. Serão 47 clubes, e pela primeira vez a competição terá duas fases prévias. A Conmebol havia prometido divulgar seu ranking atualizado na última terça-feira, mas o Comitê Executivo da entidade ainda se reunirão na tarde desta quarta para as últimas definições. Na pauta do encontro estão também possíveis alterações no regulamento da Libertadores. Os clubes brasileiros, por exemplo, reivindicam melhores condições nos estádios da América do Sul e querem que novas regras sejam previstas. A premiação aos participantes também ainda não foi definida.

Embora o ranking ainda não tenha sido divulgado, é possível ter uma noção de como será a divisão dos potes no sorteio. Dentre os oito brasileiros, três devem ser cabeças de chave: Atlético-MG, Grêmio e Santos. O Palmeiras deve aparecer no pote 2, o Flamengo entraria no pote 3, e a Chapecoense deve estar no pote 4. Na fase prévia, Botafogo e Atlético-PR podem ter os campeões Colo-Colo e Olimpia pela frente. Equipes do mesmo país só ficarão na mesma chave caso uma delas tenha se classificado da fase prévia. Ou seja, Botafogo e Atlético-PR podem cair em grupos onde estejam um dos demais brasileiros.

Blog com GloboEspporte

Brasil é multado pela Fifa por gritos de “bicha” em jogo da seleção
   5 de outubro de 2016   │     0:03  │  0

A Fifa multou o Brasil em 20 mil francos suíços (R$ 67 mil) por conta de gritos de “bicha” da torcida brasileira na partida da equipe contra a Colômbia, em Manaus,pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.

A Fifa havia aberto processo disciplinar logo depois do episódio para analisar a postura da torcida durante jogo Brasil 2 x 1 Colômbia, em 6 de setembro. Na ocasião, torcedores gritaram a palavra “bicha” no momento em que o goleiro colombiano cobrava tiros de meta. O grito vem se tornando cada vez mais comum em jogos da seleção como forma de provocação aos adversários.

Nesta terça (04), a entidade máxima do futebol publicou em seu site que “depois de notícias dos jogos e evidências adicionais coletadas pelo Sistema de Monitoramento Antidiscriminação, a Fifa abriu procedimentos contra diversas associações: Honduras, El Salvador, México, Canadá, Chile, Brasil, Argentina, Paraguai, Peru, Itália e Albânia”.

A Fifa explicou que “todos os procedimentos abertos em relação a incidentes discriminatórios e de conduta antidesportiva pela torcida, incluindo cantos homofóbicos em algumas circunstâncias. O Comitê Disciplinar da Fifa tomou a decisão depois de diversas análises de cada circunstância de forma separada”.

Além do Brasil, as outras federações citadas pela entidade também foram punidas. O Chile não poderá jogar no Estádio Nacional na partida contra a Venezuela em 28 de março de 2017 por conta de eventos relacionados a sua torcida. Além disso, a seleção chilena ainda foi multada em 65 mil francos suíços (R$ 212 mil).

A federação hondurenha foi multada no mesmo valor que os chilenos, enquanto Albânia terá de pagar R$ 163 mil; El Salvador, R$ 147 mil; Itália, México e Peru, R$ 98 mil cada; e Paraguai e Argentina R$ 81 mil cada.

Confederações pressionam, e Conmebol adia teste com final única para 2018
     │     0:02  │  0

Ponto de impasse nas reformas da Conmebol para a Copa Libertadores, a final em jogo único ainda não ocorrerá em 2017 – como outras mudanças do torneio. Diante da pressão de confederações nacionais nos últimos dias, a entidade sul-americana resolveu aumentar o debate nos próximos meses e adiar o modelo para 2018. O anúncio foi feito nesta terça (04).

A Conmebol explicou que continua analisando a ideia de fazer uma final única, mas não para 2017. “A ideia de uma final única é organizar uma grande festa para celebrar o futebol e fazer um elemento integrador na Sul-Americana. Desde o ponto de vista esportivo, um estádio pré-definido tem o atrativo de oferecer um campo de jogo neutro para os finalistas conversando um elemento surpresa, pois sempre existe a possibilidade de uma equipe local chegar a final”, comentou o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez em comunicado emitido nesta terça.

“No entanto, isso requer uma planificação de primeiro nível para garantir a excelência de logística, infraestrutura, segurança, mobilidade, organização de eventos. Também temos escutado as preocupações dos torcedores e a Conmebol deve trabalhar para que existam alternativas de viagem e alojamento que permitam que toda a paixão de uma final da Copa Libertadores chegue a qualquer cidade,” completou o presidente da entidade.

Anunciada na última terça-feira (27), a final em jogo único não teve boa recepção entre os dirigentes sul-americanos, inclusive os representantes da CBF. Na reunião do Comitê Executivo no domingo (2), em Bogotá, na Colômbia, mais indefinição. E com discussões entre as partes, o modelo de final que copia a Liga dos Campeões da Europa não foi incluído no pacote que entra em vigor em 2017.

Representada no encontro por Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da Federação Paulista e representante brasileiro no conselho executivo da Conmebol, e Fernando Sarney, membro do comitê executivo da Fifa, a CBF não fala sobre o assunto. Foi acordado que tais anúncios caberiam à Conmebol. No entanto, dirigentes ligados aos representantes brasileiros na reunião confirmaram o impasse.

O comunicado da Conmebol explica a estrutura da Libertadores de 2017:

– Serão 150 jogos na competição no total.
1- O torneio vai começar na fase pré-classificatória, a conhecida pré-Libertadores, onde 16 times se enfrentarão em jogos de ida e volta (24 jogos no total e 4 classificados para a fase de grupos);
2- O torneio continua a ter 96 jogos na fase de grupos com 32 times, sendo 28 por classificação direta, o que inclui o campeão das edições anteriores da Libertadores e da Sul-Americana;
3- A fase de mata-mata terá 30 jogos, começando pelas oitavas de final (16 jogos), quartas de final (8 jogos), semifinal (4 jogos) e final (2 jogos), no formato de ida e volta;

Novo presidente diz que Conmebol é obsoleta e não representa a América do Sul
   9 de fevereiro de 2016   │     0:01  │  0

Alejandro Dominguez quer recuperar o patrimônio da Conmebol (Foto: www.latribuna.hn)

O paraguaio Alejandro Domínguez, novo presidente recém-eleito da Conmebol, criticou, em entrevista publicada neste domingo no Chile, a própria entidade que dirige, admitindo que deverá trabalhar intensamente pela recuperação da imagem.

“Considero que a Conmebol é uma organização que, em sua administração, ficou obsoleta. Ela não representa e não está a altura do futebol da América do Sul”, disse o dirigente ao jornal “Mercúrio”.

Domínguez disse entender os que apontam que a entidade virou “sinônimo de corrupção”, por isso, procurou apontar as principais metas para o mandato que se iniciou dias atrás.

“O grande desafio imediato é mudar a percepção, com transparência e controle de gestão, institucionalização dos processos e decisões em equipe”, garantiu Domínguez.

O novo “homem-forte” do futebol americano garantiu que é hora da Conmebol deixar o tempo dos velhos dirigentes para trás, se modificando, tendo como base o trabalho.

“É preciso regras claras, normas gerais, objetivas, que deixem para trás a era do personalismo. A Conmebol, não só, não se adaptou às exigências, mas estava feita à medida das pessoas que a dirigiam”, afirmou.

Domínguez, no entanto, criticou a decisão da Fifa, de não repassar recursos à Conmebol, apesar de não haver qualquer suspeita sob nova direção. O paraguaio, inclusive, lembrou que já iniciou movimento para responsabilizar quem tenha lesado a entidade.

“Tomei a decisão de que serão auditados os últimos cinco anos. Se estes relatórios demonstrarem que houve prejuízo no patrimônio da instituição, tentaremos recuperar judicialmente o que pertença à organização”, afirmou.

Blog com Terra Esportes

Conmebol divulga calendário e brasileiros estreiam fora
   4 de fevereiro de 2016   │     0:04  │  0

A Conmebol já divulgou datas e horários dos jogos da fase de grupos da Libertadores 2016, e os brasileiros descobriram onde debutarão na competição. Todos, com exceção ao São Paulo, caso ele passe pela fase preliminar, estrearão jogando fora de seus domínios. Destaque para o Corinthians, que enfrenta o Cobresal no estádio localizado entre a Cordilheira dos Andes e o Deserto do Atacama.

O jogo acontecerá no dia 17 de fevereiro, e os comandados de Tite enfrentarão também uma altitude de mais de 2,3 mil metros. Porém, quem estreia primeiro é o Palmeiras, no dia 16. O Verdão poderá jogar no Uruguai, caso o River-URU avance na pré-Libertadores. Se quem vencer o confronto for a Universidad de Chile, o alviverde começa sua caminhada no mesmo país que o arquirrival do Parque São Jorge.

Também no dia 17, o Atlético-MG viaja para o Peru para medir forças com o Melgar. Se o São Paulo eliminar o Cesar Vallejo, recebe o The Strongest, da Bolívia, no mesmo dia. Ainda na quarta-feira, o Grêmio jogará no México contra o Toluca.

Blog com Band Esportes