Category Archives: Conmebol

Conmebol aumenta premiação da Libertadores e campeão passa a receber 16 milhões de dólares
   21 de dezembro de 2021   │     13:30  │  0

trofeu-libertadores-futebol-latino-lance-01-06(Foto: Divulgação/Conmebol)

Mudança faz parte de um pacote geral de incrementos nas competição da confederação.

A Conmebol anunciou ontem uma série de aumentos nas premiações da Libertadores e da Sul-Americana. Agora, o campeão da primeira passa a receber 16 milhões de dólares (91,6 milhões), um aumento de 1 milhão de dólares em relação aos valores de 2021. Já na Sul-Americana, o prêmio ao vencedor passou de 4 para 5 milhões de dólares (28,6 milhões de dólares).

Agora, o vencedor da Libertadores pode chegar às cifras de até 25,05 milhões de dólares (cerca de 143,5 milhões de reais), valor da soma entre a nova premiação pelo título com as premiações das demais fases. Na pré-Libertadores, as fases 1, 2 e 3 também receberam aumento. Agora, são 400 mil, 500 mil e 600 mil dólares por partida, respectivamente.

Os aumentos fazem parte de um pacote de incrementos em todas as premiações dos torneios da confederação. São 15,1 milhões de dólares a mais, passando de 229,26 milhões em 2021 para 244,36 milhões em 2022.

Também houve incremento no prêmio da Recopa Sul-Americana e da Libertadores feminina. Na primeira, os valores são de 1,6 milhões de dólares (9,16 milhões de reais) para o vencedor e 800 mil (4,5 milhões) para a equipe derrotada. Entre as mulheres, as campeãs receberão 1,5 milhões de dólares (8,6 milhões de reais). As vice-campeãs, 500 mil.

— Queremos potencializar o futebol em todas as suas modalidades e nos dois gêneros. Devolvendo ao futebol o que é do futebol, recuperaremos nossa identidade. Esse é o caminho para conquistar o mundo novamente, a nivel de clubes e seleções — afirmou o presidente da confederação, Alejandro Domínguez.

Blog com O GLOBO

Conmebol antecipa preparos da Libertadores: ‘40 dias para festa do melhor futebol’
   13 de outubro de 2021   │     13:00  │  0

Estádio Centenário, em MontevidéuEstádio Centenário, em Montevidéu (Foto: Conmebol/Redes Sociais)

Marcada para ocorrer no dia 27 de novembro, a final da Libertadores vem movimentando Montevidéu. Na segunda-feira, 11, dia que marca 40 dias até o jogo, a Conmebol publicou fotos dos preparos no Estádio Centenário para receber Flamengo e Palmeiras.

“O trabalho continua no Estádio Centenário! O mítico cenário se prepara para que em 40 dias a festa do melhor futebol do mundo seja realizada ao máximo na capital uruguaia’, escreveu a entidade responsável por sediar o torneio continental.

Até então, o governo uruguaio não se pronunciou em relação à presença de público, mas a perspectiva é otimista. Segundo o secretário de esportes do Uruguai, Sebastián Bauzá, a entidade e administração do país estão trabalhando pela possibilidade de chegar próximos aos 60 mil torcedores no Estádio Centenário, o que corresponde à capacidade máxima do local.

A informação foi revelada em entrevista do secretário à rádio uruguaia Sport890 e reproduzida pelo jornal “El País”. Um público de 50% já estaria assegurado para decisão, segundo o diário. A Conmebol também ainda não anunciou oficialmente qualquer informação sobre a presença de torcedores na final.

A secretaria de esportes do país tem mantido reuniões semanais com a Conmebol para tratar sobre o tema e tem consultado o Ministério da Saúde do país para tentar chegar a um número ideal de torcedores para a decisão. A baixa nos casos de Covid-19 e a boa resposta à vacina podem facilitar uma autorização.

Blog com EXTRA

Conmebol anuncia punições ao Boca Juniors por confusão generalizada contra o Galo no Mineirão
   10 de outubro de 2021   │     19:00  │  0

Ex-River Plate, Nacho Fernández não se intimidou com a pressão e rispidez no confronto com o Boca Juniors – (Foto: Pedro Souza/Atlético)

O show de horrores protagonizado pelo Boca Juniors na confusão generalizada na noite do dia 20 de julho, no Mineirão, não passou impune. A Conmebol anunciou na noite de sexta-feira uma série de punições ao clube argentino lamentável episódio após eliminação da Copa Libertadores para o Atlético-MG na disputa de pênaltis.

Na ocasião, integrantes da delegação do Boca Juniors, incluindo jogadores e dirigentes, protagonizaram uma cena de selvageria no estádio. Além de partirem para cima de integrantes da comissão técnica e jogadores do Galo, os argentinos utilizaram grades de proteção, bebedouros e até golões d’água como ‘armas’ no confronto.

Após os atos de vandalismo, Polícia Militar de Minas Gerais interveio e precisou usar spray de pimenta para dispersar o tumulto. Contrariados, o Boca Juniors não aceitou a eliminação e acusou a polêmicas arbitragem de beneficiar o Galo nos dois embates que terminaram em 0 a 0.

Os atacantes Pavón e Villa sofreram as sanções severas, com seis jogos de suspensão cada. Entre os dirigentes, Raúl Cascini e Marcelo Delgado, ambos ex-jogadores e integrantes do Conselho de Futebol do Boca Juniors, estão proibidos de frequentar estádios por dois anos. O presidente do Atlético-MG, Sérgio Coelho, foi multado e suspenso por dois jogos.

Confira as punição aplicadas pela Conmebol ao Boca Juniors:

– Pavón – 6 jogos
– Villa – 6 jogos
– Rojo – 5 jogos
– Izquierdoz – 4 jogos
– González – 3 jogos
– Javier García – 2 jogos
– Raúl Cascini e Marcelo Delgado (dirigentes) – proibição de dois anos nos estádios
– Leandro Somoza (dirigente) – suspensão de 6 jogos
– Fernando Gayoso (dirigente) – suspensão de 3 jogos
– Total de multas – 235 mil dólares (R$ 1,3 milhão na cotação atual)

Blog com O Dia

Conmebol planeja show no intervalo da final da Libertadores
   3 de outubro de 2021   │     19:00  │  0

Flamengo conquistou o bi da Libertadores em 2019 (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Flamengo conquistou o bi da Libertadores em 2019 (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Foto: LANCE!

A entidade planeja organizar um show artístico nesse período, seguindo os moldes do Superbowl, do futebol americano.

A Conmebol enviou uma carta à Fifa pedindo um maior tempo de intervalo nas finais da Copa Libertadores e Sul-Americana de 2021. A entidade planeja organizar um show artístico nesse período, seguindo os moldes do Superbowl, do futebol americano.

Na carta, é pedido um tempo de 25 minutos de duração do intervalo, um acréscimo de 10 minutos em relação ao padrão. Segundo a Conmebol, esse tempo seria importante para que fosse realizado um evento artístico que animasse os torcedores presentes no estádio e os que estiverem vendo na TV. Além disso, seria um tempo a mais para os jogadores se recuperarem fisicamente e para os técnicos passarem suas orientações aos jogadores.

A Conmebol reforça que essa mudança seria aplicada exclusivamente nas finais. A final da Libertadores que será decidida entre Palmeiras e Flamengo ocorrerá no dia 27 de novembro, em Montevidéu. A decisão da Sul-Americana será no mesmo local, mas no dia 20. Ambos os jogos serão disputados no Estádio Centenário.

Blog com Gazeta Esportiva

Jornal argentino afirma que Brasil pode perder pontos por suspensão de partida
   8 de setembro de 2021   │     1:30  │  0

ERA SÓ O QUE FALTAVA:

A partida entre Brasil e Argentina foi suspensa após agentes da Anvisa e da Polícia Federal entrarem em campo por conta de quatro atletas argentinos (três deles titulares) que não cumpriram as regras sanitárias em território brasileiro. Apesar da irregularidade envolvendo os jogadores da seleção de Lionel Messi, o Brasil poderá ser prejudicado. De acordo com informações do jornal argentino “Clarín”, a Seleção poderá perder pontos por conta do que ocorreu em São Paulo.

De acordo com a publicação, punição ao Brasil aconteceria pelo fato de pessoas não autorizadas terem entrado em campo em impedido uma partida autorizada pela Conmebol. Oficialmente, o árbitro e o comissário do jogo enviarão um relatório ao Comitê Disciplinar da Fifa, que determinará as etapas a serem seguidas para a definição do confronto.

A operação da Polícia Federal e da Anvisa seria realizada no vestiário, mas a delegação argentina se trancou no local e afirmou que iria embora caso alguém entrasse no local. O jogo começou e, aos cinco minutos, a partida foi paralisada no estádio do Corinthians. Naquele momento, agentes Anvisa e da Polícia Federal conversaram com o delegado da partida para paralisar o duelo.

Depois disso teve um início uma confusão na beira do gramado. Até Messi e Neymar tentaram intervir, mas o clássico foi paralisado. Todos os jogadores da Argentina desceram ao vestiário, assim como os reservas do Brasil. Os titulares brasileiros permaneceram no gramado.

Blog com O DIA