Category Archives: CLUBES

Corinthians abre mão de 1 estrangeiro por partida
   30 de setembro de 2020   │     22:00  │  0

Juan Cazares chegou como aposta do Corinthians para reforçar seu elenco e ajudar o time a melhorar a classificação no Brasileirão, mas a contratação do equatoriano indica que o clube terá de abrir mão de um de seus estrangeiros em cada lista de relacionados para os jogos do campeonato e da Copa do Brasil, segundo prevê o regulamento da CBF. Dor de cabeça para o treinador.

A entidade máxima do futebol brasileiro não limita o número de estrangeiros inscritos para as suas competições, porém restringe o número de jogadores nascidos fora do Brasil nas partidas: apenas cinco são permitidos entre os escalados como titulares e para o banco de reservas. Atualmente, com a vinda de Cazares, o Timão conta, ao todo, com seis gringos em seu elenco.

Os estrangeiros que vestem a camisa do Corinthians são: Angelo Araos, do Chile, Mauro Boselli, da Argentina, Bruno Méndez, do Uruguai, Victor Cantillo, da Colômbia, Romulo Otero, da Venezuela e, agora, Juan Cazares, do Equador.

Blog com Terra Esportes

José Carlos Peres é afastado da presidência do Santos
     │     19:10  │  0

José Carlos Peres foi afastado da presidência do Santos (Foto: Divulgação/Ivan Storti)

José Carlos Peres foi afastado da presidência do Santos (Foto: Divulgação/Ivan Storti)

 

José Carlos Peres foi afastado da presidência do Santos. Em reunião virtual do Conselho Deliberativo do clube, houve 161 votos a favor do afastamento, seis contra e nove abstenções – era preciso de 2/3 dos votos para aprovação. O vice Orlando Rollo, rachado com Peres desde 2018, assume o comando do Santos.

A votação do Conselho Deliberativo aprovou o parecer da Comissão de Inquérito e Sindicância (CIS), que considerava informações do Conselho Fiscal. O relatório apontava irregularidades nas contas do clube em 2019. Como Rollo não teve participação da gestão em 2019, ele não foi considerado “culpado”.

O Conselho Deliberativo agora tem 60 dias para marcar uma assembleia entre os sócios para que seja votado o pedido de impeachment de Peres, que tem mandato até o fim desde ano, mas, podendo marcar até hoje, se desejar. Ele foi eleito presidente no fim de 2017 e já enfrentou outros dois processos de impeachment, ambos em 2018 e recusados pelos sócios.

As irregularidades apontadas pelo Conselho Fiscal nas contas de 2019 são em relação a pagamento de comissões na transferência do atacante Bruno Henrique para o Flamengo, pagamentos de despesas pessoais de Peres com o cartão corporativo, entre outras. O Santos fechou 2019 com superávit de R$ 23,5 milhões, mas em razão da transferência da venda de Rodrygo para o Real Madrid.

Antes da reunião virtual do Conselho Deliberativo Peres já havia se defendido na Comissão de Inquérito e Sindicância. Ele alega ter cancelado o cartão corporativo e devolvido a quantia gasta e nega o pagamento de comissão na venda de Bruno Henrique.

Peres vinha sendo alvo de protestos de torcedores do Santos. Dezenas de torcedores se reuniram em frente à Vila Belmiro para pedir a saída de Peres da presidência do clube, na última segunda-feira.

Blog com Terra Esportes

Botafogo é a equipe com mais empates e menos vitórias
     │     17:00  │  0

Botafogo saiu na frente com Victor Luis, mas cedeu o empate - (Foto:Vítor Silva/Botafogo)

Botafogo saiu na frente com Victor Luis, mas cedeu o empate – (Foto:Vítor Silva/Botafogo)

 

O Botafogo precisa ligar o alerta no Campeonato Brasileiro. Em 18º lugar e com 11 pontos conquistados, o Glorioso é a única equipe com apenas uma vitória na competição. Além disso, empatou pela oitava vez no Brasileirão, também liderando o quesito na tabela.

O empate vem sendo uma rotina nada agradável para o torcedor do Botafogo. Após ceder a igualdade no jogo diante do Atlético-GO, o Alvinegro completou o oitavo jogo seguido sem vitória na competição. São ao todo oito empates em 11 partidas, campanha que explica o time atualmente na zona de rebaixamento.

Vale destacar que o Botafogo já atingiu o dobro de empates na atual edição do Brasileirão em comparação ao campeonato de 2019. Na última temporada, o Alvinegro empatou apenas quatro vezes durante toda competição.

Sem vencer desde o dia 19 de agosto, diante do Atlético-MG de Jorge Sampaoli, na 4º rodada, o Alvinegro tem apenas uma vitória no Brasileiro, ficando com o posto de equipe com menos vitórias na tabela. Goiás e Bahia, 19º e 20º na tabela, somam dois triunfos na competição.

Apesar da campanha ruim e da permanência na zona de rebaixamento, a comissão técnica do Botafogo mantém a confiança no trabalho. Em entrevista coletiva após o empate diante do Atlético-GO, o auxiliar técnico de Paulo Autuori, Renê Weber, ressaltou a criação da equipe apesar dos empates e lamentou os resultados que o time deixou ‘escapar’ durante a competição.

– Se você cria situações e não executa é sinal de que a equipe cria ao contrário dos resultados finais, desse alto número de empates. Em vários jogos estivemos na frente e acabamos sofrendo empate no final. Preocupante é quando não se cria nada. A gente tem criado, mas os resultados têm nos escapado. Não fizemos bom jogo, o desgaste começa a aparecer. Não só pra gente, mas pra todas as equipes. E não há como treinar. Só pensar no próximo jogo – disse o auxiliar.

Blog com LANCE

Inter/RS precisará vender mais jogadores para aliviar caixa
   29 de setembro de 2020   │     21:00  │  0

Internacional precisará vender mais jogadores para aliviar caixa (Foto: Ricardo Duarte)

Brigando pelos primeiros lugares na Série A, o Internacional vive bom momento do ponto de vista esportivo. Mas, precisa trabalhar para que a situação continue favorável no longo prazo. No aspecto financeiro, dívidas fazem pressão sobre a gestão de Marcelo Medeiros.

No decorrer desta semana, o ge analisa em textos individuais as finanças dos principais clubes que publicaram balancetes – documento feito pelos departamentos financeiros com a visão parcial das finanças até 30 de junho.

Dívidas, dívidas

Nos seis meses iniciais de 2020, o endividamento do Internacional subiu mais uma vez e chegou a R$ 581 milhões. É a quantia mais alta já registrada pelo clube em sua história.

Ao separar as dívidas pelo vencimento, é possível distinguir R$ 400 milhões a pagar no curto prazo – em menos de um ano. Quase 70% sobre o total. Também é a primeira vez que tal marca é alcançada.

A parte positiva é a redução dos empréstimos de longo prazo. Mas não chega a ser animadora. Essas dívidas chegaram mais próximas do vencimento, o que fez com que passassem para o curto prazo.

Fornecedores são prestadores de serviços, na maior parte. Esta linha registrou um aumento expressivo, sinal de que pode haver problemas com cobranças extrajudiciais e judiciais caso não haja acordos.

Nas contas a pagar, estão direitos de imagem de jogadores e aquisições de direitos de atletas. Não houve um aumento entre dezembro e junho, mas o valor total é relevante: R$ 146 milhões. Muito da qualidade que o torcedor vê em campo, na briga pelo topo do Campeonato Brasileiro, está contida nesta parte do balanço patrimonial.

Blog com ge.globo

Junta de recursos do Vasco torna Campello inelegível
     │     20:00  │  0

Akexandre Campello

Alexandre Campello foi eleito em eleição indireta e busca segundo mandato (Foto: Reprodução)

A política do Vasco tem um novo capítulo. O atual presidente do clube e candidato na eleição de novembro, Alexandre Campello, foi considerado inelegível pela Junta de Recursos do clube. O órgão terminou a análise dos pedidos na última semana, o mandatário foi informado e criticou publicamente a decisão.

O pedido de impugnação de Campello foi feito no fim da semana passada, por Elói Ferreira, primeiro vice-presidente do clube, mas, hoje, oposição ao representante maior do clube. Na argumentação, ele cita a reprovação das contas do clube de 2018 e um possível inadimplência enquanto sócio.

“Identidade Vasco não perde uma chance de ser Identidade Vasco. Acabo de tomar conhecimento de que a Junta de Recursos impugnou meu nome na lista de elegíveis. Mais uma manobra política covarde do Sr. Roberto Monteiro que certamente será derrubada no foro competente.

Entendo o medo dessa gente de me enfrentar nas urnas. O Vasco que eles querem não é o Vasco dos últimos três anos.

Apenas para informar devidamente o torcedor vascaíno: o Sr. Eloi Ferreira entrou com pedido de impugnação com duas justificativas: a primeira de que as minhas mensalidades de dezembro e o 13º de 2019 não estariam pagas. Eles sabem que é mentira.

Tanto que meu nome constava da lista da AGE e consta da lista da AGO, aprovada pela Junta Eleitoral. Não satisfeitos, se basearam numa cláusula de um estatuto que sequer foi aprovado. Ter essa gente contra mim mostra que estamos no Rumo Certo.”

Blog com LANCE