Category Archives: Clubes Alagoanos

CSA busca liderança contra o CEO; CRB reencontra o ASA
   24 de fevereiro de 2019   │     0:05  │  0

Depois do duelo isolado da tarde de ontem no Estádio Manoel Moreira, em Capela – Jaciobá 3 x 0 Dimensão – o tradicional evento do futebol de Alagoas, o seu Campeonato Estadual/2019, tem sequência na tarde de hoje com dois jogos importantes em Maceió e Arapiraca.

No Estádio Rei Pelé, o CSA recebe o CEO num jogo que vale a permanência no G-4.

Com sete pontos e um jogo a menos que o vice-líder Coruripe [que tem nove], Azulão e Tricolor do Sertão se enfrentam a partir das 16 horas deste domingo.

O CSA teve a semana cheia para se preparar para o duelo. Cabo confirmou que vai mexer na equipe. Regularizado, Apodi vai ganhar a posição de Celsinho.

Essa deve ser a única alteração em relação à equipe que venceu o Salgueiro, por 1 a 0, pela Copa do Nordeste. Os volantes Jhonnatan e Amaral continuam entregues ao departamento médico.

O provável time azulino: João Carlos; Apodi, Gerson, Luciano Castan e Rafinha; Dawhan, Didira e Matheus Sávio; Regis, Victor Paraíba e Patrick Fabiano.

CEO COM PREVISÃO DE VITÓRIA

O CEO vai a Maceió animado com a vitória que conquistou na última rodada, por 3 a 1, fora de casa, contra o Murici. Enfrentar uma equipe de Série A do Brasileiro, por si só, já é um atrativo a mais para a equipe.

Caso vença, o time garante mais uma rodada entre os quatro primeiros colocados da tabela. O treinador não terá baixas e a tendência é que ele repita a escalação que bateu o Murici.

Provável escalação: André; Silva, Pio, Alex e Luciano; Jacobina, Paulo, Willian e Aurélio; Pedro Henrique e Roger.

CRB TEM DUELO COMPLICADO EM ARAPIRACA

CRB e ASA estão em lados opostos na tabela do Campeonato Alagoano. O primeiro é o líder invicto, enquanto que o segundo está na lanterna e ainda não venceu na competição. As equipes se enfrentam na tarde de hoje em Arapiraca.

O meia Felipe Menezes sabe que esse pode ser um jogo decisivo para o Alvinegro, mas garantiu que o Galo não vai tirar o pé.

– Acho que independentemente dos problemas deles a gente tem que ir é para vencer. O mais importante é manter a liderança nessa fase classificatória do campeonato – cravou.

Felipe Menezes disputou sete jogos pelo CRB esse ano, mas em todos eles entrou no segundo tempo. Ele foi autor do gol que deu ao Galo a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil, na última quarta-feira. Apesar de ser um dos remanescentes do antigo grupo, o meia diz que nunca enfrentou o ASA.

– Eu nunca joguei contra eles, mas pelo que me passaram vai ser um jogo complicado lá. A gente tem que estar preparado para isso, vai ser um jogo difícil e a gente tem que competir. Sem falar que a gente tem que se recuperar desse jogo contra o Goiás, que foi extremamente desgastante – completou.

O CRB tem três vitórias no Alagoano (venceu o Coruripe, o Murici e o Jaciobá), e empatou com o CSA. A equipe de Roberto Fernandes tem 10 pontos e 83,3% de aproveitamento.

Os dois times não informaram suas escalações para o jogo sempre emocionante no Coaracy da Mata Fonseca.

Roberto Fernandes deverá poupar alguns jogadores titulares. Ferrugem, por exemplo, está fora por ter um problema muscular. No ASA, que precisa de uma vitória urgentemente, Nêdo Xavier deverá promover algumas modificações, utilizando os jogadores contratados recentemente.

Textos: Arivaldo Maia e matérias produzidas pelo GloboEsporte/AL

CRB ganhou R$ 2,6 milhões em 2 jogos; Apodi barra Celsinho
   23 de fevereiro de 2019   │     0:05  │  1

O CRB encheu os cofres com a Copa do Brasil. Juntando a premiação das duas fases que passou, o Galo já garantiu R$ 2,6 milhões de cotas em 2019.

Para o torcedor ter uma ideia, vale destacar que esse valor ultrapassa todo o patrocínio master do clube no ano passado, que ficou em R$ 1,5 milhão.

Explicando melhor: a simples entrada na competição valeu R$ 525 mil ao Galo, que ficou no Grupo III da divisão da premiação. Depois, ao eliminar o Brasiliense, levou mais R$ 625 mil. A classificação nos pênaltis em cima do Goiás valeu mais R$ 1,45 milhão.

Na terceira fase, o CRB vai enfrentar o vencedor do confronto entre Santa Cruz-RN e Bahia, que duelam em jogo único no dia 6 de março, na Arena das Dunas, em Natal.

E vale também ficar de olho: se passar para a quarta fase, o Galo leva mais R$ 1,9 milhão de premiação. Esses recursos chegam em um momento importante para o clube, que ainda não definiu o patrocinador máster desta temporada.

Por outro lado, amanhã tem outro jogo importante, agora no Alagoano/2019, em Arapiraca, contra o ASA. O jogo será às 17h deste domingo, no Municipal. A delegação que retornou ontem de Goiânia está concentrada no CT Marcos Barbosa, o Ninho do Galo.

Segundo levantamento feito pelo GloboEsporte/AL, o Regatas leva vantagem no retrospecto. Nas últimas 11 partidas que se enfrentaram, foram oito vitórias do CRB e três do ASA.

O técnico Roberto Fernandes não deu pistas da escalação para o duelo contra o alvinegro arapiraquense. O volante Ferrugem sentiu um problema muscular em Goiânia e não tem presença confirmada no jogo deste domingo.

O ASA contratou mais 4 reforços que poderão ganhar oportunidades com o técnico Nedo Xavier. Luis Gustavo, Marcelo, Guga e Luis Eduardo estão regularizados. Sem vencer e com apenas três pontos, a ordem é superar o CRB para decolar no Alagoano/2019.

O árbitro do jogo será José Reinado Figueiredo, auxiliado por Maxwell Rocha e Lennon Mccarteney Farias.

CSA TERÁ ALTERAÇÃO NESTE DOMINGO

A escalação do CSA para bater de frente com o CEO neste domingo terá alteração. No treino aberto desta semana ficou claro que Apodi, experiente lateral, vai substituir Celsinho pelo setor direito da zaga. O restante da equipe azulina será a mesma dos jogos anteriores.

Marcelo Cabo vai escalar sua equipe assim: João Carlos; Apodi, Gerson, Luciano Castán e Rafinha; Dawhan, Didira e Matheus Sávio; Régis, Victor Paraíba e Patrick Fabiano.

Como se observa, será a mesma base da equipe utilizada no último jogo, quando o CSA venceu o Salgueiro/PE pela Copa do Nordeste.

Uma vitória do CSA sobre o CEO na tarde deste domingo pode representar a liderança da competição, desde que ocorra um triunfo do ASA diante do Regatas no jogo do Coaracy da Mata Fonseca.

Bruno Ramires já tem seu nome no BID da CRB, portanto, está habilitado para jogar quando Marcelo Cabo desejar. Ontem, juntamente com Leandro Souza, Bruno Ramires fez um trabalho leve no CT do Mutange.

O lateral Pedro Rosa fez uma cirurgia para ajustar um pino tem  no pé esquerdo, e ainda não tem data confirmada para voltar aos treinos normais.

No ambiente azulino é grande a expectativa pela divulgação da tabela da Série A.

Os ingressos para o jogo contra o CEO seguem a venda nos tradicionais pontos de venda. Os bilhetes custam R$20 para o setor de arquibancadas altas e R$60 para as cadeiras especiais. O setor de arquibancadas baixas não será aberto.

Blog, Warner Oliveira e GloboEsporte/AL

Delegação do CRB retorna de Goiás ligada no Alagoano
   22 de fevereiro de 2019   │     10:19  │  0

Depois de eliminar o Goiás pela Copa do Brasil, a delegação do CRB chega nesta sexta respirando o Campeonato Alagoano/2019, já que tem jogo importante no próximo domingo em Arapiraca.

Vai enfrentar o ASA no Municipal, às 16 horas, tentando manter sua liderança na competição.

O ambiente no clube é de confiança e descontração.

Do Aeroporto Zumbi dos Palmares os jogadores seguirão direto para a concentração. No CT Marcos Barbosa, o Ninho do Galo, quem não jogou ontem fará trabalho leve.

O volante Ferrugem vai fazer uma exame mais detalhado para saber melhor o grau da sua contusão muscular.

Aguarde mkjais detalhes.

Arivaldo Maia

 

 

Ferrugem pede atenção especial do CRB em Goiás
   21 de fevereiro de 2019   │     17:30  │  0

  Ferrugem, volante do CRB — Foto: Denison Roma/GloboEsporte.com

Ferrugem, volante que é destaque no CRB (Foto: Denison Roma/GloboEsporte.com)

A noite desta quinta-feira será decisiva para o CRB. O Galo entra em campo pela segunda fase da Copa do Brasil. Enfrenta o Goiás,  logo mais às 21h30, no Estádio Serrinha. A partida vale R$ 1,45 milhão para o classificado e mobiliza as duas torcida.

Adversário do CRB, o Goiás tem 100% de aproveitamento no começo da temporada 2019. São oito jogos e oito vitórias. Na primeira fase, a equipe esmeraldina eliminou o Sergipe.

Volante do Galo, Ferrugem reconheceu o bom momento vivido pelo time goiano.

– O Goiás passa por um ótimo momento. Eles ganharam todas as partidas do ano e isso é algo a ser destacado. O fato deles estarem em casa é uma vantagem, mas temos que segurar a pressão e ter paciência durante os noventa minutos. Precisamos fazer um jogo inteligente, sem exposição, para sairmos de lá classificados.

Um dos mais experientes do elenco regatiano, Ferrugem, de 30 anos, é um dos destaques da equipe no início de temporada. O jogador, que já atuou na Copa do Brasil, falou sobre as dificuldades que o time pode encontrar.

– A Copa do Brasil, sem dúvida, é uma das competições mais difíceis que já tive a oportunidade de jogar. Não só pelo equilíbrio, mas, principalmente, por ter partidas decisivas o tempo inteiro. É preciso ter muita intensidade para chegar longe nela. Não pode deixar o ritmo diminuir em momento algum.

Acompanhe Goiás x CRB ouvindo o Timaço da Rádio Gazeta de Alagoas. Narração de Arivaldo Maia, comentários de Antonio Torres, com participações de Walmari Vilela e Marcelo Rocha. O show de Bola vai começar às 20 horas.

Arivaldo Maia e GloboEsporte/AL

CRB definido em Goiás; Base do CSA de casa nova
     │     10:57  │  0

Com muito dinheiro em disputa o CRB entra em campo na noite de hoje na cidade de Goiânia. Vai enfrentar o Goiás no estádio da Serrinha, alçapão do adversário, às 21h30m, em mais uma fase da Copa do Brasil. Agora, sem vantagem nem para o visitante muitos menos para os donos da casa. Em caso de empate o duelo será decidido com pênaltis. Para o vencedor o jogo vale R$ 1,45 milhão.

O desfalque o Regatas é o atacante Victor Rangel, que se recupera de dores na panturrilha direita. Para sua posição, Zé Carlos e Maílson disputam vaga no ataque.  No jogo de Natal, diante do ABC, Mailson fez a diferença quando entrou, deixando o ataque muito mais objetivo.

Zé Carlos teve 4 chances reais de gol diante do ABC e jogou no lixo. Mas, apesar disso pode  começar jogando na noite de hoje. É um goleador testado e aprovado.

O meio de campo não deve sofrer modificações. A formação com três volantes, dando mais liberdade a Ferrugem, que tem características de fazer transição com qualidade e chegar bem ao ataque, principalmente aparecendo como elemento surpresa, deverá ser mantida. Assim, Claudinei e Mateus Silva deverão ficar na contenção, liberando Ferrugem para auxiliar Danilinho nas assistências aos atacantes.

A dúvida do técnico Roberto Fernandes, com certeza, reside no ataque: Edson Mardden; Júnior, Wellington Carvalho, Guilherme Mattis e Guilherme; Claudinei, Mateus Silva, Ferrugem e Danilinho; Mailson ou Zé Carlos e Hugo Sanches.

Por outro lado, com força máxima o Goiás já está escalado: Sidão; Kevin, David Duarte, Rafael Vaz e Jefferson; Geovane, Léo Sena, Marlone e Renatinho; Michael e Júnior Brandão.

Quem vencer o duelo entre Goiás e CRB enfrentará Santa Cruz-RN ou Bahia na próxima fase da Copa do Brasil.

BASE AZULINA MUDA PARA MARECHAL DEODORO

Os jogadores da Base azulina –  Sub-17 e Sub- 20 – já estão trabalhando na cidade de Marechal Deodoro, segundo informou o dirigente Omar Coelho,

– O CSA, desde dezembro, fechou toda a base do Mutange, não havendo mais nenhum atleta amador no CT. Desde janeiro, estávamos procurando um local, que somente agora encontramos.

– O Berço do Azulão fica no Município de Marechal Deodoro, conhecido também como o Berço da República, e serve de alojamento para os atletas sub-20 e sub-17 do CSA. Isso, para aqueles que não residam em Marechal ou Maceió.

Sobre a obrigatoriedade dos laudos para funcionamento do local, o dirigente disse que o clube está tomando as providências.

– Estamos começando pelo laudo do Corpo de Bombeiros. A partir desse, vamos exigir os demais para que tudo esteja devidamente regularizado.

Coelho disse ainda o que deve ser feito pelos responsáveis dos clubes de futebol brasileiro para evitar novas tragédias.

– O Brasil tem passado por essas catástrofes, mas que sirva sempre de melhoria para que não aconteça mais isso no futuro. Apesar que no Brasil é assim: aconteceu lá em Mariana, depois em Brumadinho … As pessoas não têm receio do perigo e acreditam que a impunidade vai vigorar sempre. Eu acho que é tempo de passar o Brasil a limpo.

Enquanto isso, os profissionais continuam treinando. Marcelo Cabo deverá manter o time que venceu o Salgueiro/PE, no duelo válido pela Copa do Nordeste, para enfrentar o CEO, domingo próximo, no Rei Pelé. Bruno Ramires, volante, foi apresentado na tarde passada.

Textos; Arivaldo Maia e GloboEsporte/AL