Category Archives: Campeonatos Estaduais

Federação Paulista suspeita de manipulação em três jogos e pede investigação à policia
   8 de junho de 2022   │     23:00  │  0

Catanduva x Andradina, pela quarta divisão paulista — Foto: Fran Zanini/Catanduva FC

Catanduva x Andradina, pela quarta divisão paulista — (Foto: Fran Zanini/Catanduva FC)

Partidas da última divisão profissional e do sub-20 são analisadas; num lance, jogador quase fez gol contra de calcanhar, mas goleiro defendeu.

A Federação Paulista de Futebol prepara um ofício à polícia civil de São Paulo para que investigue uma suspeita de manipulação de resultados na quarta divisão estadual.
Há indícios de que atletas do Andradina tenham atuado de modo a prejudicar a própria equipe no duelo em que o time foi goleado pelo Catanduva por 7 a 1, na última sexta-feira.

Segundo apurou o ge, um ofício será encaminhado à Drade (Delegacia de Repressão aos Crimes de Intolerância Esportiva), responsável por casos como esse. A procuradoria do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) de São Paulo também será oficiada.

Há três jogos em investigação sob suspeita de manipulação de resultados, dois deles do Andradina: contra o Catanduva e contra o Fernandópolis, derrota por 4 a 2. A terceira partida é Independente 2 x 2 Capivariano, pelo Paulista sub-20.

De acordo com uma pessoa com conhecimento das apurações, dois desses jogos têm grau elevado de suspeita, enquanto outro tem grau médio.

Na segunda-feira, o presidente do Andradina, Nei Giron, o técnico Rogério Ferreira, o China, e membros da equipe de arbitragem foram ouvidos pela delegada Margarete Barreto, que é membro da Comissão de Integridade e da Corregedoria de Arbitragem da FPF.

Ela prepara um relatório para encaminhar junto com os ofícios à polícia civil e ao TJD.
Nos depoimentos, os membros da equipe de arbitragem teriam afirmado “estranhamento” com alguns lances do jogo.

– Vou ser sincero, estou vendo um certo exagero. No outro dia do que aconteceu em Catanduva (derrota por 7 a 1), teve um jogo que foi 8 a 1 (União Mogi x Atlético Mogi). O jogo estava 2 a 0 e o juiz deu um pênalti para nós, mas não expulsou o goleiro que derrubou nosso atacante. Fizemos 2 a 1 e o jogo ficou super equilibrado até metade do segundo tempo – disse ao ge o presidente do Andradina, Nei Giron.

– Me perguntaram também por que um jogador tentou fazer um golaço de calcanhar, mas contra. Prefiro acreditar que é ruindade mesmo, um desânimo. Não sei. O Atlético Mogi perdeu de oito e ninguém está falando nada, o Brasil perdeu de sete da Alemanha e ninguém falou nada – completou.

Giron também disse que pediu que a investigação fosse ampliada aos árbitros:

– Não é normal quatro pênaltis em um jogo. A dúvida sempre vem em cima dos atletas, mas essa arbitragem da Bezinha é horrível.

A FPF já informou, em nota, que havia encaminhou as suspeitas para a Comissão de Integridade.

 

Com excelente público no Alfredo Leahy, Penedense bate o Dínamo por 3 a 0 na abertura da 2ª divisão
   15 de maio de 2022   │     4:00  │  0

Penedense e Dínamo fizeram o 1º jogo da Segundona em 2022 – (Foto: FAF)

Com apoio da torcida em grande número, Alvirrubro faz boa partida e estreia com o pé direito.

O Estádio Alfredo Leahy recebeu o retorno do Penedense na tarde de ontem (14) e no melhor estilo. Estreando na 2ª divisão do Campeonato Alagoano, o Alvirrubro venceu o Dínamo por 3 a 0, em uma bela atuação. Os gols foram marcados por Tubinho, Jonathan e Joanderson.

O resultado deu a primeira liderança do Estadual para o Penedense, porém, ainda aguarda os resultados dos duelos entre CEO x FF Sport e Miguelense x Coruripe, que fecham a rodada. Porém, fato é que o clube terminará a rodada no G4. O Dínamo fica bem longe do G4, ainda zerado.

O jogo

O duelo foi movido com grande expectativa pelo torcedor do Penedense, que não via a equipe em campo, profissionalmente, há um bom tempo. O Alvirrubro começou bem melhor, com pelo menos três chutes na direção do gol. Na quarta tentativa, o Siri não resistiu. Tubinho, que começou jogando muita bola, recebeu um passe certeiro na área, girou e abriu o placar logo aos 18 minutos.

Na volta do intervalo, o Tricolor começou muito bem e parecia que o clube diminuiria o resultado. O atacante Riquelme foi o mais acionado. Primeiro tentou de cabeça, mas Luis defendeu. Com 15′, ele chegou livre na área, mas Henrique cortou na hora H para salvar o Penedense.

Aos 21 minutos, veio o lance que matou o confronto. Joanderson fez uma linda jogada. A bola passou por Polinho, chegou em Jonathan, que devolveu para Joanderson, invadindo a grande área e estufando as redes tricolores pela terceira vez. O último gol praticamente desmotivou o Dínamo em campo, que pouco fez e segurou lá atrás para não sofrer mais. Aos 48, veio o apito final, que decretou a grande vitória do Penedense.

Calendário

As duas equipes já entram em campo nesta quarta-feira (18) e no mesmo horário, às 15 horas. O Penedense joga em casa novamente, no Alfredo Leahy, contra o Zumbi. Já o Dínamo recebe o Miguelense, no Estádio Ferreirão, em São Miguel dos Campos.

CEO E FF SPORT

Na outra partida, CEO e FF Sport Nova Cruz também fizeram suas estreias na 2ª divisão do Alagoano. Jogando no Estádio Edson Matías, em Olho d’Água das Flores, os clubes tiveram um confronto equilibrado, mas os donos da casa aproveitaram as melhores oportunidades para somar uma vitória por 3 a 1. Índio, Guilherme e Pastor marcaram para o CEO, Pedro Lucas descontou para o clube pilarense.

Arivaldo MaIa e Guilherme Magalhães – Gazetaweb

 

Náutico é o novo Campeão pernambucano
   1 de maio de 2022   │     1:33  │  0

A torcida do Náutico compareceu em peso à sede dos Aflitos para comemorar a conquista do bicampeonato pernambucano – fazendo uma verdadeira “Avenida Alvirrubra” para recepcionar os jogadores. O Timbu venceu o Retrô por 1 a 0 no tempo normal, levando a decisão para os pênaltis na Arena de Pernambuco. Na marca de cal, novo triunfo: bateu o rival por 4 a 2.

Náutico conquista bicampeonato e chega ao 24º título.

A delegação alvirrubra chegou na Avenida Rosa e Silva por volta das 22h deste sábado, com direito a muita festa dos torcedores, que retornavam de carro e de ônibus da Arena.

Outros torcedores já estavam no próprio estádio, onde o clube organizou um telão para quem não pôde ir ao estádio em São Lourenço da Mata.

Arivaldo Maia com Redação do ge – Recife

CRB conquista o 32º título alagoano; confira o ranking dos campeões do estado
   17 de abril de 2022   │     23:00  │  0

Gilvan e Gum posam para foto com a taça do Campeonato Alagoano — Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas

Gilvan e Gum posam para foto com a taça do Campeonato Alagoano — (Foto: AILTON CRUZ/Gazeta de Alagoas)

Galo levanta a taça depois de vencer o ASA por 2 a 0.

O CRB aumentou a sua galeria de troféus. Em Arapiraca, venceu o ASA por 2 a 0, gols de Anselmo Ramon e Gum, e foi campeão alagoano pela 32ª vez.

Nas finais, o time foi soberano. Ganhou do ASA por 2 a 1 no Rei Pelé e, mesmo com a vantagem do empate, fez mais: bateu o rival também em Arapiraca e mostrou sua força.

Década vermelha

Em dez anos, este é o sétimo título estadual conquistado pelo CRB. O time levantou ainda a taça em 2012, 2013, 2015, 2016, 2017 e 2020.

Só com o técnico Marcelo Cabo, ganhou neste ano e também em 2020.

Ranking de títulos alagoanos

1º – CSA (40 títulos) – 1928, 1929, 1933, 1935, 1936, 1941, 1942, 1944, 1949, 1952, 1955, 1956, 1957, 1958, 1960, 1963, 1965, 1966, 1967, 1968, 1971, 1974, 1975, 1980, 1981, 1982, 1984, 1985, 1988, 1990, 1991, 1994, 1996, 1997, 1998, 1999, 2008, 2018, 2019 e 2021.

2º – CRB (32 títulos) – 1927, 1930, 1937, 1938, 1939, 1940, 1950, 1951, 1961, 1964, 1969, 1970, 1972, 1973, 1976, 1977, 1978, 1979, 1983, 1986, 1987, 1992, 1993, 1995, 2002, 2012, 2013, 2015, 2016, 2017, 2020 e 2022.

3º – ASA (7 títulos) – 1953, 2000, 2001, 2003, 2005, 2009 e 2011

4º – Coruripe (3 títulos) – 2006, 2007 e 2014

Capelense (3 títulos) – 1959, 1962 e 1989

5º – Santa Cruz (2 títulos) – 1945 e 1948

6º – Ferroviário (1 título) – 1954

Corinthians-AL (1 título) – 2004

Barroso (1 título) – 1946

Alexandria (1 título) -1947

Murici (1 título) – 2010

Arivaldo Maia com Redação do ge- Alagoas

CRB campeão arma esquema sem retranca, mas, impedindo o ASA de jogar
   14 de abril de 2022   │     7:00  │  0

Presidente do CRB, Mário Marroquim ergue a taça ao lado do técnico Marcelo Cabo

Presidente do CRB, Mário Marroquim ergue a taça ao lado do técnico Marcelo Cabo – (Foto: AILTON CRUZ/Gazeta de Alagoas)

CRB vence o ASA em Arapiraca e conquista a sua 32ª taça do Alagoano.

O Galo é campeão!

O CRB conquistou seu 32ª título do Campeonato Alagoano. Ontem, foi a Arapiraca, chamou a responsabilidade no clássico contra o ASA e venceu por 2 a 0, gols do centroavante Anselmo Ramon e do zagueiro Gum. Tudo no segundo tempo. Nas finais, o Galo mostrou a força de seu elenco e derrotou o rival duas vezes, dentro e fora de casa, e fez 4 a 1 no placar agregado. A festa vermelha começou em Arapiraca, por volta das 22 horas e logo se espalhou por Alagoas.

Segundo título, Marcelo!

O técnico Marcelo Cabo conquista o segundo Campeonato Alagoano pelo CRB. Em 2020, ele também comandou o time na campanha da taça. Neste ano, chegou em fevereiro, fez ajustes na equipe ao longo da competição e sai de Arapiraca com um troféu importante para a sua carreira, exibindo no duelo final a sua capacidade de nautralizar o adversário. demonstrando sua capacidade como técnico.

Anselmo, o definidor

O centroavante Anselmo Ramon terminou o estadual como o artilheiro do CRB, com quatro gols. Foi decisivo. Ele marcou na semifinal, quando o time venceu o CSA por 1 a 0, e também na finalíssima contra o ASA.

Gols de zagueiros

Gilvan e Gum posam para foto com a taça do Campeonato Alagoano

Gilvan e Gum posam para foto com a taça do Campeonato Alagoano (Foto: AILTON CRUZ/Gazeta de Alagoas)

Os zagueiros Gilvan e Gum tiveram um papel fundamental na decisão contra o ASA. Foram protagonistas até no ataque. Gilvan marcou no finalizinho do primeiro jogo do mata-mata, no Rei Pelé, e Gum completou o serviço ontem, em Arapiraca, fazendo o segundo gol do CRB. No fim, os dois posaram para a foto com a taça.

Quem é quem?

Pôster do CRB: decisão do Campeonato Alagoano

Pôster do CRB: decisão do Campeonato Alagoano (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

Em pé: Diogo Silva, Gum, Anselmo Ramon, Gilvan e Yago; agachados: Guilherme Romão, Vico, Claudinei, Richard, Raul Prata e Rafael Longuine.

Premiação

Com o título, o CRB garantiu a presença na fase de grupos da Copa do Nordeste de 2023 e também um lugar na Copa do Brasil do próximo ano. Recebeu ainda da Federação Alagoana um prêmio de R$ 100 mil.

Com o segundo lugar, o ASA está também confirmado na Copa do Brasil de 2023 e na seletiva da Copa do Nordeste.

Arivaldo Maia com Redação do ge – Alagoas