Category Archives: Boxe

Minotouro será comentarista no retorno de Mike Tyson
   26 de novembro de 2020   │     14:00  │  0

Rogério Minotouro ministra workshop gratuito para empreendedores em Curitiba; saiba como participarRogério Minotouro será o comentarista na luta Mike Tyson x Roy Jones pelo canal Combate (Foto: Mark Twain / reprodução)

Após alguns meses de espera e negociações, os fãs de Mike Tyson poderão acompanhar o retorno da lenda no próximo sábado (28), em Los Angeles, nos Estados Unidos. No auge de seus 54 anos, o americano vai enfrentar Roy Jones Jr, de 51, em duelo que tem previsão para durar até oito rounds. Tyson e Jones prometem dar o melhor para promover um embate de alto nível aos admiradores da Nobre Arte.

Diferente de Mike Tyson, que não luta desde 2005, quando acabou derrotado por Kevin McBride via nocaute, Roy Jones Jr subiu pela última vez no ringue em fevereiro de 2018, superando Scott Sigmon por decisão unânime dos juízes. Enquanto “Iron Mike” tem um cartel de 50 vitórias (44 nocautes) em 58 lutas como profissional, Jones soma 66 triunfos (47 nocautes) em 75 combates em sua trajetória no Boxe.

Grande nome da história do MMA mundial, com lutas marcantes em sua trajetória no Pride e no UFC, Rogério Minotouro também construiu uma carreira vencedora no Boxe, sendo medalhista de bronze na disputa dos Jogos Pan-Americanos de 2007, no Rio de Janeiro, alem de campeão brasileiro e sul americano. Convidado para ser o comentarista DA LUTA entre Mike Tyson e Roy Jones Jr no Combate, que vai transmitir ao vivo com exclusividade, Minotouro falou sobre a expectativa para o retorno de Tyson e fez uma breve análise sobre o que espera para o aguardado confronto.

“É muito importante, para mim, comentar essa luta. Na minha infância, logo que comecei a pensar em ser lutador, com 12/13 anos, eu acordava de madrugada para ver as lutas do Mike Tyson. É um dos maiores nomes de todos os tempos no Boxe, junto com o Muhammad Ali. Em compensação, o Roy Jones Jr. é um cara muito técnico, é um ídolo meu, assim como do meu irmão, Rodrigo Minotauro, e do Anderson Silva. São dois estilos diferentes. O Jones joga com a guarda baixa, tem um bom jogo de pernas, esquivas, tem um ótimo jab, enquanto o Tyson encurta a distância, aplica bons uppers, cruzados e golpes na curta distância, além de ser um grande nocauteador. Na verdade, são dois grandes nocauteadores, mas o Tyson tem a mão mais pesada.

O Combate vai transmitir ao vivo com exclusividade a volta de Mike Tyson aos ringues. Os assinantes do canal vão acompanhar a DISPUTA contra o americano Roy Jones Jr., além de outras quatro lutas. A TV Globo exibi a reprise da luta na madrugada de sábado para domingo, após o Supercine.

Blog com LANCE

Mike Tyson fala sobre luta exibição com Roy Jones Jr.
   31 de outubro de 2020   │     1:30  │  0

Mike e Roy Jones se enfrentarão no dia 28 de novembro (Foto: Reprodução/ infobae)

A luta exibição entre Mike Tyson e Roy Jones Jr. ganhou um tempero. Já aconteceu a primeira coletiva de imprensa do evento marcado para o dia 28 de novembro, no Staples Center, em Los Angeles, e os dois lutadores afirmaram que irão se apresentar de verdade, nada de “show”. “O último cara que fez uma ‘exibição’ com Mike foi eliminado no primeiro round. Isso é uma exibição? Vamos!”, brincou Roy.

Ao falar sobre o trabalho com o treinador brasileiro, Rafael Cordeiro, Tyson garantiu que está pronto. “Estou muito feliz em tê-lo, tem uma ideia tão grandiosa, é um ganhador. É um grande homem, tenho uma grande equipe com membros de família, é uma energia familiar. Estamos prontos para a guerra”, disse.

Desde que anunciou seu retorno aos ringues depois de 15 anos parado, Mike Tyson surpreendeu a todos ao revelar que saiu dos 131 kg para os 100 kg e está em sua melhor fase desde a estreia no boxe, em 1985.

“A última vez que tive esse peso foi aos 17 ou 18 anos. Estou muito feliz com tudo que está acontecendo, se trata de confiança e autoafirmação. É incrível, estou pronto para fazer isso. Não posso explicar em palavras”, comemorou. “Você tem Mike Tyson e Roy Jones Jr. em uma luta e você verá uma luta, é tudo o que precisam saber”, completou Mike.

Após as declarações, o chefe da Comissão Atlética do Estado da Califórnia, Andy Foster, disse que mesmo com a empolgação, os lutadores serão “fáceis” um com o outro. “Esta não é uma situação em que eles vão tentar arrancar a cabeça um do outro. Eles apenas estarão lá se movendo ao redor do ringue e deixando os fãs veem essas lendas”. O evento exibição tem como objetivo arrecadar dinheiro para pessoas sem teto. No Brasil será transmitido pelo Canal Combate.

Blog com Jovem Pan

Aos 47 anos, De La Hoya anuncia retorno aos ringues
   27 de agosto de 2020   │     19:00  │  0

Oscar de La Hoya quer voltar a lutar aos 47 anos - Ethan Miller/Getty Images

 

Oscar de La Hoya quer voltar a lutar aos 47 anos (Imagem: Ethan Miller/Getty Images)

Confirmado. Mike Tyson não será o único boxeador aposentado a retornar aos ringues. Em entrevista ao jornalista Steve Kim, da ESPN, Oscar De La Hoya, de 47 anos, disse que vai retomar a carreira após pendurar as luvas há 12 anos. Mas, ao contrário de Tyson x Jones, previsto para uma exibição em 28 de novembro, o “Golden Boy” planeja lutar de forma oficial.

“Os rumores são verdadeiros e vou começar a fazer sparring nas próximas semanas”, disse De La Hoya. “É uma luta de verdade. Tenho saudades de estar no ringue, adoro boxe. O boxe é o que me deu tudo o que tenho hoje e sinto falta disso”.

Campeão olímpico nos Jogos de Barcelona-1992, De La Hoya é apontado como um dos melhores da história e é dono de um cartel de 39 vitórias (30 nocautes) e seis derrotas. Somou cinturões em seis categorias de peso.

O plano do ex-campeão é lutar entre os médios-ligeiros ou médios (154 ou 160 libras). “Olha, minha última luta com Pacquiao, eu pesava 145 e obviamente isso era pouco para mim”, disse De La Hoya, que não indicou nenhum rival. “Todos esses lutadores não estão no nível de 15, 20 anos (atrás), todos esses lutadores estão exigindo tanto dinheiro, todos esses lutadores estão exigindo a lua. E eles estão esquecendo que você tem que treinar forte, tem que trabalhar É uma grande vantagem para mim porque eu sei o que é preciso para treinar forte, eu sei treinar de forma inteligente, eu sei como lutar com inteligência no ringue”.

De La Hoya demonstra confiança. “Esses caras estão nisso só pelo dinheiro. Essa será a grande diferença. Vou lutar pela glória e esses caras só lutam pelo dinheiro. E adivinhe? A glória sempre vencerá”, completou.

Em julho, De La Hoya disse a Chris Mannix, da Sports Illustrated, que corria seis milhas por dia (10 quilômetros) e podia suportar seis rounds de “luta pesada”. Seu objetivo é chegar a 12 rounds de sparring até setembro, com a missão de retornar aos ringues no início de 2021.

Blog com ISTOÉ

Aos 54 anos Mike Tyson retorna aos ringues
   26 de julho de 2020   │     22:30  │  0

Mike Tyson anuncia volta aos ringues contra Roy Jones Jr. em luta de exibiçãoMike Tyson anuncia volta aos ringues contra Roy Jones Jr. em luta de exibição – GettyImages

O ex-campeão mundial dos pesos pesados ​​Mike Tyson retornará aos ringues no dia 12 de setembro, oportunidade na qual enfrentará o campeão mundial de quatro divisões Roy Jones Jr em uma luta de exibição, informou a plataforma Triller.

A luta de oito rounds fará parte de um evento de pay-per-view de três horas mostrado pela Triller, que também obteve direitos de transmissão para uma série de 10 episódios com cenas da preparação dos lutadores e dos bastidores.

Tyson, que tem 54 anos, provocou os fãs sobre um possível retorno ao ringue em maio ao postar vídeos de seus treinos.

Um vídeo mostrou Tyson, o primeiro peso pesado a manter os títulos da Associação Mundial de Boxe, do Conselho Mundial de Boxe e da Federação Internacional de Boxe, treinando com intensidade e força antes de falar a mensagem “estou de volta”.

Tyson disse que estava interessado em voltar ao ringue para arrecadar dinheiro para caridade. A partir daí potenciais adversários imediatamente começaram a se apresentar para um combate com o lutador.

O antigo rival Evander Holyfield e o ex-jogador de rugby neozelandês Sonny Bill Williams estavam entre os possíveis candidatos antes da escolha de Jones Jr.

Jones Jr, 51 anos, que detém simultaneamente um recorde de sete cinturões, lutou pela última vez em 2018.

Tyson se tornou o campeão dos pesos pesados mais jovem da história, após derrotar Trevor Berbick em 1986 aos 20 anos. Ele venceu 50 de suas 58 lutas profissionais antes de se aposentar em 2005, após uma derrota para Kevin McBride.

Blog e Agência Brasil

Jon Jones aceita desafio de Mike Tyson
   24 de junho de 2020   │     0:02  │  0

Enquanto não anuncia quando e contra quem irá lutar em seu retorno ao boxe, Mike Tyson segue sendo o centro das atenções e alvo de desafios. Mas, desta vez, quem tratou de levantar uma polêmica foi o próprio ex-campeão mundial da nobre arte.

Jon Jones — Foto: Evelyn Rodrigues

Jon Jones — Foto: Evelyn Rodrigues

Em uma live nas redes sociais, o americano mandou um recado para Jon Jones, que recentemente andou reclamando sobre as bolsas recebidas no UFC.

Tyrson respondeu:

– Veja bem, o UFC é mais popular que o boxe, certo? Mais audiência, certo? Mas um lutador do UFC nunca vai ser mais rico do que um lutador de primeira classe. Para fazer US$ 100 milhões, Conor McGregor teve que lutar com Floyd Mayweather. Jon Jones tem que lutar comigo se ele quiser fazer dinheiro de verdade.

Blog com Globo Esporte