Category Archives: automobilismo

Jaguar demite Nelsinho Piquet após início ruim na temporada
   11 de abril de 2019   │     0:04  │  0

O brasileiro Nelsinho Piquet acertou sua saída amigavelmente e não é mais piloto da Jaguar (Foto: Instagram/Reprodução)

A Jaguar anunciou a saída de Nelsinho Piquet, que conquistou apenas um ponto na atual temporada da Fórmula E. “Depois de 18 corridas na Jaguar, Piquet e a equipe acordaram em rescindir o contrato com efeito imediato. Desejamos o melhor para Nelson no futuro e agradecemos pela contribuição”, afirmou a equipe, em nota.

Filho do tricampeão de Fórmula 1 Nelson Piquet, o piloto de 33 anos disputou seis corridas no ano e teve o 10° lugar na Arábia Saudita como melhor resultado. Primeiro campeão da Fórmula E, na temporada 2014-15, Nelsinho  não terminou as últimas três corridas.

A equipe já anunciou o britânico Alex Lynn, de 26 anos, como substituto. A próxima etapa da categoria será no dia 13 de abril, em Roma, na Itália.

Blog com Veja

50 anos de Schumacher: família diz que faz ‘tudo humanamente possível’ para ajudá-lo
   3 de janeiro de 2019   │     0:03  │  0

La esposa de Michael Schumacher compró una lujosa mansión en España.

 

Hoje, data do aniversário de 50 anos de Michael Schumacher, (foto acima com sua esposa/Divulgação), a família do ex-piloto divulgou um comunicado sobre o estado de saúde do alemão. Em nota, Corinna Schumacher, mulher do heptacampeão da Fórmula 1, afirma que ele está nas melhores mãos e todos fazem tudo “humanamente possível” para ajudá-lo.

“Vocês podem ter certeza de que ele está em boas mãos e estamos fazendo tudo o que é possível para ajudá-lo. Por favor, entendam se seguirmos os desejos de Michael e deixarmos um assunto tão sensível como é a saúde na privacidade. Ao mesmo tempo, agradecemos o companheirismo e desejamos um feliz e saudável ano de 2019”, diz o comunicado oficial compartilhado pelo Facebook.

Ainda na nota, a família anunciou que um museu virtual e um aplicativo para celular serão lançados com todas as informações e estatísticas sobre o alemão na F-1.

Michael Schumacher sofreu um acidente de esqui há cinco anos, no Alpes Franceses, na cidade de Méribel. O ex-piloto bateu com a cabeça em uma rocha, esteve em coma durante meses e, deste então, a família mantém informações limitadas sobre o seu real estado de saúde.

Blog e EXTRA

Schumacher vai receber série de homenagens da F-1 e ex-equipes pelo aniversário de 50 anos
   29 de dezembro de 2018   │     0:02  │  0

Michael Schumacher em entrevista inéditaMichael Schumacher em entrevista inédita (Foto: Divulgaçaõ / Site Michael Schumacher)

LONDRES – O maior vencedor da Fórmula 1, Michael Schumacher está próximo de completar 50 anos. O aniversário do heptacampeão será no dia 3 de janeiro de 2019. Prestes a completar cinco anos do seu grave acidente de esqui, ocorrido em 29 de dezembro de 2013, o alemão receberá homenagens especiais da categoria e de antigas escuderias.

O foco da F-1 será destacar a carreira e o talento notáveis de um homem cuja fama ultrapassou as pistas e, que conquistou uma legião de fãs nos anos 1990 e nos primeiros anos deste século.

O museu da Ferrari em Maranello, na Itália, está planejando uma exibição especial que será inaugurada no aniversário de Schumacher e durará alguns meses, “tanto como uma celebração quanto um sinal de gratidão ao piloto mais bem-sucedido de toda a história do Cavalo Empinado”.

A Mercedes, última equipe pela qual o alemão correu na F-1 antes de se aposentar em 2012, exibirá alguns de seus carros em seu museu em Stuttgart.

A empresa que administra a F-1 também dedicará uma semana a Schumacher em suas redes sociais, incluindo entrevistas exclusivas com muitos daqueles que fizeram parte da história do piloto alemão.

“Vamos comemorar o aniversário de Michael”, disse um porta-voz.

Blog com EXTRA

Schumacher não está mais respirando por aparelhos
   17 de dezembro de 2018   │     17:41  │  0

O ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher (Foto: Getty Images)

O heptacampeão mundial de Fórmula 1 Michael Schumacher não necessita mais do auxílio de aparelhos para respirar e também não passa mais 100% de seu tempo acamado. As informações foram divulgadas pelo jornal britânico Daily Mail, a partir de investigações da revista alemã Bravo.

As publicações não esclarecem se o ex-piloto alemão deixou o estado vegetativo no qual se encontrava desde o acidente sofrido por ele enquanto praticava esqui com o filho nos Alpes franceses em dezembro de 2013, mas a remoção dos aparelhos e sua saída da cama seriam sinônimo de melhorias no estado de saúde do atleta.

Além dos avanços, a imprensa internacional noticia que a família de Schumacher estaria cogitando retirá-lo da clínica suíça na qual ele está internado, com custo semanal equivalente a mais de R$ 246 mil reais. A intenção dos familiares do heptacampeão seria levá-lo a uma clínica especializada no tratamento de danos cerebrais localizada na cidade de Dallas, no estado norte-americano do Texas.

“Temos muita experiência com pacientes com esse tipo de trauma e provavelmente não há nenhuma clínica na Europa com tantos casos como nós”, afirmou o diretor da clínica Mark Weeks, à revista alemã. As informações sobre a melhoria no estado de saúde do ex-automobilista ocorrem apenas algumas semanas após o arcebispo alemão Georg Gänswein tornar pública uma visita feita por ele à clínica na qual Schumacher está internado. O padre afirmou que ex-atleta “sente o amor das pessoas ao redor dele”.

“Eu sentei em frente e a ele, segurei as duas mãos dele e olhei nos olhos dele”, contou o arcebispo em entrevista ao jornal alemão Bild. “É óbvio que incluo Michael Schumacher e a família dele nas minhas orações”, disse.

Blog com Globoesporte

Michael Schumacher elege Senna como ídolo em entrevista inédita
   26 de novembro de 2018   │     0:02  │  0

Resultado de imagem para schumacher

 

A família do alemão Michael Schumacher, (foto acima/Autoracing), divulgou uma entrevista inédita do ex-piloto da Ferrari, realizada em 2013, ano em que ele sofreu um acidente de esqui que o deixou com graves lesões cerebrais. Na ocasião, o heptacampeão da Fórmula 1 elegeu o brasileiro Ayrton Senna como um de seus ídolos do automobilismo.

“Na minha época de Kart, na infância, eu acompanhava muito o Ayrton Senna e o Vincenzo Sospiri (ex-piloto italiano que teve curta passagem na Fórmula 1). Eu os admirava muito porque eram grandes pilotos. Meu maior ídolo, no entanto, era Toni Schumacher (ex-jogador e técnico da seleção alemã), porque ele era um ótimo jogador de futebol”, revelou o piloto.

Schumacher também contou que o piloto que ele mais respeitava na Fórmula 1 era o finlandês Mika Häkkinen, bicampeão da categoria e rival do alemão, com quem protagonizou ‘grandes batalhas’. Campeão pela primeira vez em 1994, pela Benetton, Schumacher garantiu que o título mais emocionante de sua carreira foi em 2000, com a Ferrari.

“O título mais emocionante foi em Suzuka (Japão), em 2000, com a Ferrari. Eram 21 anos sem título para a Ferrari e para mim eram quatro anos tentando sem conseguir. Vencemos em Suzuka em uma corrida excepcional e conquistamos o grande título”, finalizou Schumacher.

Blob com Veja