Category Archives: automobilismo

GP da França: Verstappen passa Hamilton na penúltima volta e vence
   21 de junho de 2021   │     14:00  │  0

Lewis Hamilton, Max Verstappen e Sergio Pérez no pódio do GP da França  — Foto: Nicolas Tucat - Pool/Getty Images

Lewis Hamilton, Max Verstappen e Sergio Pérez no pódio do GP da França — (Foto: Nicolas Tucat – Pool/Getty Images)

Holandês chegou a perder liderança na largada, mas encurralou Mercedes com estratégia de duas paradas e faturou terceira vitória do campeonato; Hamilton e Pérez completam pódio.

Depois de perder a liderança por um erro na largada, Max Verstappen conseguiu se recuperar para vencer o GP da França e garantir seu terceiro triunfo no campeonato 2021 da Fórmula 1. Parando duas vezes, o holandês da RBR ultrapassou Lewis Hamilton a duas voltas para o fim da prova, sem chance de defesa para o heptacampeão. Sergio Pérez, companheiro de Verstappen, deixou Valtteri Bottas para trás no antepenúltimo giro para garantir a terceira colocação, completando o pódio.

Largando da pole position, Verstappen errou na curva 2 e saiu da pista. Em segundo, Hamilton deu o bote, assumindo a liderança e abrindo uma vantagem confortável sobre o rival até a primeira rodada de pit stops. Na troca dos pneus médios pelos duros, o britânico não conseguiu voltar para a pista na frente do piloto da RBR e viu o holandês virar o jogo – tomando a segunda colocação e voltando para a ponta quando Pérez parou.

Uma segunda parada da RBR na metade final da prova colocou a Mercedes em uma situação complicada, apesar de devolver a liderança para Hamilton. Com pneus médios, Verstappen caiu para terceiro, mas não demorou a passar Pérez e posteriormente Bottas, encurralando o britânico – com pneus duros mais gastos e sem tempo para outra troca. Reduzindo a desvantagem a cada volta, Max conseguiu usar a asa móvel a dois giros pro fim da prova e segurou o rival até a bandeirada.

Verstappen ampliou a vantagem sobre Hamilton no campeonato de pilotos, somando 131 pontos contra 119 do rival, 12 a mais. Pérez assegurou sua permanência na terceira colocação, com 84 pontos – oito a mais que Lando Norris, em quarto. Bottas fecha as cinco primeiras posições, com 59. No Mundial de Equipes, a RBR, também líder, aumentou a diferença sobre a vice-líder Mercedes de 26 para 37 pontos, anotando 215 pontos. Com o quinto e sexto lugares de Lando Norris e Daniel Ricciardo, a McLaren reassumiu o terceiro lugar no campeonato, superando a Ferrari.

A oitava etapa da temporada 2021 da Fórmula 1 será o GP da Estíria no Circuito de Spielberg, no próximo domingo, 27.

Blog com Redação do ge – Le Castellet, França

Fórmula 1 cancela GP da Turquia devido à pandemia da Covid-19 e anuncia mudança no calendário
   16 de maio de 2021   │     17:00  │  0

GP da Turquia foi cancelado devido ao novo coronavírus – (Foto: Reprodução/Fórmula1.com)

F1 alegou que o cancelamento foi determinado após as autoridades do Reino Unido criarem a imposição de quarentena de 14 dias para os viajantes da Turquia.

A Fórmula 1 informou na última sexta-feira, 14, que o Grande Prêmio da Turquia, marcado para o fim de semana de 12 e 13 de junho, não foi realizado devido às restrições que o país sofreu pela pandemia da Covid-19. Desta forma, com o intuito de manter as 23 corridas na temporada 2021, a organização anunciou que a Áustria sediará duas corridas novamente, como foi em 2020. Em comunicado oficial, a F1 alegou que o cancelamento foi determinado após as autoridades do Reino Unido criarem a imposição de quarentena de 14 dias para os viajantes da Turquia, que viu os números de infectados e mortos pelo novo coronavírus aumentarem consideravelmente nas últimas semanas.

Assim, com o cancelamento da etapa turca, o GP da França será antecipado em uma semana (do dia 27 para o dia 20 de junho), e o circuito de Spielberg passa a receber rodada dupla, com o GP da Estíria em 27 de junho e o GP da Áustria em sua data original, 4 de julho. “Estávamos ansiosos para correr na Turquia, mas as restrições de viagem no local significam que não poderemos estar lá. A Fórmula 1 mostrou novamente que é capaz de reagir rapidamente aos acontecimentos e encontrar soluções, e estamos felizes porque teremos uma rodada dupla na Áustria, o que significa que nossa temporada permanece com 23 corridas. Quero agradecer aos promotores e autoridades da Turquia por todo os esforços, e aos promotores da França e Áustria por sua rapidez, flexibilidade e entusiasmo em acomodar essa solução”, disse o CEO da categoria, Stefano Domenicali.

Blog com Jovem Pan

 

Cristiano Ronaldo compra um Monza de mais de R$ 10 milhões – mas não o da Chevrolet
   15 de maio de 2021   │     13:30  │  0

Cristiano Ronaldo compra um Monza de mais de R$ 10 milhões – mas não o da Chevrolet

Ronaldo ao lado de sua nova joia que vai enriquecer sua coleção – (Foto: Reprodução/Instagram)

Jogador da Juventus adiciona mais uma Ferrari à sua coleção de supercarros.

Cristiano Ronaldo tem um jeito para lá de peculiar de lidar com uma derrota acachapante dentro de campo. Após seu time, a Juventus, perder de 3 a 0 para o arquirrival Milan, no último final de semana, o jogador foi até Maranello (Itália) visitar a fábrica da Ferrari. E não saiu de lá de mãos abanando.

Além de encontrar os pilotos oficiais da marca na Fórmula 1, o espanhol Carlos Sainz Jr. e o monegasco Charles Leclerc, o astro português comprou uma nova Ferrari, mas não quis saber do último lançamento, a 812 Competizione. Ronaldo levou uma clássica Monza (não o da Chevrolet, mas sim um modelo avaliado em 1,6 milhão de euros), segundo publicação do site italiano Calcio Mercato. Resta saber se é a SP1 ou a SP2…]

Cristiano é dono de uma coleção invejável de supercarros, com direito a Bugatti, Lamborghini, Mercedes-Benz, Porsche e também Ferrari, um 812tdF. Vale ainda lembrar que, quando defendia o Manchester United (Inglaterra), CR7 destruiu sua Ferrari 599 GTB dentro de um túnel.

CR7 posou com Leclerc, Sainz Jr. e trabalhadores da fábrica, além de distribuir camisas autografadas da Juve. O jogador deve ter personalizado seu carro de acordo com os gostos pessoais, já que apenas 499 unidades do esportivo estarão rodando pelo mundo. E não é qualquer pessoa que pode ter um dos modelos na garagem.

A própria marca seleciona os clientes que podem comprá-los, pelo critério de fidelidade à marca. Ninguém pode comprar mais de um modelo ou um modelo de cada. Alguns proprietários famosos são conhecidos, como o também jogador Ibrahimovic e o chefe de cozinha britânico Gordon Ramsay.

A Monza SP1 ou SP2 é equipada com um motor V12 aspirado 6.5 litros que entrega 810 cv – 10 cv a mais que a 812 Superfast – e brutais 71,3 kgfm. O 0 a 100 km/h é feito em apenas 2,9 segundos, o 0 a 200 km/h em 7,9 segundos e a velocidade máxima não é divulgada, mas a marca diz que está acima de 300 km/h. Elas só diferem na capacidade de carregar ocupantes: um (SP1) ou dois (SP2).

Blog com Raphael Panaro/ge.globo

Fórmula 1 oficializa entrada do GP de Miami no calendário de 2022
   19 de abril de 2021   │     10:15  │  0

GP de Miami fará parte do calendário de F1 a partir de 2022

GP de Miami fará parte do calendário de F1 a partir de 2022 – (

A Fórmula 1 anunciou ontem que o GP de Miami fará parte do calendário 2022 da categoria. Há alguns anos, a Liberty Media buscava incluir um segundo circuito nos Estados Unidos no calendário. Desde 2012, na parte final da temporada, o Circuito das Américas, em Austin, no Texas, recebe a prova em território norte-americano. Caso o cenário não evoluísse com a cidade da Flórida, Indianápolis, Los Angeles e New Jersey estavam no radar dos organizadores.

O contrato com o novo circuito é valido por 10 anos e conseguiu superar a contrariedade de moradores da região de Miami Gardens, que fica 25 quilômetros ao norte de Miami e receberá a prova. Membros de grupos ativistas da cidade alegam que a corrida causará problemas com poluição atmosférica e sonora, além de prejudicar o trânsito local. Por isso, o traçado da prova foi modificado diversas vezes até que ficasse localizado em uma região melhor. O horário da prova e dos treinos também foi alvo de críticas e deve se ajustar para atender aos interesses locais. O início dos eventos não pode coincidir com horário escolar e deve se encerrar antes do pôr do sol.

A prova será realizada no entorno do Hard Rock Stadium, casa do Miami Dolphins, equipe de futebol americano da NFL. O traçado terá 5,41 quilômetros, contando com 19 curvas e três retas onde poderá ser liberado o uso do DRS (abertura da asa traseira). Estima-se que a velocidade máxima a ser alcançada será de 320 km/h.

“Somos gratos aos nossos fãs, às autoridades de Miami Gardens e à indústria do turismo local por sua paciência e apoio durante todo este processo. Estamos ansiosos para trazer o maior espetáculo de corrida do planeta para Miami pela primeira vez na história do nosso esporte. Estaremos trabalhando em estreita colaboração com a equipe do Hard Rock Stadium e da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) para garantir que o circuito ofereça corridas sensacionais, mas também deixe uma contribuição positiva e duradoura para as pessoas da comunidade local”, afirmou Stefano Domenicali, CEO da F-1.

Para chegar a um acordo para a liberação da prova, o novo prefeito de Miami Gardens, Rodney Harris, e Stephen Ross, bilionário dono do Miami Dolphins, aprovaram investimento na cidade de US$ 5 milhões (cerca de R$ 28,5 milhões) ao longo dos próximos dez anos. Haverá também um programa de descontos para moradores, prioridade para empresas locais e oferecimento de cursos e estágios para moradores em algumas áreas de especialização, como engenharia, ciência e tecnologia.

Anteriormente, Riverside, Sebring, Watkins Glen, Phoenix, Detroit, Dallas, Las Vegas, Long Beach e Indianápolis receberam corridas nos Estados Unidos. Em 1983, por exemplo, foram três provas no país. Para 2021, 23 corridas estão programadas para a temporada. A Fórmula 1 entende haver espaço no calendário para até 25 provas. Marrocos e África do Sul são os próximos alvos da categoria, que busca ampliar sua presença em outros continentes.

Blog com o CORREIO DO POVO/RS

GP da Emilia-Romagna: Hamilton desbanca RBR e fatura a pole em Imola
   17 de abril de 2021   │     22:20  │  0

Lewis Hamilton conquistou a pole position em Imola — Foto: Bryn Lennon / Getty Images

Lewis Hamilton conquistou a pole position em Imola — (Foto: Bryn Lennon / Getty Images)

Heptacampeão da Mercedes supera dupla da equipe austríaca para conquistar sua 99ª pole da carreira na F1 e ampliar recorde histórico; Bottas amarga oitavo lugar no grid.

Lewis Hamilton vai largar na primeira posição do GP da Emilia-Romagna, em Imola, na Itália. Neste sábado, o heptacampeão da Fórmula 1 conquistou sua primeira pole position da temporada e a 99ª da carreira, aumentando seu recorde. O britânico da Mercedes deixou para trás os carros da RBR. Sergio Pérez foi o segundo colocado, seguido de Max Verstappen.

Charles Leclerc completou a segunda fila do grid, enquanto Pierry Gasly e Daniel Ricciardo estão na terceira fila. Lando Norris chegou a figurar na segunda posição no fim do Q3, mas teve seu tempo deletado por ter ultrapassado o limite da pista e vai largar na sétima posição, com Valtteri Bottas ao seu lado.

O GP da Emilia-Romagna de Fórmula 1 começa às 10h (de Brasília) deste domingo.

Blog com Redação ge — Imola, Itália