Category Archives: Árbitros

Palmeiras sugere reunião de clubes para acertar o ‘VAR’
   13 de agosto de 2019   │     15:00  │  0

Resultado de imagem para VAR no Palmeiras

 

O desempenho do VAR no futebol brasileiro foi um dos assuntos tratados por Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, ontem, em visita à sede da CBF, no Rio de Janeiro. Em encontro com Leonardo Gaciba, chefe da arbitragem da entidade, o dirigente do Verdão sugeriu uma reunião com os clubes para se discutir a utilização do árbitro de vídeo.

De acordo com pessoas do clube alviverde, a viagem do presidente já estava agendada antes das polêmicas de arbitragem durante o empate em 2 a 2 entre Palmeiras e Bahia, no último domingo, na arena. Como publicou o Uol, os palmeirenses têm a ideia de criar um debate no fim do primeiro turno do Brasileirão sobre o desempenho do árbitro de vídeo, além de discutir entre os clubes possíveis correções de procedimento do VAR.

Galiotte sempre foi defensor público do uso do VAR no futebol brasileiro. O Verdão liderou campanha pelo uso da tecnologia no esporte, principalmente após a polêmica do clube com a FPF na final do Campeonato Paulista de 2018, quando os palmeirenses reclamaram no Tribunal de interferência externa na anulação de uma penalidade.

No último domingo, o Palmeiras sofreu dois gols do Bahia após marcação de penalidades com  o uso do árbitro de vídeo. Para os ex-árbitros Sandro Meira Ricci e Salvio Spinola, hoje comentaristas do Grupo Globo, a segunda marcação a favor dos baianos foi errada.

Na primeira etapa, Felipe Melo recebeu cartão vermelho após disputa pelo alto com Lucca, mas, neste caso, o VAR não foi solicitado pelo árbitro Igor Junio Benevenutto. O responsável pelo árbitro de vídeo na partida foi Ricardo Marques Ribeiro.

Blog com Globo Esporte

Rodada da Copa do Brasil teve erros nos 4 jogos
   18 de julho de 2019   │     20:00  │  3

Segundo Sandro Meira Ricci, é necessário voltar o foco ao árbitro de campo, que está sem naturalidade ou autoridade com os holofotes concentrados no VAR.

A rodada de quarta-feira da Copa do Brasil teve quatro jogos difíceis, com atuações abaixo da média.

Todos os árbitros escalados são conceituados, sendo dois deles da Fifa: Wilton Sampaio (GO), em Flamengo x Athletico-PR; e Braulio Machado (SC) no Bahia x Grêmio. E os outros dois têm experiência e capacidade de atuar em grandes jogos: Flavio de Souza (SP) no Atlético MG x Cruzeiro; e Rafael Traci no Internacional x Palmeiras.

Foram quatro erros claros em quatro jogos, sem contar os erros em que o VAR se omitiu e outros em que o VAR não pôde chamar o árbitro porque não estão previstos no protocolo.

Nunca existiu tanta polêmica no futebol brasileiro como agora, depois da implantação do VAR.

Durante a Copa América, a CBF aproveitou a parada dos campeonatos para habilitar mais árbitros de vídeo, preparando-se para os erros que ainda estão por vir, já que não existe treinamento continuado para os árbitros de campo. O foco do treinamento precisa voltar a ser o árbitro de campo! Ele precisa urgentemente voltar a apitar o jogo com naturalidade, autoridade, personalidade e comando, inclusive da cabine do VAR.

Arivaldo Maia e Sandro Meira Ricci/ Globo Esporte

Ex-árbitro detona VAR no Brasil: “É um cabide de emprego”
   9 de julho de 2019   │     0:04  │  0

 Ex-árbitro criticou forma com que árbitro de vídeo é aplicado no país (Foto: Reprodução)

 

Aprovado por unanimidade no início do ano, durante conselho técnico da Série A do Campeonato Brasileiro, o árbitro de vídeo ainda gera polêmica entre os clubes do país. Em participação no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, o ex-árbitro Alfredo Loebeling detonou a forma com que o VAR tem sido aplicado.

“O que acontece é que o protocolo de VAR da Fifa não é o nosso. O torcedor brasileiro está sendo enganado. O VAR brasileiro é um cabide de emprego. São nove pessoas dando opinião dentro de uma sala. Se nós ficarmos aqui, vendo um lance, você vai achar 35 interpretações diferentes. Você precisa ter no máximo um cara de VAR e outro assistente. Só que existem mais dois assistentes, um fiscal, um analista de protocolo. Desculpa, mas vocês estão de brincadeira”, disse.

A lentidão para a tomada de uma decisão por parte do árbitro de campo é uma das principais críticas em relação ao VAR no Brasil. O ex-árbitro falou sobre a demora e comparou com competições europeias que já adotaram o novo sistema.

“Na Europa, enquanto estão comemorando o gol, os caras estão olhando rapidamente o VAR. Aqui você espera comemorar e quando está tudo pronto para sair, demora dois, cinco minutos. O torcedor, que é o produto final aqui no Brasil, na América do Sul, está sendo feito de bobo porque ele comemora o gol, e é anulado, e ele passa a ser o bobo da vez”, concluiu Alfredo Loebeling.

O Brasileirão retorna, após a pausa para a Copa América, na próxima sexta, dia 12, com jogos da Série B. Antes, porém, as quartas de final da Copa do Brasil serão disputadas amanhã e depois.

Blog com Gazeta Press

 

Chileno Roberto Tobar apita Brasil x Peru
   5 de julho de 2019   │     17:00  │  0

Resultado de imagem para árbitro chileno Roberto Tobar

A decisão da Copa América já tem o responsável pelo apito. O árbitro chileno Roberto Tobar, (foto acima/SuperPoker), comandará a partida entre Brasil e Peru, programada para este domingo, às 17 horas (de Brasília), no Maracanã. Ele será auxiliado pelos compatriotas Christian Schiemann e Cláudio Rios, além de Julio Bascuñan, que ficará com o VAR.

O quarteto chileno é o mesmo que conduziu as quartas de final entre brasileiros e paraguaios. Na ocasião, o árbitro de vídeo ajudou o juiz de campo a rever um pênalti assinalado para o Brasil, que virou falta fora da área e culminou na expulsão de Balbuena. A partida terminou sem gols, e os donos da casa avançaram na marca da cal.

Tobar também atuou na vitória da Colômbia sobre a Argentina por 2 a 0, na estreia das duas seleções. O chileno é o árbitro mais renomado de seu país e faz parte do quadro da Fifa. Apesar disso, se envolveu em algumas polêmicas, como o “Clube do Pôquer” de 2012, esquema no qual os juízes chilenos decidiam no jogo de cartas quem conduziria cada jogo no campeonato nacional, e acusações de que ameaçava agredir jogadores durante as partidas.

A Conmebol ainda divulgou a equipe de arbitragem da disputa do terceiro lugar, entre Argentina e Chile, nesta sábado, às 16 horas, na Arena Corinthians. Mario Diaz de Vivar será o árbitro, e terá Eduardo Cardozo e Dario Gaona como assistentes, todos do Paraguai. O VAR fica por conta do peruano Diego Haro.

Blog com Terra Esportes

Árbitra brasileira recebe proposta indecente
   1 de julho de 2019   │     11:49  │  0

Fernanda Colombo

Fernanda Colombo – Reprodução Instagram

A árbitra brasileira Fernanda Colombo, que viralizou mundialmente após enganar um jogador em uma partida amistosa no Equador, usou as suas redes sociais para lamentar uma proposta indecente que recebeu por e-mail.

Na mensagem, o homem oferece cachês de R$ 7 mil para que Fernanda Colombo tenha encontros com seus clientes, que teriam entre 30 e 40 anos, e não seriam “velhos, gordos e estranhos”.

“Lamentável! Receber esse e-mail me fez sentir um lixo. Quero somente trabalhar com o que eu amo, que é futebol e jornalismo. Infelizmente esse ainda é o mundo real”, escreveu a árbitra brasileira na publicação em que expõe a proposta recebida.

Blog com O DIA