/BLOGS

Arivaldo Maia

Corinthians terá três ‘reforços’ quando voltar a treinar
   20 de abril de 2020   │     17:00  │  0

Tiago Nunes ganha o retorno de Ramiro, Danilo Avelar e Léo Santos, que estavam machucados.
 

 

O Corinthians ainda não sabe quando voltar a disputar competições ou até mesmo treinar no CT Joaquim Grava, mas uma coisa é certa: Tiago Nunes recebe três ‘reforços’ para uma sequência de trabalho.

O trio não está atrelado a nenhuma negociação. Trata-se de Ramiro, Danilo Avelar e Léo Santos. Em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, o preparador físico do clube, Michel Huff, garantiu que os três jogadores selecionados liberariam e escolheriam treinador.

“Nós temos o Ramiro, o Avelar, que é um jogador que está retornando uma lesão, teve uma pubalgia, ou o próprio Léo Santos está retornando uma lesão muito grave. Não me preocupo com esses três jogadores, porque acredito que estão sempre em um nível muito igual aos outros jogadores que não vêm treinando e vêm fazendo essas atividades em casa “, disse o profissional, que completou:

“Acreditar que são jogadores que já estavam em fase final de recuperação. O único que não participou de treinamentos da era Santos, mas que vem tendo o acompanhamento da fisioterapia neste período sem atividades. Ele vem mantendo o treinamento e tem uma boa resposta. Quando retomarmos os treinamentos, ele deve ser inserido nesse contexto ”.

Ramiro sofreu uma lesão no joelho direito durante uma partida contra a Ponte Preta, na terceira rodada do Campeonato Paulista, dia 30 de janeiro.

Danilo Avelar sentiu dores ainda durante a pré-temporada, quando foi diagnosticado com pubalgia. O lateral, que deve ser usado como zagueiro por Tiago Nunes, estreou em 2020.

Léo Santos passou por duas cirurgias. A primeira no joelho direito, em abril do ano passado, por causa de uma tendência patelar. A recuperação, em tese, custaria ao menos três meses. Em setembro, porém, uma fratura no mesmo joelho fez com que o paciente passasse por nova cirurgia.

Blog com GazetaPress

© Copyright 2000-2016 Gazeta de Alagoas Online Ltda. Todos os direitos reservados