Monthly Archives: abril 2017

Blog comenta: Polícia monta esquema habitual mesmo para jogo de torcida única
   28 de abril de 2017   │     8:08  │  2

Não é possível comparar um jogo entre CRB e CSA com apenas uma torcida, com um clássico reunindo os torcedores dos dois grandes clubes alagoanos. É uma novidade dos tempos modernos, mas, com características do ‘Tempo das Cavernas’.

Não poder reunir duas torcidas tradicionais num mesmo local é profundamente lamentável.

Apesar disso, é preciso que o policiamento estabeleça um sistema de segurança da mais alta qualidade nos dois duelos. Principalmente, no final.

Os jogos terão três resultados em cada edição: vitórias do CRB ou do CSA, além dos empates.

O CSA chega nesta decisão com autoridade de quem desbancou o ASA em Arapiraca, quebrando uma longa invencibildade do alvinegro. O Galo mantém sua posição de otimismo na conquista de mais um título diante do maior rival, depois de vencer o Murici no jogo de volta.

Portanto, o Regatas busca o tri e o CSA deseja um título que não consegue há bastante tempo. Não existe favorito no clássico. Nunca existiu e jamais existirá.

O resultado do 1º jogo vai indicar qual clube vai chegar na partida final em melhores condições de receber o belo troféu já exibido pela FAF.

Se o CSA conquistar o título sua torcida fará uma grande festa, lá mesmo no Estádio Rei Pelé. Caso conquiste o título, o CRB deverá escolher um local para sua torcida comemorar.

Nesta análise que o Blog faz, cabe uma pergunta: em caso de derrota para o seu maior rival, no 2º jogo, qual será a reação dos torcedores azulinos no Trapichão? Estou me referindo apenas aos ‘bagunceiros’ que existem nas torcidas de CSA e CRB.

Esse quesito, no contexto das finais, precisa de uma leitura cuidadosa das autoridades. O Cel. Neyvaldo Amorim, comandante do policiamento, garante que o trabalho será igual aos clássicos com duas torcidas.

Vamos torcer por dois grandes e emocionantes jogos. Faz tempo que estou envolvido com a maior festa do futebol de Alagoas. Nem sei quantos clássicos já narrei. Foram muitos, com certeza.

Convencionei chamar o jogo CSA x CRB de ‘O Maior Espetáculo Esportivo Produzido em Alagoas’. Mais ainda: ‘Nação Fantástica Azulina’ e ‘Nação Fascinante do Galo’ também são criações do ‘velho’ narrador do Timaço. Conheço como poucos a história deste clássico nos últimos 50 anos.

Domingo, 30/04, e domingo 07/05, não será diferente. Serão dois jogos para quem tem nervos de aço. É só esperar para conferir!

Texto: Arivaldo Maia

Zé Ricardo elogia o Flamengo, apesar da derrota na Libertadores
     │     0:04  │  0

Zé Eduardo não confirmou todos os titulares no Fla-Flu de domingo (Foto: Gilvan de Souza/CRF)

Como acontece habitualmente nas derrotas, o técnico Zé Ricardo evitou criticar os jogadores do Flamengo após a partida diante do Atlético Paranaense. O treinador preferiu destacar o desempenho da equipe no segundo tempo. O comandante admitiu que esperava encontrar muitas dificuldades na Arena da Baixada, principalmente pela qualidade do adversário, mas esperava que o Flamengo pudesse alcançar um resultado melhor pelo o que fez em campo.

“Sabemos que jogar aqui não é fácil, mas parabenizo nossa equipe, que fez um grande jogo, principalmente no segundo tempo”, analisou.

O flamenguista explicou a ausência do meia Everton, que estava escalado na prévia. O treinador revelou que o jogador estava se recuperando de um entorse no tornozelo e estava nos planos, mas acabou sendo vetado pelo departamento médico, após avaliação pouco antes da bola rolar.

Para Zé Ricardo, o Flamengo teve a infelicidade de sofrer o primeiro gol quando estava melhor em campo e chegou a perder oportunidades reais para empatar, antes de sofrer o segundo gol.

Em relação ao Fla-Flu de domingo, o treinador afirmou que ainda é cedo para definição da equipe, até porque o Flamengo vai encarar uma sequência de decisões. “De acordo de como os atletas se apresentarem, vamos preparar a equipe para domingo. Quem estiver em condição de enfrentar não só o Fluminense, mas como a sequência, vamos colocar em campo”, avisou.

Blog com Gazeta Esportiva

Jair cita ‘orgulho’ do elenco alvinegro após virada: ‘Jogadores no limite’
     │     0:03  │  0

Resultado de imagem para Jair Ventura, do Botafogo

Jair Ventura comemorou a vantagem obtida diante do Sport na Copa do Brasil (Foto: O Dia)

A vitória do Botafogo diante do Sport pode ser considerada uma daquelas que o torcedor alvinegro não vai esquecer tão cedo. E nem o técnico Jair Ventura. Na coletiva depois do triunfo contra o Sport, por 2 a 1, no Nilton Santos, pela Copa do Brasil, o comandante definiu em uma palavra o seu sentimento quanto ao elenco alvinegro: orgulho.

– O sentimento é de orgulho puro. De comandar um time desse, de homens, de entrega, de intensidade… apesar de ser jovem na profissão, eu não lembro de ver uma virada aqui, jogando com um a menos um tempo inteiro. Realmente, não lembro. Minha sensação é de orgulho. Sei que tenho jogadores que vão no limite, vão lutar sempre e isso para o treinador é orgulho – disse, bastante feliz, o técnico do Botafogo, que ainda lembrou do duelo de volta no Recife:

– Lógico que não estamos classificados, jogar lá é difícil. Mas conseguir virar com um a menos… o sentimento é de orgulho. Fizemos a vantagem mínima e, na Libertadores, passamos. Se pegar o levantamento, fazemos bons jogos fora de casa também. Está tudo em aberto – completou o técnico do Botafogo.

Blog com LANCEPRESS!

Fifa confirma árbitro de vídeo para Copa de 2018
     │     0:02  │  0

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, anunciou que a entidade utilizará a arbitragem de vídeo na Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Segundo o cartola, que participa da assembleia-geral da Conmebol, em Santiago, no Chile, os testes do chamado “VAR” (sigla em inglês para “árbitro auxiliar de vídeo”) têm dado apenas retornos positivos.

“Não é possível que, em 2017, todos os expectadores no estádio e em casa saibam que o árbitro errou e ele seja o único a não saber”, disse Infantino. O juiz de vídeo já havia sido experimentado no último Mundial de Clubes e, a partir do segundo semestre, será implantado na primeira divisão do Campeonato Italiano.

Na Copa de 2014, no Brasil, a Fifa já havia usado um sistema de câmeras para saber se a bola entrou ou não no gol, similar ao empregado no tênis.

Blog com Agência ANSA

Reformulando o elenco, Vasco cogita saídas de Rodrigo e Nenê
     │     0:01  │  0

Nenê chegou ao Vasco em 2015 (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

As eliminações na Copa do Brasil e Campeonato Carioca fizeram com que o Vasco ficasse um período de quase um mês sem jogos oficiais. Por conta do mau desempenho da equipe, comissão técnica e diretoria se reuniram e algumas mudanças podem acontecer dentro de campo.

Entre as principais alterações para a disputa do Campeonato Brasileiro, no ano em que o Cruzmaltino volta à elite, estão as prováveis saídas de dois atletas experientes: o zagueiro Rodrigo e o meia Nenê.

Rodrigo, de 36 anos, pediu licença ao clube até o fim da semana para resolver problemas em São Paulo. O que se comenta em São Januário é que o zagueiro dificilmente será reintegrado ao elenco após este período. Ele chegou ao clube em 2014 e ganhou importância dentro do grupo. No entanto, vem sendo um dos mais criticados nesta temporada.

O zagueiro teve problemas com o ex-técnico Jorginho na temporada passada, e a situação foi resolvida somente após a saída do comandante. Rodrigo colecionou polêmica com jogadores dos rivais cariocas e teve seu contrato renovado até o fim deste ano após o título do Carioca de 2016.

Já Nenê vem tendo problemas com o atual técnico Milton Mendes. O jogador reclamou de uma substituição durante o Estadual e foi criticado pelo treinador após discutir com o volante Douglas em outro confronto pelo Carioca. Além disso, o meia também não gostou do aumento da carga de treinos durante este período sem jogos.

A diretoria ainda pode dispensar mais jogadores. O consenso em São Januário é de que o ideal é priorizar o aproveitamento dos jogadores das categorias de base. Sobre reforços, o único nome especulado no clube é do zagueiro Anderson Martins, que teve passagem pelo clube em 2011, sendo campeão da Copa do Brasil.

Blog com Gazeta Esportiva