O lateral Igor é dúvida para enfrentar o Vila Nova
   23 de setembro de 2019   │     0:05  │  0

O lateral Igor, do CRB, passou por uma tomografia que não acusou maiores complicações. O jogador sofreu uma pancada na cabeça numa disputa de bola com Thiago Lopes, que foi expulso no lance.

Ontem, o atleta regatiano falou com o GloboEsporte.com e revelou que ainda passará por mais uma avaliação.

– Está tudo bem. Fiz uma tomografia e estou viajando com a delegação para Goiânia. Quando chegar lá, vamos ver como será os procedimentos. Aparentemente está tudo tranquilo. Somente o ferimento – disse.

O atacante Wille, que sofreu uma pancada no tornozelo, será avaliado nessa segunda e também não tem presença confirmada contra o Vila Nova.

Amanhã, a partida começa às 20h30, pela 24ª rodada da Série B. Com a vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, o time regatiano entrou no G-4. Com com 36 pontos, o Galo é o quarto colocado.

Blog com Globo Esporte

COMENTÁRIOS 0

Flamengo amplia vantagem na liderança
     │     0:04  │  0

Artilheiro do Brasileirão, Gabriel deixou sua marca no último sábado (Foto: Fernando Michel/Agência O Dia/Estadão Conteúdo)

O Flamengo segue em grande fase no Campeonato Brasileiro. O time de maior torcida no Brasil deu sequência ao bom momento e venceu o Cruzeiro por 2 a 1, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela 20.ª rodada, na abertura do segundo turno do Campeonato Brasileiro.

Os gols da vitória foram marcados pelo atacante Gabriel e pelo meia uruguaio Arrascaeta, que fez valer a lei do ex. De pênalti, Thiago Neves descontou para os donos da casa.

Com o resultado, o Flamengo se distancia na liderança da competição. A equipe do técnico português Jorge Jesus soma 45 pontos.

Na próxima rodada, a 21.ª, o líder do campeonato enfrenta o Internacional, nesta quarta-feira, às 21h30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. No mesmo dia, às 19h30, o Cruzeiro visita o Ceará, na Arena Castelão, em Fortaleza.

Blog com Band Esportes

COMENTÁRIOS 0

Daniel Alves mostra preocupação entre Seleção e São Paulo
     │     0:03  │  0

Resultado de imagem para Daniel Alves do São paulo

 

Convocado pela seleção brasileira para os amistosos contra Senegal e Nigéria, em outubro, Daniel Alves, (foto acima/ISTOÉ), sabe do peso que tem ao desfalcar o São Paulo em dois jogos do Campeonato Brasileiro.

Depois da vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo, no Estádio Nilton Santos, Daniel Alves falou sobre a importância de defender a Seleção, mas, ao mesmo tempo, não prejudicar os clubes no Brasileirão. O alvo, claro, é o calendário da CBF, que não prevê pausa no campeonato para as datas Fifa.

– Com respeito às convocações que interferem um pouco no Brasileiro, devemos tomar decisões que não sejam tão prejudiciais aos clubes, porque todos campeonatos param quando tem seleção, porque é uma data Fifa. Acredito que aqui não deveria ser diferente. Essa é a evolução do Campeonato Brasileiro e do futebol brasileiro. Quando você se adapta à Seleção – disse Daniel.

– A Seleção, para mim, é a representante maior do futebol nacional, então deve ser respeitada sempre. Mas os clubes também não podem ser prejudicados com convocação de jogadores. O campeonato tem de parar – completou.

Blog com Globo Esporte

COMENTÁRIOS 0

Aos 41 anos, Buffon volta a jogar pela Juventus e iguala recorde
     │     0:02  │  0

Resultado de imagem para buffon

 

Depois de 490 dias, o goleiro Buffon, (foto acima/Marca), voltou a jogar pela Juventus , na vitória sobre o Hellas Verona, em Turim, por 2 a 1. De quebra, o jogador igualou recorde do defensor Paolo Maldini. Ambos jogaram 902 vezes por clubes e são os italianos com mais partidas na carreira.

Por coincidência, o último jogo de Buffon com a camisa da Juventus havia sido contra o mesmo adversário. Na última temporada, o goleiro atuou pelo PSG antes de decidir retornar à antiga casa.

Buffon também está bem próximo a superar outro recorde de Maldini, que jogou 647 vezes na Série A da Itália. O goleiro já atuou em 641 partidas.

Aos 41 anos, Buffon foi peça fundamental para a vitória da Velha Senhora. Ele defendeu chute de Zaccagni, falta de Miguel Veloso e tentativa de Lazovic. Nessa última chance, Miguel Veloso ainda chutou na trave após rebote do goleiro.

Blog com O GLOBO

COMENTÁRIOS 0

Barroca blinda jogadores: “Responsabilidade é minha”
     │     0:01  │  0

Barroca lamentou gol sofrido no fim contra o São Paulo — Foto: Fred Gomes/GloboEsporte.com

Barroca lamentou gol sofrido no fim contra o São Paulo  (Foto: Fred Gomes/GloboEsporte.com)

Eduardo Barroca não escondeu a decepção pelo gol sofrido no fim na derrota por 2 a 1 para o São Paulo, no último sábado, no Nilton Santos. Porém, o treinador fez questão de tirar qualquer responsabilidade individual no resultado negativo e saiu em defesa do grupo durante a coletiva de imprensa.

– Enquanto minha equipe estiver se dedicando dessa forma, a responsabilidade dos resultados vai ficar comigo. Venho aqui de frente, falo isso mesmo, porque eles estão indo no limite. Não tem responsabilidade individual. Responsabilidade do resultado negativo é minha, eles vão sempre ser blindados pelo seu treinador enquanto tiverem esse tipo de comportamento – afirmou Barroca.

A análise foi de um jogo com tempos distintos. Na visão do treinador alvinegro, o primeiro tempo da equipe da casa foi “excelente”, mas acabou sendo castigado pelo “jogo de imposição” do Tricolor na etapa final.

– Preciso falar que o Botafogo fez um primeiro tempo excelente, conseguimos pressionar o São Paulo, criar chances. Controlamos o jogo na região do meio-campo, transformamos o controle em agressividade. Postura muito boa. Em pequenos momentos, o São Paulo, com a qualidade que tem, quando sobe, te machuca. No segundo tempo o São Paulo subiu mais a marcação, extremamente agressivos. O Botafogo ficou com um controle por trás, mas com muita dificuldade de transformar isso, fazer com que a bola chegasse com uma maior tranquilidade. O São Paulo trouxe um jogo de imposição muito forte, que não é nossa característica. O jogo ficou mais aberto. E no final do jogo eles fizeram o segundo. A gente lamenta muito pela forma, tomar um gol no final é sempre muito difícil.

Com a derrota, o Botafogo ficou estacionado com 27 pontos. A equipe volta a campo na quarta, às 21h30 (de Brasília), contra o Bahia, em Salvador.

Blog com Globo Esporte

COMENTÁRIOS 0