Veterano, Ricardo Oliveira pode acertar com o Londrina
   30 de julho de 2021   │     14:00  │  0

Oliveira não joga desde fevereiro, no Brasil

Ricardo Oliveira negocia com o Londrina. (Foto: Divulgação)

 

Londrina, PR, 28 (AFI) – Ricardo Oliveira já tem 41 anos, mas ainda acredita que tem muita lenha para queimar. Sem clube desde que deixou o Coritiba, ele negocia com o Londrina, integrante da zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro.

As conversas estão adiantadas e o anúncio poderá ser feito nos próximos dias, segundo informou o técnico Márcio Fernandes à Rede Massa. Ricardo Oliveira não joga desde fevereiro, no encerramento do Brasileirão 2020.

Recentemente, o Pastor ganhou uma ação na Justiça de R$ 3 milhões do Atlético-MG. Além do Galo, o atacante passou por Portuguesa, Santos, onde foi campeão paulista, São Paulo, onde foi campeão brasileiro em 1006, Valencia-ESP, Betis-ESP, Zaragoza-ESP, Milan-ITA, Al Jazira-UAE e Al Wasl-UAE, além da Seleção Brasileira, onde foi campeão da Copa América em 2004.

Caso aceite a proposta, Ricardo Oliveira chegará em um clube da zona de rebaixamento da Série B. O Londrina amarga a antepenúltima colocação com 12 pontos, a dois da lanterna e com a mesma pontuação do primeiro rival fora da degola.

Após vencer o Remo por 1 a 0, o Londrina fará duelo de seis pontos contra o Cruzeiro no Mineirão nesta sexta-feira, às 21h30, pela 15ª rodada.

Blog com Futebol Interior

Comentários 0

Rebeca teve início duro até conquistar sua medalha
     │     12:00  │  0

Por: Agência Estado, 29/07/2021

Foto: Ricardo Bufolin/CBG

 

Campinas, SP, 29 – Quando a crise financeira apertou na casa da empregada doméstica Rosa Rodrigues, a filha Rebeca Andrade andava duas horas a pé para treinar ginástica no Ginásio Bonifácio Cardoso, na Vila Tijuco, em Guarulhos, na Grande São Paulo.

Depois, o irmão mais velho comprou uma bicicleta usada para levar a irmã. Aos 9 anos, Rebeca começou a voar e foi morar em Curitiba para treinar. A mãe, dona Rosa, foi chamada de doida. Foi difícil o início da carreira da dona da medalha de prata na ginástica nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020.

Blog com Agência Estado

Comentários 0

Renato diz que sua meta principal no Fla é a Libertadores
     │     10:00  │  0

Rio – Renato Gaúcho nunca escondeu o sonho de comandar o Flamengo. Agora no cargo, o treinador já tem novas metas para realizar junto ao clube Rubro-Negro: ser campeão da Libertadores. Em entrevista à FlaTv, o técnico – classificado para às quartas do torneio – falou sobre a força do elenco e o desejo pelo título:

“O que estou preparando ou não para Libertadores… A gente quer ganhar! A gente trabalha pra ganhar. A gente está nas quartas já. Sabemos o quanto é difícil porque o Flamengo quer ganhar e os outros também querem ganhar. Então, tudo é difícil. Em qualquer competição que você entra… Ainda mais sendo Flamengo, todo mundo quer enfrentar e ganhar o Flamengo”, disse antes de completar:
“Nós estamos no caminho certo, a cada jogo que passa, a gente tem melhorado em todos os sentidos e é lógico que o nosso objetivo maior é a Libertadores, mas a gente nunca vai deixar um Copa do Brasil ou o Brasileiro. O elenco que o Flamengo montou, a gente vai andando nas três competições. “Ah, vamos ganhar as três?”, gostaria muito, mas é difícil. A gente trabalha pra isso, pra ganhar todas, mas do outro lado temos adversários que também querem ganhar. É nesse sentido aí e a Libertadores não é diferente. É um sonho que eu tenho, conquistar a Libertadores pelo Flamengo com esse grupo”, concluiu Renato.
Blog com O Dia
Comentários 0

Nei Franco repete no CSA campanha que subiu o Goiás
     │     8:30  │  0

A derrota contra o Botafogo na noite de terça-feira (27) freou uma possível arrancada do CSA no pelotão de cima da Série B. Agora com 18 pontos, a equipe alagoana ocupa a 12ª colocação, podendo ser ultrapassado pelo Remo, que tem um jogo atrasado. Com um aproveitamento de 42,9%, o início ruim foi o principal fator dessa pontuação, porém, o atual técnico azulino, Ney Franco, passou por uma situação bem parecida em 2018.

Naquela temporada, o Goiás também iniciou a Série B com maus resultados e resolveu contratar Ney Franco para a recuperação. A coincidência aparece quando, na 14ª rodada daquela segundona, o Goiás também chegou a 18 pontos, com cinco vitórias, três empates e seis derrotas, números iguais aos atuais do CSA.

O time alviverde estava na 10ª posição, porém também a cinco pontos do G-4, assim como Azulão está hoje, em relação ao quarto colocado atual (que é o próprio Goiás). A única grande diferença são os gols marcados e sofridos. Hoje, a defesa do CSA é melhor do que daquele Goiás, com seis gols a menos sofridos, entretanto o ataque tem quatro gols a menos marcados.

Ney Franco conseguiu um dos acessos mais emblemáticos do Goiás, em 2018 – Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás E.C.

Para o torcedor azulino que gosta de se apegar aos números, naquela temporada, a mesma que ocasionou no acesso marujo, o Goiás de Ney Franco também subiu, mesmo que aos trancos e barrancos. O time goiano terminou sua campanha com 60 pontos, 18 vitórias, seis empates e 14 derrotas, tendo ascendido no quarto lugar.

Mesmo com a derrota para o Botafogo, a atual situação do clube alviceleste superou a de 2020, quando terminou em 5º. Na temporada passada, o CSA chegou no 14º jogo com 16 pontos, cinco vitórias, sete derrotas e um empate, por coincidência também em 12º lugar.

Focado em ficar na parte de cima da tabela, o CSA terá mais um desafio fora de casa e uma vitória pode deixar o time de olho gordo pra cima do G-4. A equipe alagoana encara o Remo, em Belém, no próximo domingo (1º), às 18h15

Blog com Gazetaweb

Comentários 0

CRB perdeu no duelo de ida e precisa vencer em casa para avançar na Copa do Brasil
     │     7:00  │  0

  • Fortaleza abriu vantagem contra o CRB no mata-mata das oitavas de final da Copa do Brasil. Nesta quinta, o Galo marcou primeiro, com Nicolas Careca, mas o Leão rugiu alto no segundo tempo e virou para 2 a 1 com gols de Wellington Paulista, de pênalti. O detalhe foi que o VAR participou efetivamente de dois dos três lances decisivos do jogo, disputado na Arena Castelão, em Fortaleza.

    Fortaleza 2 x 1 CRB - Melhores momentos

    Fortaleza 2 x 1 CRB 

  • Como fica?

    O Fortaleza vai jogar com a vantagem do empate na partida de volta, marcada para quarta-feira, às 16h30, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O CRB precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para se classificar no tempo normal. Se ganhar por um gol, força a disputa por pênaltis.

    Fortaleza x CRB

    Fortaleza x CRB (Foto: Thiago Gadelha / SVM)

  • Central do Apito

    Aos 11 minutos do 1º tempo, o Fortaleza pediu pênalti de Reginaldo em David, e a comentarista de arbitragem Fernanda Colombo considerou justa a reclamação. Para ela, o lateral derrubou o atacante na área do CRB. O árbitro Paulo Roberto Alves Júnior (PR) foi chamado pelo VAR, analisou o lance no monitor e manteve a decisão de campo.

    Fernanda também achou correta a validação do gol do CRB, de Careca, e a confirmação dos dois pênaltis a favor do Fortaleza na etapa final.

    Blog com Redação do ge – Alagoas

Comentários 0